A A A C
email
Retornando 96 resultados para a tag 'creches'

Sexta-feira, 01/06/2012

Identidade e Autonomia

Tags: 3ªcre, educaçãoinfantil, creches, blogsdeescolas.

 

 

Por aqui, já vimos muitos alunos das unidades escolares municipais adquirindo os mais variados conhecimentos. Porém, a aquisição de conhecimentos começa muito antes. A Creche Municipal Odetinha Vidal, 3ª CRE, registrou este momento em seu blog.

 

 

O trabalho das creches municipais inicia-se com os bebês a partir dos seis meses de vida. Eles precisam aprender a relacionar-se com o mundo afastando-se de suas mães. E o primeiro passo é conhecer a si mesmo, suas necessidades e capacidades e, concomitantemente, relacionar-se com o outro.


A aprendizagem nesta fase é centrada no uso dos cinco sentidos: visão, paladar, tato, olfato e audição. A ludicidade é o instrumento para a aquisição do autoconhecimento. Assim, todas as atividades envolvem o tocar, o provar, o ver, o cheirar, o ouvir e o brincar. O projeto Identidade e Autonomia, da C. M. Odetinha Vidal,  proporciona às crianças desde a mais tenra idade esse tipo de interação.

 

 

 

 

Um das primeiras atividades, ainda no Berçário, é o olhar-se no espelho. Inicialmente, de maneira livre, para interagir com a própria imagem e a dos colegas. Depois, seguindo as instruções da professora, experimentar ações e expressões formando a autoimagem que o ajudará a compor sua identidade. Dos bebês aos maiorezinhos, a observação da própria imagem no espelho aguça a curiosidade e o aprendizado através do outro e suas ações.

 

 

 

 

Com as turmas do Maternal,  passa-se à exploração das partes do corpo, com identificação das funções e a representação variada delas. Há o clássico registro do corpo de um deles para que possam identificar suas parte e interagir sempre de maneira divertida. Acompanhe no vídeo o trabalho de uma das turminhas.

 

 

 

 

O registro das individualidades formam o conceito de grupo. Aquele mais próximo que interage com ele no dia a dia  aprende e ensina e, nesta idade, cresce a olhos vistos.

 

 

 

 

Turma 41 da C. M. Odetinha Vidal de Oliveira

 

 

Todos estes conceitos são muito utéis na alfabetização, próxima fase da aventura do saber, pela qual passarão este e muitos alunos da nossa rede. Mas este é um outro capítulo ... Para ver mais sobre esses bebês em ação, acesse o blog C. M. Odetinha Vidal de Oliveira. Atividade não falta por lá!

 

 

 

 

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quinta-feira, 24/05/2012

A C.M. Sempre Vida Dique Põe o Blog no Ar

Tags: 4ªcre, blogdeescolas, creches.

 

Para muitos usuários, os  blogs são uma ferramenta para vinculação de informações e participação de outros usuários. Mas, no blog da  Creche Municipal Sempre Vida Dique podemos encontrar relatos de experiências, troca de material didático e de informações, sugestões de pesquisas e muito mais.

 

 

 

 

 

Aprendizagem, emoção e cognição na educação: uma perspectiva sócio-histórica.

 

Os Espaços dedicados à Educação Infantil diante do surgimento dessas novas tecnologias não pode isolar a criança do mundo em que vivem, pois é através da interação e da comunicação que a criança cria situações concretas e imaginárioas que contribuem para a construção de elementos próprios de seu contexto cultural.
 

As novas tecnologias surgiram para expandir e integrar o conhecimento de forma rápida e acessível a todos. É esse mundo digital que temos que trazer para a escola e assim tornar mais atrativo o nosso ambiente deaprendizagem.

 

Na Creche Municipal Sempre Vida Dique o computador é utilizado  para brincar e aprender, além de fazer a criança pensar, também agrega valores e inclui a Família no ambiente escolar.

 

 

 

Visite o blog da Creche Municipal Sempre Vida Dique e fique por dentro de tudo o que acontece por lá, lembrem-se de deixar o seu recadinho o pessoal vai adorar! Para acessar é só clicar em http://semprevidadique.blogspot.com.br/ ou então, clique sob as imagens.

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 16/05/2012

C. M. Zilka Salaberry Apresenta o Projeto Brincadeiras de Criança com Tia Bilu

Tags: 6ªcre, creches.

 

Com o projeto Brincadeiras de Criança com Tia Bilu, a Creche  Municipal Zilka Salaberry ajuda seus alunos a compreenderem e aceitarem formas e padrões de comportamento social e pessoal, a terem autoconfiança e a resolver novas situações. O lúdico se transforma em um instrumento facilitador para a construção do conhecimento do aluno.

 

 

Agente Auxiliar de Creche Adriana Oliveira e alunos da Creche Zilka Salaberry

Introdução:


As brincadeiras infantis estimulam a interação, a cooperação e a socialização, além de estimular a criatividade e contribuir para a formação cognitiva e psicológica do ser. Queremos estimular as crianças a brincar de cantigas de roda, pular amarelinha, jogar cinco marias, resgatando dessa forma, as brincadeiras da infância, como eram no passado.  Nesse sentido, surge o projeto BRINCADEIRAS DE CRIANÇA COM TIA BILU, personagem vivida pela educadora Adriana Oliveira que programa as atividades e leva as crianças a vivenciarem brincadeiras do universo infantil.


 

Justificativa:

As brincadeiras antigas para crianças nos remetem ao passado, ao tempo dos nossos avós e pais; um passado muito feliz e criativo. Naquela época não existiam tantos brinquedos como hoje. Para se divertir, as crianças precisavam usar a imaginação para criar seus brinquedos e inventar brincadeiras. Como naquele tempo não havia a diversidade de materiais que existem hoje, uma pedrinha, um barbante, uma caixa de papelão se transformavam numa divertida brincadeira artesanal e simples. A fim de relembrar as brincadeiras antigas e muito divertidas, além de integrá-las no dia a dia das crianças foi que criamos o projeto.

 

Agente Auxiliar de Creche Adriana Oliveira e Alunos da Creche Zilka Salaberry


Objetivos:

- Retomar as brincadeiras do passado, como no tempo dos nossos pais e avós;
- Desenvolver na criança a criatividade no uso de materiais artesanais;
- Ensinar regras nas brincadeiras;
- Levá-las a inventar e criar regras;
- Conhecer as brincadeiras antigas;

 

Desenvolvimento:

Tia Bilu, vivida pela Agente auxiliar de creche Adriana de Oliveira, vem encantar as crianças com suas brincadeiras às terças-feiras e quintas-feiras, na hora da recreação dirigida de cada turma. No momento de começar a brincadeira, ela conduz a turma a um espaço da creche: pátio interno, externo ou parquinho. Lá, promove cantigas de roda, amarelinha, passa o anel, gira pião, esconde-esconde, escravos de Jó, cinco marias, batata-quente, pula corda, pega-pega e por aí vai fazendo a diversão da criançada. As crianças entram no clima das brincadeiras e aproveitam cada minuto com a tia Bilu.


 

 

Agente Auxiliar de Creche Adriana Oliveira e alunos da Creche Zilka Salaberry

Atividades:

Brincadeiras como cantigas de roda, gira-pião, cinco marias, pega-pega, esconde-esconde, amarelinha, escravos de Jó, batata-quente, passa o anel, etc.

 

Parabéns à equipe da C.M. Zilka Salaberry pelo excelente trabalho desenvolvido com seus alunos!

 

Professor, divulgue também os blogs ou projetos desenvolvidos em sua escola.

Queremos conhecê-los! Para isso, entre em contato com o

representante do Rioeduca em sua CRE.

 

Gostou dessa publicação? Deixe um comentário ou clique em curtir para compartilhá-la com seus amigos do Facebook!

 

Professora Patrícia Fernandes - Representante do Rioeduca na 6ªCRE

Twitter: @PatriciaGed

E-mail: pferreira@rioeduca.net

 


 



 

                               


   
           



Yammer Share

Sexta-feira, 27/04/2012

Da Alimentação Saudável na C. M. Sylvia Orthof

Tags: 3ªcre, saúde, educaçãoinfantil, creches, blogsdeescolas.



 

A alimentação saudável e a prevenção da obesidade foi um dos temas sugeridos pelo MEC para reflexão escolar em março e abril. A C. M. Sylvia Orthof explorou muitos ângulos do tema.

 

 

A obesidade, inclusive infantil, tem preocupado os profissionais da área de saúde e chega até os educadores em busca de formas de Prevenção. A educação alimentar visa proporcionar oportunidades de conhecimento de novos sabores mais saudáveis e naturais e afastar os pequeninos da alimentação vazia de nutrientes. Nada melhor que começar cedo quando as preferências ainda estão sendo formadas. A curiosidade dos pequenos frente a novos alimentos e sabores ainda é maior do que aquela rejeição ao alimento desconhecido.

 

 

 

Desenvolvimento da autonomia na alimentação EI – 40

 

 

A equipe da Creche Municipal Sylvia Orthof aproveitou o tema até o caroço e desenvolveu uma série de atividades. Os quatro sentidos passaram as frutas em revista. Elas foram vistas, tocadas, cheiradas e saboreadas. Além disso, as professoras de Educação Infantil e as agentes auxiliares da creche elaboraram jogos da memória e dominó para organizar alguns conceitos. 

 

 

 

Jogo da Memória da Alimentação Saudável

 

 

A criança dessa faixa etária precisa muito do concreto para assimilar conhecimento. A partir das cores das frutas, elas foram adquirindo conceitos, enriquecidos a seguir pela fantasia das histórias contadas para eles. Quem disse que não é possível trabalhar intertextualidade com os pequeninos? Assim eles viajaram em diferentes textos em que a maçã, uma das frutas trabalhadas, aparece em diferentes situações e contextos. Foi maçã com bichinho, maçã envenenada e Chapeuzinho Vermelho.

 

Chapeuzinho Vermelho? Tem maçã na Chapeuzinho Vermelho? Claro que não, mas tem o vermelho da maçã em mais um conhecimento agregado a partir da busca de uma alimentação saudável.

 

 

 

Livros trabalhados a partir da alimentação saudável

 

 

Tudo isso eu descobri navegando no blog da Creche Municipal Sylvia Orthof que, com uma homenageada tão amiga dos livros e das belas histórias, tinha que ter um diferencial. Pois bem, as informações das atividades são todas rimadas. Assim fica muito mais gostoso ver o trabalho realizado por essa equipe.

 

 


 

 

Confiram a apresentação da maçã para o EI – 30 no vídeo e as rimas do blog. Com certeza, vai ficar com água na boca e fome de saber como esses pequeninos.

 

 

 

 

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share