A A A C
email
Retornando 403 resultados para a tag 'blogsdeescolas'

Sexta-feira, 09/11/2012

Declare seu Amor à Leitura

Tags: 3ªcre, riodeleitores, protagonismojuvenil, blogsdeescolas.

 

 

Quem ama, cuida e compartilha seu amor. Ainda mais se for pelos livros. A Sala de Leitura da E.M. Isabel Mendes da 3ª CRE realizou uma Maratona de Histórias que durou toda a semana. Quem será que se declarou?

 

 

 

O objetivo era provar que todo mundo conta histórias, além de englobar toda a comunidade escolar na partilha de leituras durante uma semana. Todos se envolveram e os textos foram escolhidos pelos próprios leitores.

A aquisição da habilidade de ler se intensifica por volta dos seis ou sete anos de idade. Decifrar o código linguístico possibilita a leitura de palavras, frases e textos. Ensinar a ler é um processo de interação por vezes longo e, em muitos casos, permeado por dificuldades. Mas traz a autonomia na aquisição de outros conhecimentos e o gosto pelo saber.

Já o prazer de gostar de ler não tem idade para começar. Sentir-se motivado a mergulhar no texto, na história pode atingir crianças dos oito aos oitenta anos. É um prazer sem preconceito que contempla qualquer classe social ou gênero. Também pode nos contagiar nos dias mais quentes ou frios, na cama ou em um cantinho da condução. O prazer da leitura é democrático e sem hora nem lugar para acontecer.
Como sempre, são as crianças os primeiros a compartilhar suas descobertas no mundo dos livros. Ler para um colega amadurece e os faz mais responsáveis em seu ato. É prazer e dever ao mesmo tempo. Prazer pela história preferida e dever de contagiar o ouvinte com ela.

 

 

 



 

 

 

 

E o ouvinte é interessado, quer saber o fim, quer saber do personagem principal, seja princesa, lobo mau, saci ou curupira. Aquela história já prendeu a atenção e ninguém pisca. Pode estar no livro, na tela. Vir do colega ou do professor. O prazer já se espalhou e o amor está no ar.

 

 

 

 

 

 

 

E todo professor lê. O gari lê. O agente educador lê. A diretora e a coordenadora também. E os personagens parecem estar ali, no cabelo, no óculos, na alegria de quem realiza a leitura.

 

 

 

 

 

 

 

 

Quero ler também! Leitura também é momento solitário. Estar na sua história, no livro que você escolheu. Quem sabe uma espiadinha no livro do lado? Na Maratona de Histórias da E.M. Isabel Mendes, todos estes movimentos foram contemplados nos quatro dias da Semana de Leitura.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

E foi tudo devidamente registrado no blog Ler pra Ver da Sala de Leitura da escola. Confiram também os vídeos e as declarações de amor à leitura deixadas pelos professores e funcionários.

 

 

 

 

 

 

 

Contate-nos

 

angela.freitas@rioeduca.net

twitter @angeladario

facebook Angela Regina de Freitas

 

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 07/11/2012

Literatura e Renascimento

Tags: 3ªcre, riodeleitores, protagonismojuvenil, blogsdeescolas.

 

 

A Escola Municipal Pernambuco apresenta sua III FLIPE, Feira Literária da Escola, e mostra sua nova face: trabalho, cultura e alegria.

 

 

Escola é organismo vivo. Pulsa, respira, sofre, adoece, perde o viço. Mas também se renova, aprende, planta, colhe e vibra. É local de aprendizagem através do convívio de múltiplos seres, múltiplas ideias, múltiplos conceitos que, juntos, formam a cara daquele grupo. Todos em um.

Agora, no final de outubro, toda a Escola Municipal Pernambuco se movimentou para participar da III Feira Literária da Pernambuco. O objetivo era mostrar as diversas atividades relacionadas à literatura realizadas ao longo do ano com as turmas de E.I. ao 9º ano.

Não foi a primeira atividade desse tipo realizada pela equipe da escola. Aqui, já divulgamos Exposição Meio Ambiente RIO + 20 em junho deste ano e ainda houve a Feira da Cultura da E.M. Pernambuco em agosto.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Em todas estas atividades, foi privilegiada a valorização da produção de professores e alunos e a interação de todos na busca do conhecimento. Na FLIPE, como é conhecida a feira literária, os alunos puderam participar de oficinas, além de apreciar os trabalhos expostos. O dia foi dividido em cinco momentos diferenciados para que todos pudessem ver e serem vistos. As turmas do 1º segmento (E.I. ao 5º ano) viram seus colegas da turma 1501, com a prof.ª Juliana, atuarem na dramatização de Chapeuzinho Vermelho. Assistiram também às encenações: A Linda Rosa Juvenil, da turma 1102, com a prof.ª Daniele, e O Teatro de Sombras, do 4º ano, com a prof.ª Fátima, além de um relaxante momento na Roda de Leitura Itinerante realizada na quadra da escola.

 

 

 

 

 

 

 

 

Já os alunos do 2º segmento puderam expor seus textos preferidos e produções e também os trabalhos realizados nas aulas de Artes. Assistiram também ao curta Velha História baseado na obra de Mário Quintana que tinha sido trabalhado na Maratona de Histórias da semana anterior. Sucesso mesmo fizeram as oficinas de Artes dos professores Eufrázio e Zuleica. Os adolescentes puderam liberar a criatividade na criação de fantoches, cenários e outras obras.

 

 

 

 

 

 

 

Além disso, as paredes da escola ficaram repletas dos registros dos livros lidos e apreciados. Histórias foram compartilhadas, assim como os conhecimentos que foram acrescentados a todos ao longo do dia.

 

 

 

 

 

 

 

Tantos saberes que não caberiam no papel. Trabalhar juntos, valorizar-se e valorizar o trabalho e o saber do outro talvez seja o maior deles. Isso fica bem claro no orgulho de todos que participaram da Feira e participam da escola e agora também têm no blog da escola um espaço para trocarem ideias. Acesse o site e participe você também desta renovação!

 

 

 

 

 

Agradecemos a coordenadora Ana Cristina Côrrea por compartilhar conosco este renascimento.



 

 

Contate-nos

 

angela.freitas@rioeduca.net

twitter @angeladario

facebook Angela Regina de Freitas

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 06/11/2012

Tropicalismo na Educação Infantil

Tags: 2ªcre, blogsdeescolas, educaçãoinfantil.

Neste ano de 2012, os alunos da Escola Municipal Bárbara Ottoni, estão fazendo um passeio pela história em comemoração aos 90 anos da unidade escolar.

 

 

 

Na publicação “E.M. Bárbara Ottoni: 90 Anos Brincando com a História”, conhecemos o início da proposta pedagógica  da escola para o ano de 2012. 


Ao longo do ano letivo, os alunos estão fazendo um passeio pela história e foi a vez de conhecer os anos 60 e 70, através do Tropicalismo. Movimento cultural brasileiro que surgiu sob a influência das correntes artísticas de vanguarda e da cultura pop nacional e estrangeira, misturou manifestações tradicionais da cultura brasileira a inovações estéticas radicais. Uma de suas principais características foram as mudanças de comportamento.

 


 

 

 

A coordenadora pedagógica da escola, professora Laura, reuniu materiais sobre o assunto e propôs aos professores que trabalhassem o tema, com os pequeninos, com muita alegria e sem esquecer as diretrizes da Educação Infantil. Os educadores receberam um material específico falando sobre a evolução da moda através dos tempos e sobre o movimento hippie e a filosofia de paz e amor. O resultado foi muito interessante. Visitando o blog da escola encontramos registros sobre este projeto.

 

O tema foi lançado através de um belo mural sobre o assunto e a turma 11 trabalhou a música Tropicália, um dos símbolos do movimento tropicalista. Os alunos montaram um painel sobre o tema, que fez muito sucesso na reunião de responsáveis.

 

A turma 23 fez um trabalho direcionado à moda. Os alunos escolheram diferentes temas e pintaram camisetas, sempre dando um colorido especial a cada uma. Este trabalho também teve a colaboração da professora Márcia, de Artes, confeccionando junto com os alunos um boneco para vestir as camisetas no dia da exposição.

 

Nas aulas de Educação Física, os alunos participaram de um desfile de moda, imitando modelos famosas. No Tropicalismo, uma das formas de manifesto era a maneira como as pessoas andavam e se vestiam. A turma 20 vestiu bonecos com vários modelos de roupas, que também fizeram sucesso no dia da reunião de responsáveis.

 

 

 

 

As turmas 13 e 14 estudaram sobre o Movimento Hippie e, após conversarem sobre o assunto, os alunos confeccionaram um casal de hippies para a exposição. Neste dia, o sucesso foi muito grande!

 

 

 

 

 

 

 Nota: Informações retiradas do blog da escola

 

Quer conhecer mais sobre o trabalho da E.M. Bárbara Ottoni? Visite seu blog!

http://embarbaraottoni.blogspot.com.br/

 

 

Professores e escolas participem também do portal Rioeduca. Entrem em contato com o representante de sua CRE para divulgar o trabalho de vocês. Cliquem aqui para conhecê-lo e participem!

 

 

Gostou desta publicação? Deixe um comentário e clique em curtir para compartilhá-la com seus amigos no Facebook.

 

 


Contato:
Renata Carvalho – Professora da rede e representante da 2ªCRE, no portal Rioeduca
Email: renata.carvalho@rioeduca.net
Twitter: @tatarcrj

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 05/11/2012

Educação Infantil em Ação

Tags: 2ªcre, blogsdeescolas, educaçãoinfantil, edi.

 

O Espaço de Desenvolvimento Infantil Igor Moraes da Silva, localizado no bairro do Alto da Boa Vista, tem articulado várias ações que estimulam o aprendizado dos alunos.

 

 

A Educação Infantil contribui para o aprendizado futuro da criança, pois nesta etapa educacional ela tem a oportunidade de desenvolver suas capacidades motoras, afetivas e  sociais. Através das brincadeiras, a criança conhece as habilidades da linguagem oral, escrita e também as situações que envolvem a matemática.

 


Os educadores do EDI Igor Moraes da Silva desenvolveram ações que contribuem com o avanço da aprendizagem dos pequeninos. Visitando o blog desta unidade escolar, podemos conhecer um pouco deste trabalho, que também inclui encontros com os responsáveis dos alunos.

 


 

Brincadeiras e Atividades Folclóricas

 

No dia 22 de agosto é comemorado o Folclore Nacional e foi uma oportunidade dos alunos conhecerem um pouco de nossa cultura.


 

No EDI Igor Moraes da Silva, diversas atividades foram desenvolvidas para que as crianças pudessem conhecer um pouco mais sobre a cultura do nosso país, entre elas: cantigas de roda, jogos, danças e brincadeiras folclóricas, artes plásticas, lendas e contos.


 

Com os alunos do maternal foi feito um trabalho voltado para a musicalidade e dramatização. As crianças executaram a coreografia da música “A Linda Rosa Juvenil” e tiveram a oportunidade de cantar com o músico Jota Maranhão, convidado do EDI, diversas canções folclóricas. Foi uma atividade muito interessante e as crianças participaram com alegria e entusiasmo.


 

A turma do Maternal II  trabalhou com o livro Personagens Encantados da autora Ingrid Biesemeyer, que reúne em suas páginas o imaginário brasileiro e a cultura popular.  Além disso é recheado de seres fantásticos, encantados, que compõem o nosso folclore. Os alunos puderam escolher alguns personagens folclóricos e reproduzi-los no painel coletivo.

 


 

 

 

 

Projeto Horta Caseira

 

 

É importante que desde pequenas as crianças conheçam a importância de cuidar do ambiente que vivemos e da alimentação saudável. Pensando nisto, os educadores o EDI Igor Moraes da Silva estão confeccionando junto com os alunos uma horta caseira projetada com garrafas PETS.


 

Os pequeninos participam do projeto ajudando na plantação de sementes de verduras nas garrafas e regando-as diariamente.


 

 

 

Escola de Pais

 

A parceria entre família e escola é fundamental para o bom desenvolvimento dos alunos. No dia 29 de setembro aconteceu nas dependências do EDI, mais um encontro da Escola de Pais.


 

Este encontro contou com a participação da Assistente Social, Patrícia Almeida e da professora Nádia Rego, representantes do PROINAPE (Programa Interdisciplinar com Apoio as Escolas do Município do  Rio de Janeiro) que desenvolveram um debate, com os responsáveis e educadores,  a partir do Vídeo do Instituto Alana: "Mídia e Consumo, Criança, a Alma do Negócio".


 

Foi notório o interesse dos responsáveis pelo assunto, pois participaram com questionamentos e relatos.


 

A Direção da unidade escolar elaborou uma cartilha sobre o assunto "Saiba como proteger a criança do consumismo" e entregou aos responsáveis no final do encontro.


 

 

 

Nota: Informações retiradas do blog do EDI Igor Moraes da Silva.

 

 

Conheça mais sobre o trabalho do EDI Igor Moraes da Silva visitando seu blog


http://ediigormoraesdasilva.blogspot.com.br/

 

 

Professor, o portal Rioeduca é um espaço feito por e para professores. Participe também! Entre em contato com o representante de sua CRE para divulgar o blog ou projetos desenvolvidos por sua escola.

 

 

Gostou desta publicação? Deixe um comentário e clique em curtir para compartilhá-la com seus amigos no Facebook.

 

 


Professora Renata Carvalho Professora da rede e representante do Rioeduca, na 2ªCRE

Email: renata.carvalho@rioeduca.net

Twitter: @tatarcrj

 

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share