A A A C
email
Retornando 61 resultados para a tag 'capacitação'

Quarta-feira, 22/08/2012

Estagiária Capacita Professores da E. M. Rose Klabin no uso da Educopédia

Tags: 6ªcre, capacitação, educopédia.

 

No final do 1º semestre, a estagiária Juliana de Almeida, da  E. M. Rose klabin, capacitou os professores da Unidade Escolar no uso da Plataforma Digital Educopédia. Esta ação foi realizada para dar a oportunidade de os professores conhecerem e aplicarem  os conteúdos da Educopédia e seus planejamentos.

 

A Educopédia é uma plataforma online colaborativa de aulas digitais, onde alunos e professores podem acessar atividades autoexplicativas de forma lúdica e prática, de qualquer lugar e a qualquer hora.

 

David Albury, Diretor de Design e Desenvolvimento Global Education Leader's Program (GELP) e Abel Caine, Especialista da Unesco para recursos educacionais reconhecem publicamente  a importância da Educopédia  para a educação Carioca.

 

 

Especialistas falam sobre a importância da Educopédia para a educação

 

 

Para que esta evolução realmente aconteça, é necessário que alunos, estagiários e professores estejam de pleno domínio desta plataforma para que possam utilizá-la e incentivar o seu uso.

 

Em parceria com a MSTech, a Educopédia realizou, no período de 28 de maio a 1º de junho, capacitação para os estagiários que atuam nas escolas da Rede Municipal  de Ensino, com o objetivo de habilitá-los a apresentar em suas escolas os recursos digitais que a SME desenvolve atualmente.

 

Para dar  continuidade ao trabalho iniciado com a formação, a equipe da Educopédia sugeriu que cada equipe pedagógica organizasse, no mês de julho, um momento para que os estagiários pudessem fazer o repasse para os professores da U. E. em que atuam, pois é preciso garantir que todos os envolvidos no processo educacional tenham a oportunidade de conhecer e aplicar os conteúdos da Educopédia e seus planejamentos.

 

A E. M. Rose Klabin não perdeu esta oportunidade e organizou um momento no dia 11 de julho para a estagiária Juliana de Almeida fazer o repasse da capacitação que participou para os professores da escola. Foi um momento muito rico, de aprendizagem e de grandes ensinamentos.

 

 

Juliana de Almeida, estagiária da E. M. Rose Klabin capacita professores no uso da Educopédia

 

Vamos ver alguns momentos da capacitação realizada pela estagiária Juliana de Almeida no laboratório de Inforrmática da E. M. Rose Klabin.

 

 

Professores assistem atentos às explicações dadas pela estagiária Juliana Almeida

 

 

 

Professores colocam em prática o que estão aprendendo na plataforma digital

 

 

 

Professores conhecem a Educoteca, a Biblioteca Virtual da Educopédia

 

 

 

Professores conhecem os livros da Educoteca

 

 

Muitas vezes a união da educação com a tecnologia  ainda é encarada de forma delicada. Um dos problemas que posso citar é a dificuldade dos professores em utilizar a tecnologia em benefício de suas aulas, pois requer desses profissionais novas competências e habilidades.

 

Este problema não é enfrentado pela E. M. Rose Klabin, que conta com uma equipe gestora, Aline Menduiña e Andréa Casadonte que incentiva de forma total a introdução das novas tecnologias no ambiente escolar, assim como a capacitação de seus professores.

 

Parabéns às Diretoras Aline Menduiña e Andréa Casadonte, por proporcionarem aos seus professores momentos de formação e discussão de novas práticas pedagógicas em prol  da melhoria do ensino e da aprendizagem.

 

Parabéns à estagiária Juliana de Almeida por oportunizar uma formação voltada para o uso das novas  tecnologias que a SME oferece, objetivando a integração do educador no processo de aprendizagem, desempenhando o papel de facilitador entre aluno e a construção do conhecimento.

 

Patrícia Fernandes - Representante do Rioeduca na 6ª CRE

Twitter: @PatriciaGed

E-mail: pferreira@rioeduca.net

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 21/08/2012

Semana de Alfabetização na 2ª CRE

Tags: 2ªcre, eventos, capacitação.

A assinatura do Pacto Carioca pela Alfabetização  e as atividades da Semana de Alfabetização marcaram o início do mês de agosto na 2ªCRE.

 

 

A Semana de Alfabetização aconteceu de 06 a 10 de agosto e, neste período, foram realizadas diversas atividades envolvendo professores, diretores e equipe da 2ªCRE. Cada Coordenadoria Regional de Educação organizou sua programação.

 

As atividades do primeiro dia foram marcadas por um encontro entre diretores das escolas e creches. Neste evento a coordenadora da E/SUBE/ 2ª CRE, professora Maria Inêz Zain Brazuna, assinou juntamente com os diretores o Pacto Carioca pela Alfabetização .

 

 

Coordenadora da 2ªCRE, professora Maria Inêz Zain Brazuna, e diretoras no evento de assinatura do Pacto Carioca pela Alfabetização

 

 

Antes da assinatura foi explicado o porquê do pacto, através de documentos oficiais, mostrando a história para se chegar até ao Pacto Carioca pela Alfabetização .


Após formalização do documento, aconteceu uma palestra ministrada pela professora Joana Varejão, onde os diretores foram convidados a refletir sobre a identidade do povo brasileiro e como ela está inserida no contexto escolar.

 

 

No segundo dia, as atividades foram direcionadas aos professores do primeiro ao terceiro ano do Ensino Fundamental, que se reuniram no auditório do Colégio Pedro II para assistir a uma palestra ministrada pela professora Ludmilla Thomé, da UFRJ.


A ideia da palestra cujo título foi: “Alfabetização de Crianças de Classes Populares: Escrita e Oralidade”, era gerar reflexão e discussão sobre as diversas formas de estabelecer o processo de alfabetização.


Ao final do encontro foi aberto um momento para que os professores fizessem perguntas e discutissem o tema.


 

 

No dia 08/08 foi a vez dos professores de Artes Visuais, Artes Musicais e Educação Física se reunirem para participar de oficinas. Estas foram realizadas no Núcleo de Artes Leblon e na E. M. Sérgio Vieira de Mello.


Os professores regentes das turmas que compõem os projetos de Aceleração e Realfabetização participaram de oficinas de produção de texto no Instituto Pão de Açúcar.


 

 

O evento da quinta-feira, 09/08, aconteceu na Universidade do Estado do Rio de Janeiro e contou com a presença das professoras Maria Teresa Tedesco, da UERJ e Marlene de Carvalho, da UFRJ.


O encontro  teve como tema: Leitura, escrita e avaliação e foi destinado aos professores dos 4º e 5º anos do Ensino Fundamental. Neste dia, os professores também puderam participar de uma mesa redonda com o tema Alfabetização Científica.


 

 

Para encerrar esta semana de reflexões e trocas de conhecimentos sobre alfabetização, aconteceu no dia 10/08, o encontro de coordenadores pedagógicos, professores articuladores de creches e professores de Educação Infantil. Estes se reuniram para assistir à palestra: Alfabetização e Educação Infantil. Mamãe posso ir? Quais os passos? que foi ministrada pelas professoras Ana Cristina Fernandes e Ruth França Veloso (SME/2ª CRE).

 

 

Parabéns à equipe e aos professores da 2ª CRE pela organização e participação nas atividades da Semana de Alfabetização!

 

Professor, queremos conhecer e divulgar o blog e os projetos desenvolvidos por sua escola. Aproveite este espaço que é feito para nós! Entre em contato com o representante do Rioeduca em sua CRE e participe.

 

Gostou desta publicação? Deixe um comentário e clique em curtir para compartilhá-la com seus amigos no Facebook.

 

Contato:

Professora Renata Carvalho - Representante do Rioeduca, na 2ªCRE

Email: renata.carvalho@rioeduca.net

Twitter: @tatarcrj

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 20/08/2012

O Pacto Carioca de Alfabetização na 4ª CRE

Tags: 4ªcre, projetos, capacitação, riodeleitores.

 

O MEC instituiu o Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa e as ações do Pacto e definiu suas diretrizes gerais. Assim, fica instituído o Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa, pelo qual o MEC e as secretarias estaduais, distrital e municipais de educação reafirmam e ampliam o compromisso previsto em Decreto, de alfabetizar as crianças até, no máximo, oito anos de idade, ao final do 3º ano do ensino fundamental, aferindo os resultados por exame periódico específico.

 

 

 

 

Diante desse desafio, a E/SUBE/4ª CRE implementa um conjunto de ações que visa garantir aos profissionais de suas  Unidades Escolares as condições necessárias para melhorar, contribuir e construir com eficácia o desenvolvimento das atividades propostas pelo Pacto.

 

Saibam como foi a Semana de Alfabetização 2012

 

 

 

 

"A cada dia um novo encontro, uma nova ação para refletir sobre a arte de alfabetizar.

Nossa semana começa trilhando caminhos com os professores do primeiro ano, o Projeto Trilhas encantou os profesores com a possibilidades do uso da Literatura para enriquecer sua prática.

 

 

 

 

No dia seguinte, conversamos sobre Alfabetização com a brilhante participação da palestrante Zuleica de Abreu da FUNDAR.

O terceiro encontro foi a realização de um rico debate colocando o "Alfa em Contexto", não só com os Professores do terceiro ano, mas também com os Coordenadores Pedagógicos. Estudos de caso, discussão sobre alfabetização e letramento, consciência fonológica e fonêmica foram alguns dos tópicos desse dia.

 

 

 

 

Na qiunta-feira, foi a vez e a hora de trocarmos experiências com os Professores da Educação Infantil. São as Creches, os Espaços de Desenvolvimento Infantil e a Pré-Escola apresentando possibilidades de letramento desde muito cedo.

 

 

 

 

 

Na sexta-feira, encerramos a semana com chave de ouro, pois o nosso Expo-Alfa envolveu todos os Diretores da Casa de Alfabetização para a assinar o Pacto pela Alfabetização e a apreciação da exposição dos trabalhos.

É com grande alegria que declaramos a nossa certeza, de que as reflexões levantadas durante esses dias que estivemos reunidos se transformarão em ações produtivas ao longo do ano letivo nas nossas escolas." Texto: Equipe GED da E/SUBE/4ªCRE

 

 

"Uma maneira de pensar na prática reflexiva é encará-la como a vinda à superfície das teorias práticas do professor para análise crítica e discussão. Expondo e examinando as suas teorias práticas, para si próprio e para os seus colegas, o professor tem mais hipótese de se aperceber das suas falhas” (ZEICHNER, 19___, p.21).

 

 

Parabéns à Gerência de Educação da E/SUBE/4ªCRE por organizar e proporcionar espaços de formação continuada para os Professores Alfabetizadores!

 

 

 

Contatos:
Ana Accioly
Representante Rioeduca.net da 4ª CRE
anaaccioly@rioeduca.net
                                                       Twitter: @Ana_Acioly                                                                                            Facebook: http://www.facebook.com/anapaula.silvaaccioly

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 08/08/2012

Transformação 3.0 na 6ª CRE

Tags: capacitação, educopédia, 6ªcre.

 

A professora Emyli de Castro trabalha na Gerência de Educação da 6ª CRE e, entre suas responsabilidades, está a capacitação dos professores no uso do sistema Escola 3.0. A formação presencial já vem acontecendo desde o 1º semestre e objetiva apresentar o sistema aos professores da nossa coordenadoria que são regentes em escolas em que o Escola 3.0 foi implantado.

 

Até o fim de 2012, em todas as Unidades Escolares, estará implantado um novo sistema, o Escola 3.0. Seus objetivos são: melhorar a inteligência coletiva da Secretaria e auxiliar a comunidade escolar por meio da integração de dados e da criação de ferramentas e processos pedagógicos, de comunicação e administrativos mais ágeis, modernos e intuitivos.

 

O Escola 3.0 englobará a Educopédia, o Rioeduca e o Sistema de Gestão Acadêmica - SGA, que chega para substituir o SCA. O SGA permitirá o gerenciamento centralizado das atividades acadêmicas das escolas, como matrícula dos alunos, formação de turmas, movimentações, controle de notas e frequência e planejamento de aulas, de qualquer computador conectado à internet e em tempo real. Planejamentos e diários eletrônicos poderão ser acessados e utilizados de forma rápida e fácil.

 

 

 

 

Logomarca do sistema Escola 3.0 retirado do site da Prefeitura Municipal do RJ

 

A rede municipal de ensino é a mais inovadora do país. Contudo, não basta ter este título sem se ter a certeza de que todos  os participantes estão conseguindo se apropriar das novas ferramentas tecnológicas para melhorar sua prática pedagógica e para personalizar o processo de aprendizagem de acordo com o estilos e as necessidades de cada aluno.

 

É nesse contexto que a SME ofereceu o Transformação 3.0, um curso de formação continuada direcionado a todos os integrantes da rede. Na 6ª Coordenadoria Regional de Educação, quem está ministrando o curso é a professora Emyli de Castro. Nesta coordenadoria, o sistema Escola 3.0 foi implantado em 35 escolas.

 

 

Professora Emyli de Castro, dinamizadora do curso Transformação 3.0, na 6ª CRE

 

 

Durante o treinamento presencial, os professores puderam compreender o funcionamento do sistema Escola 3.0 para que, dessa forma, utilizassem os recursos presentes nele com maior tranquilidade e autonomia.

 

 

 

Montagem feita com a logomarca do Transformação 3.0 utilizada pela 6ª CRE

 

 

Nas capacitações que ocorreram em Laboratórios de Informática das escolas da 6ª CRE, foram apresentados o uso de computadores, netbooks, tablets, internet, Educopédia, Rioeduca, SGA, Redes Sociais e Blue Lab. Esses conhecimentos foram aprofundados como forma de incentivar a utilização destes equipamentos e ferramentas nas escolas; que podem tornar o processo de aprendizagem mais atraente para os alunos da rede municipal de ensino do RJ.

 

 

Professores participam do curso Transformação 3.0 no laboratório de informática do GEC Coelho Neto

 

 

 

Professores atentos às explicações dadas no curso Transformação 3.0, no GEC Coelho Neto

 

 

Segundo a professora Emyli de Castro, os professores estão adorando fazer parte  desta revolução!

 

Os primeiros encontros foram realizados já no 1º semestre. As últimas capacitações acontecerão nos dias 08 e 10 de agosto. No dia 08, serão capacitados os professores regentes e no dia 10, os Coordenadores Pedagógicos e os professores de Sala de Leitura. Mas a prof.ª Emyli não pensa em parar por aí! Ela já está planejando novos encontros para capacitar outros professores!

 

Parabéns à SME por proporcionar às escolas da rede um sistema de gestão que torna bem mais fácil o gerenciamento das inúmeras informações com as quais as escolas lidam, tornando o cotidiano escolar mais ágil e prático.

 

Parabéns à prof.ª Emyli de Castro por estar participando deste momento de transformação e proporcionando aos professores da 6ª CRE momentos importantes de troca de conhecimento.

 

Fonte: Circular E/SUBTE/n.º 01/2012

 

Gostou desta postagem? Acesse o blog da GED - 6ª CRE e conheça as outras ações realizadas por esta gerência tão dinâmica e criativa! Nós somos a seXta CRE!

Blog da GED: http://creged06.blogspot.com.br/2012_08_01_archive.html

 

Patrícia Fernandes - Representante do Rioeduca 6ª CRE

Twitter: @PatriciaGed

E-mail: pferreira@rioeduca.net

 


 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share