A A A C
email

Terça-feira, 12/06/2018

O Combate ao Mosquito Depende de Nós

Tags: 2ªcre, dengue.

 

Os alunos da E.M. Barão de Itacurussá participaram de atividades informativas e práticas sobre as doenças transmitidas pelo mosquito Aedes Aegypti.

 

A professora Renata Barbosa, regente de Ciências na E.M. Barão de Itacurussá, entrou em contato com o portal Rioeduca e nos contou sobre as atividades realizadas no projeto que tem como objetivo a conscientização do combate ao mosquito Aedes Aegypti.

A atividade foi realizada com todas as turmas do segundo segmento, a partir de uma explanação do que são arboviroses e, principalmente, sobre aquelas cujo vetor é o Aedes Aegypti. Além disso, foi feito um debate com as turmas a respeito de possíveis criadouros de mosquitos em seus domicílios e atuação dos mesmos nesta prevenção. 

 

Alunos apresentando a "mosquitérica".

 


A turma 1.701 realizou um experimento, no qual o foco principal é a captura de mosquitos e visualização das etapas do desenvolvimento deste inseto, dentro da unidade escolar. Esse processo foi realizado de forma controlada, sob a supervisão da professora regente e com o objetivo somente de observação. Para tal atividade, a turma confeccionou quatro “mosquitéricas”- armadilha de mosquitos- que foram armazenadas em três salas. 

 

Alunos atuando no projeto de combate ao mosquito Aedes Aegypti.

 


Os alunos da 1.701, também, foram às salas de todas as turmas da escola para informar aos colegas sobre o compromisso e responsabilidade frente ao combate ao Aedes Aegypti, distribuindo panfletos.  

 

Aluna entregando panfleto.

 

 

Entrega de folhetos aos alunos da escola.

 


A professora Renata Barbosa relata que os criadores da armadilha de insetos foram Hermano César M. Jambo e Antônio C. Gonçalves Pereira. Ambos a patentearam com o nome de mosquitoeira. Porém, para difundir a utilização da invenção, o grupo do professor Maulori Cabral, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), criou uma versão alternativa e gratuita chamada mosquitérica.


Agradecemos a professora Renata Barbosa e a equipe da E.M. Barão de Itacurussá por compartilhar conosco este projeto que demonstra ações práticas de cidadania e cuidados com a saúde.

 

O contato da unidade escolar é: emitacurussa@rioeduca.net

 

Divulgue também o trabalho de sua escola no portal Rioeduca.

Entre em contato com o representante de sua CRE.

 


   
           



   
Comentário enviado com sucesso, aguardando moderação.














Sua indicação foi enviada com sucesso!









Saiba mais:

2ªcre (313)
dengue (57)

Comentários
Não há comentários sobre este tópico.