A A A C
email
Retornando 105 resultados para a tag 'creches'

Sexta-feira, 10/08/2012

Pequenos Leitores de Música

Tags: 6ªcre, creches, educaçãoinfantil, artesmusicais.

 

A C. M. Zuzu Angel trabalhou com os alunos, no 1º semestre de 2012, o projeto Pequenos Leitores de Música com o objetivo de desenvolver em seus alunos uma melhor expressão corporal e interação entre as crianças. Este projeto foi realizado a partir do centenário de aniversário de Luiz Gonzaga.

 

A fascinação  que a música exerce sobre a criança é visível! Basta tocar um CD infantil para vermos despertar na criança a alegria, a vontade de cantar, de dançar e de interagir com as outras crianças. Ao fazer isso, a criança aumenta sua capacidade corporal e a percepção do espaço que a cerca.

 

A musicalidade como recurso pedagógico é muito importante, pois é uma finalizadora do processo de ensino e aprendizagem. A sala de aula que tem a música como recurso pedagógico é um ambiente mais propenso à tranquilidade, ao entretenimento e à interação social.

 

Na C. M. Zuzu Angel, as professoras entendem que a Arte conduz à compreensão do próprio indivíduo, que a atividade lúdica, tão natural na vida da criança, é fundamental no desenvolvimento da vida afetiva e intelectual e que não existe cultura superior à outra, e sim, vivências diferentes, tradições e costumes próprios dos múltiplos segmentos da sociedade e que a musicalização é um processo de construção do conhecimento.

 

As atividades de musicalização permitem que a criança conheça melhor a si mesma, desenvolvendo sua noção de esquema corporal e também permitem a comunicação com o outro. Weigel (1988) e Barreto (2000) afirmam que atividades podem contribuir de maneira indelével como reforço no desenvolvimento cognitivo/ lingüístico, psicomotor e sócio-afetivo da criança.

 

Sendo assim, a Creche tem por objetivo propiciar um ambiente desafiador, estimulador e rico na construção e respeito às diversidades através do Subprojeto Pequenos Leitores de Músicas.

 

No projeto, foi abordada  a biografia de Luís Gonzaga, que comemora, neste ano de 2012, o centenário de seu nascimento, ressaltando as tradições e costumes do povo nordestino, que muito têm a ver com a família das crianças de nossa comunidade

 

 

Luís Gonzaga inspirou o projeto Pequenos Leitores de Música da C. M. Zuzu Angel

 

 

Os professores realizaram com os alunos um aula passeio à Feira de São Cristóvão. O Centro Municipal Luís Gonzaga de Tradições Nordestinas sintetiza o nordeste e oferece ao visitante tudo de que a região dispõe, exibindo, nas suas quase setecentas barracas, sua riqueza tradicional e proporcionando, ainda, a aniimação caracterísitica da terrinha: o som do Nordeste.

 

 

Alunos da C. M. Zuzu Angel visitam a Feira de São Cristóvão

 

 

A culminância aconteceu na comemoração do Dia das Mães, onde as professoras aproveitaram para difundir as tradições nordestinas e a musicalidade na comunidade escolar através de belas apresentações musicais e atividades envolvendo crianças e responsáveis.

 

 

Alunos da C. M. Zuzu Angel fazem apresentações musicais na comemoração do Dia das Mães

 

 

As professoras trabalharam também a língua nordestina. Os nordestinos deram início à saga da Língua Portuguesa no Brasil, adaptando-a a novos hábitos fonéticos, recheando-a de termos de origem indígena e, depois, de origem africana. A língua do nordeste marca uma cultura rica em termos, ritmos e em expressão plástica.

 

 

Trabalhos realizados sobre a linguagem nordestina pelos alunos da C. M. Zuzu Angel

 

 

A culinária nordestina não ficou de fora do projeto! Ela é fortemente influenciada pelas condições geográficas e econômicas ao logo da história, assim como pela antiga mistura da culturas portuguesa, indígena e africana.

 

As comidas quase sempre têm como ingredientes carnes de gado bovino e caprino, peixes, frutos do mar e produtos vegetais, muitas vezes cultivados pelos índios desde muito antes da colonização.

 

 

Alunos da C. M. Zuzu Angel trabalham com os alunos a  culinária nordestina

 

 

Diante do sucesso na apresentação das atividades desenvolvidas durante o projeto Pequenos Leitores de Música na culminância, as professoras perceberam que os objetivos foram alcançados.

 

Com este projeto, a equipe da C. M. Zuzu Angel estimulou e facilitou o processo de aprendizagem e desenvolvimento dos alunos com a utilização da  música e de diversas experimentações. A musicalização é um processo de construção do conhecimento, favorecendo o desenvolvimento da sensibilidade, criatividade, senso rítmico, do prazer de ouvir música, da imaginação, memória, concentração, atenção, do respeito ao próximo, da socialização e afetividade, também contribuindo para uma efetiva consciência corporal e de movimentação.

 

Parabéns aos professores da C. M. Zuzu Angel, por perceber que a  música possui um papel importante na educação das crianças. A escola está contribuindo para o desenvolvimento psicomotor, sócioafetivo, cognitivo e lingüístico, além de ser facilitadora do processo de aprendizagem. É um orgulho ter professores como vocês na 6ª CRE. Não é à toa que estamos crescendo cada vez mais! 

 

Você gostou deste projeto? Deixe uma mensagem para a equipe da C.M. Zuzu Angel! Envie o seu projeto para ser divulgado no Portal Rioeduca! Divulgue o seu trabalho! Nós somos a seXta CRE!

 

Patrícia Fernandes - Representante do Rioeduca 6ª CRE

Twitter: @PatriciaGed

E-mail: pferreira@rioeduca.net

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 26/06/2012

Projeto Divinéia: Vida Saudável em Ação

Tags: 2ªcre, projetos, creches, educaçãoinfantil, saúde, meioambiente.


A C. M. Nova Divinéia está localizada no bairro do Grajaú e desenvolveu, ao longo do primeiro semestre de 2012, um projeto sobre vida saudável envolvendo alunos e a comunidade escolar.

 

 

O objetivo principal do projeto “Divinéia: Vida Saudável em Ação” é aproximar as famílias e a creche, procurando despertar na comunidade o interesse e a necessidade de viver com saúde em um mundo saudável.

 


Nos meses de abril e maio, foram realizados eventos planejados e elaborados com muito empenho e dedicação por toda a equipe. Estes envolveram desde as atividades diárias da creche até a realização de atividades com as famílias.

 

 

 

Alunos confeccionando convites para os eventos

 

 

O primeiro evento priorizou o cuidado com a saúde. A C. M. Nova Divinéia contou com a parceria do SESC - Santa Luzia que realizou medição de pressão arterial, aferição dos níveis de colesterol e glicose e aplicação de flúor. Foram atendidas cento e cinquenta e cinco pessoas. Para esse evento, a equipe da creche pesquisou sobre a importância das cores dos alimentos para a saúde e preparou uma farta e apetitosa mesa com frutas, chás e geleias.

 

Desta forma os responsáveis que participaram da atividade puderam, além de obter informações sobre a saúde, conhecer a importância das cores dos alimentos para uma alimentação saudável e equilibrada.

 

 

SESC - Santa Luzia fazendo atendimento à comunidade

 

 

Mesa com alimentos preparados pela equipe da C. M. Nova Divinéia

 

 

O segundo evento tratou do tema reciclagem, onde os responsáveis puderam aprender como reaproveitar materiais que seriam considerados lixo. Além disso, provaram de receitas muito gostosas produzidas pelos pequeninos, com o apoio das professoras e das agentes auxiliares de creche, como: bolo de casca de banana e geleia de casca de melão.


 

As professoras e as agentes auxiliares de creche fizeram uma pesquisa sobre quais objetos poderiam ser produzidos através do reaproveitamento de garrafas PETS, jornais, latas de leite, tampinhas de refrigerantes e outros. Após isto, realizaram uma campanha de recolhimento destes materiais com as crianças e prepararam amostras dos objetos cuja confecção foi ensinada na oficina.


 

As turmas confeccionaram os convites e no dia 05 de maio, aconteceram três oficinas diferentes: a de reciclagem de papel e metal, a de plástico e vidro e a de reaproveitamento de alimentos.


 

Depois de passarem pelas salas de reciclagem do EI 50 e EI 40, os participantes chegavam à sala do EI 30, onde podiam degustar um delicioso bolo de casca de banana preparado na véspera pelas crianças, professoras e agentes auxiliares de creche.

 

 

Parte da Equipe que trabalhou no evento e a Diretora Marta Damião com o
Sr. Cláudio, então presidente da Associação de Moradores.  Sr. Ronaldo Sena, representante do Sr. Rafael Freitas – Administrador da IX R.A, prestigiaram o evento.

 

 

 

Momentos da oficina de reciclagem

 

No mês de junho, o foco foi sobre a necessidade de economizarmos água. A creche preparou uma passeata pelas ruas da comunidade com o intuito de chamar atenção para a questão ambiental, tão importante nos dias de hoje. E ao longo do ano, a C. M. Nova Divinéia pretende continuar desenvolvendo ações que levem à prática de uma vida saudável por parte de seus alunos e comunidade escolar.

 

Para conhecer mais sobre o trabalho da C. M. Nova Divinéia visite seu blog

 

 

Professor, o Rioeduca é um portal feito por e para professores. Participe também!

Você pode divulgar seu trabalho e o de sua escola. Basta entrar em contato com o representante de sua CRE.

 

Gostou desta publicação? Deixe um comentário e clique em curtir para compartilhá-la com seus amigos no Facebook.

 

 

Professora Renata Carvalho _ Representante do Rioeduca na 2ªCRE

Twitter: @tatarcrj

Email: renata.carvalho@rioeduca.net


 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quinta-feira, 21/06/2012

Meio Ambiente e Sustentabilidade nas Creches da 7ª CRE

Tags: 7ªcre, rio+20, sustentabilidade, creches.

 


A Rio+20 está acontecendo na nossa cidade desde o dia 13 de junho e segue até sexta-feira, dia 22 de junho.  As creches municipais da 7ªCRE estão desenvolvendo o tema Sustentabilidade e Meio Ambiente com suas crianças.

 

 


Conheça um pouco as ações e projetos desenvolvidos nas creches municipais da 7ª CRE: Creche Municipal Rogério Cardoso Furtado e Creche Municipal Sebastião Bernardes de Souza Prata, ambas  localizadas em Vargem Pequena ; Creche Vitorino Freire localizada em Vila Valqueire; Creche Municipal Maria da Conceição Silveira de Carvalho, localizada em Jacarepaguá e a Creche Municipal Sempre Vida Nise da Silveira, localizada na Cidade de Deus. Todas estão desenvolvendo atividades para incentivar ações em defesa do Meio Ambiente e favorecer a Sustentabilidade.

 


Creche Municipal Rogério Cardoso Furtado

 


Na semana do meio ambiente, nossas crianças vivenciaram a reciclagem de garrafas PET e caixas de leite. As garrafas PET foram trazidas pelos responsáveis e funcionários; as caixas de leite foram aproveitadas da própria merenda escolar.

 

Temos um projeto chamado RECILATA, que já nos rendeu bons frutos. Este projeto começou em 2010, mas continua sendo inserido nos outros projetos que vão surgindo a cada ano. No ano de 2012, estamos trabalhando o Projeto "Brincar e Aprender, Tudo a Ver", por isto as crianças estão construindo brinquedos com sucata e as atividades são planejadas procurando utilizar material reciclável.

 

Nestas fotos, as crianças brincaram com as cores dentro das garrafas PET e com os brinquedos.

 

 

 

Creche Municipal Vitorino Freire

 

 

Durante todo o mês de junho, a C. M. Vitorino Freire estará abordando o tema: “Meio Ambiente”, inspirada pelas poesias de Manoel Barros. 


No dia 5 de junho (Dia Mundial do Meio Ambiente), toda a creche saiu às ruas do bairro para “PANFLETAR” em defesa da sustentabilidade do nosso Planeta. Foram distribuídos panfletos confeccionados pelas próprias crianças. De mão em mão, nas caixas de correio e até nos carros, nossas crianças deram um “show” de cidadania e consciência ecológica.

 

 

 

Creche Municipal Sebastião Bernardes de Souza Prata

 

 

Desde o mês de maio, estamos trabalhando com questões relacionadas ao Meio Ambiente.


Objetivos:


- Identificar na comunidade os pontos positivos e as dificuldades,
- Possibilitar a atuação positiva da criança nas dificuldades encontradas na comunidade;
- Efetivar ações envolvendo as crianças e suas famílias de melhorias no cuidado com a água  com o lixo e com animais soltos na comunidade.


Atividades realizadas:


Iniciamos as atividades com visitas a alguns pontos da comunidade que poderiam servir de orientação para as crianças. Durante estas visitas, as crianças puderam observar também as condições gerais da comunidade onde moram, estudam e brincam. As crianças constataram que existe muito lixo espalhado, animais soltos e pouco cuidado com o uso da água.

 

Em seguida a cada semana, estamos trabalhando uma dessas questões. Iniciamos com as potencialidades da comunidade: comércio variado, órgãos públicos (Escola Municipal, Clínica da família, CRAS e outros). Na primeira semana de junho, começamos a trabalhar as questões do meio ambiente com a plantação de mudas de flores na creche e a partir daí, a cada semana, realizaremos o trabalho para combatermos cada um dos problemas encontrados e que prejudicam o meio ambiente, envolvendo  todos da comunidade escolar. Realizamos também a Campanha "Lixo no lixo", com oficinas de reciclagem de materiais e reaproveitamento de alimentos, cuidados com plantas, conscientização sobre os cuidados com animais de estimação e uma grande campanha de cuidado e preservação das fontes de água e seu uso racional.

 

 

 

Creche Municipal Maria da Conceição Silveira de Carvalho

 


PROJETO DE TRABALHO: APRENDENDO COM OS SERES VIVOS: GENTE, BICHO, PLANTA

"Não conseguimos ensinar as pessoas o amor à vida com argumentos econômicos e raciocínio lógico. A conscientização depende de um sentimento de comunhão com a natureza. Para amá-la, é preciso um contato direto, um pé na trilha, a caminhada em parques, o pôr-do-sol na praça. Não há argumentos que substituem a experiência direta com o mundo natural" 
(SOULÉ, 1999).

.

JUSTIFICATIVA


Você sabe o que é desenvolvimento sustentável? Não? Pois deveria, já que este termo representa a principal alternativa para viabilizar a sobrevivência do planeta Terra para as futuras gerações dos seres humanos. Diga-se de passagem, você não é o único a desconhecer. Milhões de pessoas mundo afora ainda não tem conhecimento do termo, nem de sua explicação. Ressalte-se também que o conceito é tão importante que deveria se tornar tópico discutido em salas de aula desde as primeiras séries do ensino fundamental, iniciando na creche.


As crianças devem ser as primeiras a conhecer bem essa imprescindível ideia criada pela ONU e que deslanchou mundialmente a partir da Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento Humano, a ECO-92, realizada no Rio de Janeiro em 1992.


Desenvolvimento Sustentável é um projeto de gestão dos recursos naturais que prevê a satisfação das necessidades imediatas e prementes da humanidade sem que se comprometa à existência das futuras gerações de pessoas que habitarão a Terra. Trata-se, na realidade, da capacidade que devemos ter de gerenciar de forma mais racional, comedida e inteligente os recursos e meios que nos são concedidos pela Terra para evitar que ocorra uma devastação da mesma que comprometa a existência futura não só dos seres humanos, mas também de todas as espécies que vivem por aqui.


Os questionamentos relacionados a seguir têm orientado o desenvolvimento das nossas ações. 

- De que forma podemos estimular as crianças a se interessarem pelo tema? 

 

 - Como e onde buscar informações?  


- Como participar ativamente de procedimentos e ações em defesa do meio ambiente? 

 


O amanhã nos pertence, mas também deve pertencer às futuras gerações de seres vivos que surgirão na Terra nos próximos anos, décadas e, esperamos, séculos. Superar os limites estreitos de uma visão egoísta que nos faz pensar apenas na satisfação de nossas necessidades imediatas (a que custo for) coloca em risco, a curto e médio prazo, a existência de inúmeras espécies que habitam o planeta pode ser o caminho a seguir.


Temos que agir em nosso cotidiano evitando os desperdícios. Guarde embalagens recicláveis e envie-as para pessoas, instituições ou empresas que se dedicam a esse trabalho. Poupe água em sua casa, durante o banho ou ao escovar os dentes. Apague as luzes dos ambientes em que não houver ninguém. São aparentemente pequenas ações que parecem não interferir globalmente, mas que interferem.


 

OBJETIVOS


Um número considerável de espécies tem desaparecido em virtude, principalmente, de ações humanas, indiretas ou diretas, como destruição de habitats, caça indiscriminada, poluição, queimadas, utilização excessiva dos recursos, e introdução de espécies exóticas. É importante saber que o desaparecimento de seres vivos provoca alterações significativas na dinâmica dos ambientes em que se inserem, causando perdas e problemas irreparáveis; e que, nos últimos tempos, o que tem acontecido é, em grande parte, consequência de atividades nada sustentáveis que partem de nossa espécie.


Diante de tais informações, percebe-se que a conservação do meio ambiente e proteção de espécies é responsabilidade de todos. E é esta responsabilidade que vamos transmitir às nossas crianças através da vivência de experiências lúdicas, elas serão inseridas “nessa importantíssima batalha em defesa do meio ambiente” objetivando: 


• o entendimento de como funciona o meio ambiente;


• de que forma causamos o desequilíbrio ambiental;


• quais são os animais brasileiros que correm risco de extinção.


• as ações para ajudar a preservá-los. 

 

DESENVOLVIMENTO


Este projeto terá como guia a Arara Azul, ela apresentará para as crianças os animais em extinção e as ações que poderão ajudar a amenizar essa extinção através de fotos, do filme “Rio”, da construção de um painel de alerta para a comunidade escolar e as sensações de estarem dentro de um mata através da criação de um ambiente cenográfico.

 

 

 

Creche Municipal Sempre Vida Nise da Silveira

 


Com o objetivo de estimular a comunidade escolar a perceber a importância da sustentabilidade, desde o início de 2012,  todas as turmas vêm fazendo a coleta de objetos deixados na área externa da Creche. O Projeto “10 minutos contra a Dengue” tem dado resultados à medida em que temos observado um número reduzido de objetos jogados no quintal e que podem acumular água e consequentemente serem focos de larvas do mosquito transmissor da Dengue.

Além disso, todos os projetos que envolvem material, estão sendo feitos com o reaproveitamento de caixas, garrafas e outros materiais recicláveis e, no Dia Mundial do Meio
Ambiente (05/06), iniciamos o Projeto Horta com sementeiras feitas de garrafas pet, caixas de leite vazias e pneus (as sementes foram tiradas pelas próprias crianças de frutas e legumes servidos na alimentação).


Assim, o corpo docente e alunos da Creche Municipal Sempre Vida Nise da Silveira estão cada vez mais habituados a trabalhar com práticas e projetos ambientais e temas tão importantes para a sociedade, pois quando se envolve a criança na causa como, por exemplo, trabalhar com eles a reciclagem, promovemos a noção de cidadania e sustentabilidade, beneficiando o planeta e seus futuros habitantes.

 

 

 

 

 

Parabenizamos as creches municipais pelo ótimo trabalho desenvolvido com nossas crianças, especialmente as creches presentes nesta publicação!

O meio ambiente agradece!

 

 

 PARTICIPEM, TAMBÉM, DESTE ESPAÇO QUE É NOSSO, DAS ESCOLAS, DOS PROFESSORES, DOS ALUNOS E DEMAIS FUNCIONÁRIOS QUE FAZEM A EDUCAÇÃO CARIOCA!

CONFIRAM NO LINK A SEGUIR, QUAL É O REPRESENTANTE DE SUA CRE
E DIVULGUEM O QUE SUA ESCOLA REALIZA!
RIOEDUCA NET - A REVOLUÇÃO ACONTECE: QUEM SOMOS NÓS?

 

http://portalrioeduca.mstech.com.br/sobrenos.php
 


 

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Sexta-feira, 15/06/2012

C. M. Tia Andreza Cuidando do Mundo

Tags: 3ªcre, creches, jogos, educaçãofísica, blogsdeescolas.



 

 

A criança pequena adquire conhecimento a partir da ação. É através do movimento, principalmente o movimento lúdico, que ela assimila o mundo ao seu redor e interage com ele. Colocar os pequeninos  em ação nas brincadeiras leva-os a aprender com prazer. A C. M. Tia Andreza, 3ª CRE, colocou todo mundo pra brincar e aprender.

 

 

A Creche Municipal Tia Andreza, que atende a comunidade do Jacarezinho, elaborou seu Planejamento Pedagógico Anual pretendendo proporcionar aos pequeninos um bom inicio na aventura do conhecimento. O objeto de estudo só poderia ser a própria criança. Na primeira infância, conhecer o  seu próprio corpo, potencialidades, reações e limites é o ponto de partida para o mundo. O subprojeto Eu sou assim … é a primeira parte desta aventura. Avançando no projeto, eles perceberam a necessidade de cuidar do corpo e mantê-lo saudável através dos hábitos higiênicos e da atividade física. E, claro que neste cenário não tem espaço para as doenças. Afinal, quem está doente não tem energia para brincar.

 

 

 

 

Na creche, ninguém quer ficar doente e perder a brincadeira; então é preciso evitá-la mandando para bem longe a causa dela. Infelizmente, uma das doenças que andam tirando o sono dos pequeninos é a dengue. Mas o que esses mini aprendizes podem fazer contra o mosquito?

 

 

 

 

Bem, primeiro eles assistiram a um cineminha com informações sobre a dengue e seu causador. Depois, a equipe da creche  planejou atividades de acordo com as faixas etárias para lembrá-los do que devemos fazer para afastar essa ameaça. A gincana foi toda sobre o tema e quem prestou atenção nos vídeos sabia muito bem o que fazer. Teve corrida para tampar a caixa d' água, esvaziar e fechar as garrafas para impedir o nascimento do Aedes Aegypti. Os maiores tiraram a água acumulada nos pneus e os guardaram na casinha. As equipes trabalharam para mandar o mosquito para bem longe dali. A atividade preferida foi a caça ao mosquito. Na soma geral, a equipe vermelha foi a campeã, mas todos saíram ganhando.

 

 

 

 

 

Para os pequenos,  as brincadeiras transmitiram um importante lição. O mosquito da dengue é que não brinque perto deles! Confiram no vídeo as atividades realizadas. E passem no blog da Creche Municipal Tia Andreza e fiquem por dentro do que eles já realizaram por lá. O Planejamento Pedagógico Anual continua em andamento e ainda tem muita coisa boa pra acontecer.

 

 

 

 

 

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share