A A A C
email
Retornando 2 resultados para a tag 'sca'

Terça-feira, 02/10/2012

10ª CRE promove capacitação para secretário escolar

Tags: 10ªcre, sga, sca, escola 3.0.

 

 

A capacitação foi realizada no Laboratório de Informática da Cidade das Crianças e contou com a participação dos 112 novos secretários lotados em escolas da 10ª CRE

 

 

Criado em 2011, pela Lei Municipal 5335, o cargo de secretário escolar da Prefeitura do Rio de Janeiro teve o seu concurso público realizado em maio de 2012, com os primeiros 1051 funcionários empossados em agosto deste ano.
 

 

Os novos funcionários passaram a fazer parte do quadro permanente de pessoal do município do Rio de Janeiro, no âmbito da Secretaria Municipal de Educação e terão a função de planejar e coordenar as atividades de seu setor, cuidando de equipamentos e suprimentos necessários ao funcionamento da escola.


Segundo o professor Rodrigo José dos Santos, assessor de Informática da 10ª CRE, dentre as atribuições do Secretário Escolar estão: analisar, organizar, registrar e documentar fatos ligados à vida escolar dos alunos e aos profissionais em exercício na unidade escolar.

 

Rodrigo, que coordenou a capacitação dos secretários nomeados para as escolas da 10ª CRE, informou também que os novos funcionários precisam conhecer e utilizar-se de tecnologias de informática.

 

Ainda na lista de atribuições dos secretários está previsto, zelar pela identidade da vida escolar dos alunos e pela autenticidade dos documentos escolares; responsabilizar-se por toda a escrituração e expedição de documentos escolares e outros que se façam necessários.

 

É também responsabilidade dos novos profissionais promover o levantamento de dados referentes à vida escolar dos alunos, contabilizando-os para fins estatísticos e respectiva análise, entre outras tarefas.

 

 

 

Também participaram da capacitação dos novos secretários, ministrando palestras: Luis Nunes, que falou sobre RioCard; Suelen, que tratou dos assuntos relacionados ao Sistema de Controle Acadêmico (SCA) e Luiz Cláudio, que apresentou as novidades do Escola 3.0.

 

Para melhor aproveitamento da capacitação dos novos secretários, as turmas foram divididas em quatro grupos, reunidos nos dias 13, 14, 18 e 20 de setembro, de acordo com os sistemas, SGA (Sistema de Gestão Acadêmica) e SCA (Sistema de Controle Acadêmico), para que todos os 112 profissionais recém-admitidos fossem contemplados.

 

Todos os participantes receberam cópias em arquivo pdf, dos principais manuais que serão usados no cumprimento das suas atribuições funcionais, entre os quais: Manuais SGA, DESESC e RioCard, apostilas com informações do SCA e perguntas frequentes sobre o SGA.

 

 

Contatos: Professor Sinvaldo do Nascimento Souza, representante do Rioeduca na 10ª Coordenadoria Regional de Educação.

 

 

E-mail: sinvaldosouza@rioeduca.net
 

 

 

Twitter: @SinvaldoNSouza

 

 

 

 

 

 

 

                                      

 

 

 


  

Segunda-feira, 23/01/2012

2012 = 3.0 na 10ª CRE

Tags: 10ªcre, escola, 3.0, sca.

 

Com a implantação do Sistema de Gestão Acadêmica Escola 3.0 previsto para 15 escolas da 10ª CRE, a Assessoria de Informática e Tecnologia vai intensificar a programação dos cursos e oficinas de capacitação para gestores, professores e funcionários administrativos das unidades escolares, a partir da segunda quinzena do mês de abril de 2012.

 

 

Você já ouviu falar no sistema Escola 3.0?

 

Na postagem que fiz para o Portal do Rioeduca, publicada em 14 de novembro de 2011, sob o título de “A Gestão Acadêmica 3.0 na Escola Municipal Leocádia Torres”, descrevo resumidamente, como funcionará o sistema.

 


Bem antes disso, em 9 de fevereiro de 2010, a professora Lilian Ferreira, gerente do portal Rioeduca, já noticiava o início do processo, com a publicação do texto intitulado “Escola 3.0 – fazendo hoje a escola do futuro”.

 


Lilian Ferreira cita a grande relevância da informatização no processo de transformação da aprendizagem formal pela colaborativa, e conclui indagando sobre a escola que queremos para os próximos seis anos: Como será essa escola? Como serão os alunos, os professores e a Rede?

 


No ano passado, 2011, já houve o primeiro grande avanço, no âmbito da Secretaria Municipal de Educação, com a implantação da fase piloto do sistema de gestão Escola 3.0.

 


Segundo informações que me foram repassadas pelo professor Rodrigo Abreu, da Assessoria de Informática da 10ª CRE, dezoito escolas da Rede, incluindo a E.M. Leocádia Torres, localizada no bairro da Pedra de Guaratiba, passaram pela fase piloto, com todos os professores fazendo uso de laptop em sala de aula, registrando a frequência, planos de aula e anotações personalizadas sobre o aprendizado de cada aluno.

 


De dezoito escolas em 2011, a Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro ampliou para 125. Já no mês de maio, com a previsão de implantação para o dia 2, o SGA (Sistema de Gestão Acadêmica) Escola 3.0, deverá funcionar em quinze escolas da 10ª CRE, incluindo a E.M. Leocádia Torres, que passou pelo teste inicial, funcionando como uma espécie de protótipo.

 


Ainda segundo informações do professor Rodrigo Abreu, todas as Coordenadorias Regionais contarão com um técnico supervisor, e mais um técnico para cada grupo de cinco escolas participantes. Sendo assim, a 10ª CRE terá mais três técnicos, que estarão visitando as escolas acompanhando a implantação do projeto e dando suporte aos professores, funcionários e integrantes da direção.

 

 

Está previsto para este ano de 2012, que até o mês de dezembro, todas as escolas da Rede Municipal de Educação da Prefeitura do Rio de Janeiro já tenham substituído o atual Sistema de Controle Acadêmico (SCA) pelo Sistema de Gestão Escola 3.0.

 


Os avanços são evidentes! Do início de 2009 até hoje todos os professores, funcionários e alunos da Rede Municipal de Educação passaram a dispor de um e-mail do Rioeduca.


O Sistema de Gestão Escola 3.0 estará possibilitando que todas as unidades escolares da rede sejam informatizadas e passem e dispor das informações acadêmicas e administrativas online.

 


Com o registro de classe implantado no sistema, as notas, justificativas de faltas, conceitos, frequência e planejamento das aulas, poderão ser atualizados pelos professores e consultados na escola, em casa ou em qualquer lugar, consolidando o processo inovador e facilitador, para quem sempre sonhou com a educação de qualidade na escola do futuro, que já se faz presente.

 

Leia também

Escola 3.0 - fazendo hoje a escola do futuro 

http://migre.me/7rpxG

A Gestão Acadêmica 3.0 na Escola Municipal Leocádia Torres

http://migre.me/7rpr5

 

 

                                                                           

 

Print Friendly and PDFPrintPrint Friendly and PDFPDF