A A A C
email
Retornando 129 resultados para a tag 'blogdeescola'

Quinta-feira, 29/11/2012

Novembro de Artes na Creche Emílio

Tags: 9ªcre, blogdeescola, artes.

 

A Creche Municipal Emilio Ibrahim Lázaro Jubram Dib da 9ª CRE vem desenvolvendo, ao longo do ano, o Projeto “De Onde venho, de onde vem?” e neste mês de novembro foi a vez das Artes.

 

 

 

 

O Blog da Creche Emíliono mês de novembro, caprichou na divulgação do seu Projeto, com muita alegria e entusiasmo dos pequenos artistas. Vamos conferir na postagem das professoras Fernanda, Talita, Maria Aparecida, Amanda, Adneia, Patrícia, Kátia, Andreia e Jaqueline. 

 

Dando continuidade ao nosso Projeto "De Onde venho, de onde vem?", chegamos a uma das mais importantes áreas que é sem dúvida as ARTES. Neste conglomerado de títulos (Pintura, Literatura, Poesia, Musica etc.) e em muitas outras formas é que abordaremos a MÚSICA.

 

 

 

Estudos apontam que a influência positiva da música é significativa e consistente em todos os aspectos do desenvolvimento e em todos os estágios da vida. Mas, nos pequeninos, seu impacto pode ser mais marcante. Nessa perspectiva, é necessário criar condições e possibilidades de percepção, de criação, de expressão e de comunicação musical para essas crianças, respeitando a maneira como eles interagem com o universo sonoro, devendo ser o fundamento das propostas de musicalização para crianças do berçário ao maternal.

 

 

Da conversa informal, com explicações sobre o que iremos ouvir, até a escolha do instrumento, torna-se um caminho onde, além de aguçar os canais de percepção, incentiva sobretudo, a sua interação ativa com a música, abrindo espaços para as experimentações infantis.

 

 

 

 

Vivenciar entre Mozart, Vinícius de Moraes, cantigas folclóricas, músicas cantadas pelas professoras no dia-a-dia significa possibilitar, de forma lúdica, o contato com a música por meio do canto, da dança, tocando instrumentos e até mesmo apreciando todas essas sonoridades. Estas vivências proporcionam momentos de intensas explorações, percepções e experimentações individuais e coletivas, necessárias ao desenvolvimento. Em um desses momentos, nossas crianças do Maternal II se deliciaram com Mozart e não perderam o ritmo.

 

 

 

 

As crianças vivenciam e demonstram seus sentimentos com o corpo inteiro: se estão alegres, pulam, correm e brincam sempre com muito barulho. Se estão tristes ou são tímidos, encolhem-se e sua expressão corporal é reveladora do que sentem.

 

Wallon, em seus estudos, nos lembra que a criança pequena utiliza seus gestos e movimentos para apoiar seu pensamento, como se este se projetasse em suas posturas.

 

O movimento é uma linguagem que comunica estados, sensações, ideias: O CORPO FALA.
Deste modo cabe falar sobre a importância de levar as crianças a apreciar as danças tanto como forma de arte como na vida.


 

 

 

A dupla do projeto Playando, os educadores André e Munique, estão fazendo um belíssimo trabalho. Com apresentação do Funk, do Forró, do Samba com suas jogadas de pernas, da Dança de Roda. O exemplo de Tio André com a Profª Jaqueline deu motivo para Izaque dançar com tia Munique.

 

 

 

Em todas as turmas, a alegria foi contagiante e o recado foi dado: "Dança é a única arte na qual nós mesmos somos o material de que ela é feita".

 

 

 

 

 

A música sempre está com eles! Nossos pequenos do Maternal 1 C se divertiram durante a confecção de chocalhos e tambores. Nosso projeto está indo de vento em popa!

 

 

 

 

Ainda em relação às Artes, vamos explorando novas formas de desenhar... As crianças do Maternal 1 B perceberam que podemos fazer desenho com carvão e sujar as mãos após fazer a arte! Eles adoraram!

 

 

 

 

Inspirações e produções artísticas... Vincent Van Gogh, Romero Britto, Auguste Renoir, Augusto Rosa, Cândido Portinari, Salvador Dalí. Nossos pequenos tiveram contato com esses e outros artistas e se inspiraram junto com suas professoras e produziram grandes obras-primas. Perceberam que não só artistas renomados criam grandes obras!

 

 

 

A turma do Maternal 1 B se inspirou no quadro de Van Gogh O Jardim Branco e produziram uma linda tela.

 

 

E o Projeto continua! Para conferir o que ainda vem por aí é só acessar o BLOG da CRECHE EMÍLIO.

 

 

Parabéns à equipe da C. M. Emilio Ibrahim Lázaro Jubram Dib pelo belo trabalho que vem desenvolvendo!

 

 

Venha participar você também deste espaço.

Compartilhe conosco uma atividade que a sua escola realizou.

 

 

Contatos da Representante da 9ª CRE:
Profª Márcia Cristina Alves
E-mail: marciacerqueira@rioeduca.net
Twitter: @marciacrisalves
Tel.: 94420157

 

 

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 27/11/2012

Mestre Vitalino - A Arte do Cotidiano

Tags: 9ªcre, blogdeescola.

A professora Carla Medeiros Brum da E. M. Atenas, uma das Unidades Escolares da 9ª CRE, após uma aula passeio com a turma 1304 ao Museu Casa do Pontal, desenvolveu o Projeto "Brasil, um país multicultural - contribuição do povo brasileiro através da arte do cotidiano".

 

 

Professora Carla Brum e a Turma 1304

 

 

Vitalino Pereira dos Santos, Mestre Vitalino, se consagrou com sua arte de fazer bonecos em Caruaru, onde nasceu, em 1909. Ele usava o barro para se comunicar com o povo, já que não conhecia o mundo da escrita e da leitura. Fez da sua arte um movimento de representação da sociedade da época através do relato fiel do cotidiano.

 

 

 

 

Um homem simples, de vida economicamente difícil, não deixou de representar a sua história para o mundo. Esse paralelo foi mostrado para os alunos já que eles também precisam potencializar suas próprias habilidades e competências para transformarem a sua realidade - assim como fez Mestre Vitalino ao desenvolver sua habilidade artística.

 

 

 

 

 

É nessa vertente que a escola tem um papel fundamental: mostrar a realidade e capacitar os alunos a fim de contribuírem para uma sociedade melhor, mais justa e igualitária.

 

 

Na escola, além de assistirem ao documentário sobre o Mestre Vitalino, algumas obras foram reproduzidas com massa de modelar, assim como foram ampliados os conhecimentos a respeito da vida e obra do artista através de pesquisa em grupo. Colocando a mão no "barro" quer dizer, na massinha de modelar...

 

 

 

Releitura da vida cotidiana em homenagem a Mestre Vitalino.

 

 

BRINCADEIRAS INFANTIS

 

 

TRABALHO: VIOLEIRO, CASA DE FARINHA, VENDEDOR

 

 

EMOÇÕES: RELAÇÕES FAMILIARES E MORTE

 

 

Textos produzidos em sala pelos alunos, a partir da proposta:
Desenhe e escreva, use a sensibilidade e a imaginação e seja também um artista.


 

 

Os textos selecionados mostram a pluralidade acerca da obra figurativa que tem como representante Mestre Vitalino. Os textos foram colocados na íntegra, com seus erros ortográficos para evidenciar uma prática pedagógica pautada na coerência de buscar no dia a dia a construção de uma educação significativa e com qualidade. Em que o erro faz parte do processo e é através dele que crescemos e desenvolvemos nossas potencialidades. Afinal, as práticas de leitura e escrita precisam ter significado para quem escreve, pois nada adiantaria se os educandos não refletissem sobre sua escrita e reproduzissem textos mecânicos desprovidos de significados e significantes.

 

 

O livro Mestre Vitalino de André Neves, editora Paulinas, faz parte do acervo da Sala de Leitura e é perfeito para produção textual e enriquecimento sobre a cultura nordestina.

 

 

 

 

Visite o Museu Casa do Pontal e descubra a arte de um povo simples que se reinventa através de suas obras. Para mais informações acesse www.museucasadopontal.com.br.

 

 

Acesse esse e outros projetos no Blog da E. M. Atenas

 

 

Venha participar você também deste espaço. 

Compartilhe conosco uma atividade que a sua escola realizou.
 

 

 

Contatos da Representante da 9ª CRE:
Profª Márcia Cristina Alves
E-mail: marciacerqueira@rioeduca.net
Twitter: @marciacrisalves
Tel.: 94420157


 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Sexta-feira, 23/11/2012

Interdisciplinaridade no Centenário do Rei do Baião

Tags: 5ªcre, blogdeescolas, projetos.

 

No ano em que Luiz Gonzaga completaria cem anos, professores da Escola Muncipal Cecília Meireles trabalharam interdisciplinarmente, valorizando a diversidade cultural em homenagem ao Rei do Baião.
 


   

Na Escola Municipal 05.14.002 Cecília Meireles, as professoras Eliete Vasconcelos e Djenane Rachel, respectivamente regentes de turma na disciplina de Educação Musical e  Educação Física, queriam que os alunos soubessem um pouco mais sobre a história, a música e a dança da região nordeste. Assim, homenagear Luiz Gonzaga seria um ótimo caminho para seus objetivos.

Este ano, a SME/RJ teve como proposta inicial o projeto '"Cem Anos do Rei do Baião" e, com ele, o trabalho das professoras seria maravilhoso. A escola abraçou esse projeto e resolveu abrir os eventos começando pelo Sarau de Primavera, recebendoCentro Cultural São Martinho, que ofereceu a Oficina de Musicalidades, com canto e dança para alunos e professores.

 

 

 

O Centro Cultural São Martinho é uma entidade filantrópica que atua há mais de 27 anos (desde 1984) na área da infância e juventude com projetos socioculturais, contribuindo para a transformação da realidade de crianças e jovens da cidade do Rio de Janeiro. Vinculada à Província Carmelitana de Santo Elias, a instituição atende crianças e jovens entre 6 e 18 anos de idade, em diversos níveis de vulnerabilidade social. Dentre os níveis de vulnerabilidade estão as crianças/jovens em situação de rua e oriundas de comunidades, atendidas com atividades culturais e educativas realizadas no contraturno escolar, preparação e inserção do jovem no mercado formal de trabalho (Lei do Aprendiz) e defesa jurídico-social. Todas essas ações contribuem para a garantia de seus direitos e formação como cidadãos, conforme prevê o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

 

Interdisciplinaridade

 

 

As professoras Felicidade Magalhães e Patrícia dos Santos, regentes da Sala de Leitura, usaram literatura e vídeos baseando-se nas obras de Ariano Suassuna para trabalhar com os alunos produção de textos a partir do filme sobre sua biografia. Daí, foi fácil para as equipes selecionar músicas para uma futura mostragem.

 

 




 

As professoras Eliete e Djane desenvolveram com alunos atividades artísticas com material reciclado, que envolveram maquetes, instrumentos musicais, como: zabumba, sanfona e triângulo. Muita dança e música da cultura nordestina fizeram parte desse processo.

 

 

 

 

 

 

As professoras de Língua Portuguesa Newma, Val, Célia Faria, Aparecida e Édila, bem como as professoras Tânia (Realfa), Andréa Karl e Graça (Acelera) orientaram os alunos na produção de um livro que foi lançado no Sarau Literário.

 

Nesse envolvimento cultural, o tema passou a ser interdisciplinar, em que professores das áreas de História, Carolina, Patricia e Renata, e Geografia, Célia, Marcos e Tânia, se aprofundaram no trabalho com seus alunos.

 

Segundo a professora Eliete, uma mudança vem acontecendo na escola em relação à opção musical, pois os alunos andam pelos corredores da escola cantando músicas de Luiz Gonzaga e não somente funk.

 

Parabéns à direção e equipe pedagógica da E.M. Cecília Meireles que, com esforço, dinamismo e muita garra, vêm, ao longo do ano, fazendo um trabalho interdisciplinar, possibilitando seus alunos uma interessante visão de mundo.
 

Parabéns especial às professoras da Sala de Leitura, Felicidade e Patrícia, pela troca de informações tornando esta publicação, também, especial.
 

A Sala de Leitura Maurício de Sousa criou seu blog há algum tempo e promove a leitura de suas atividades através do endereço eletrônico http://saladeleituramaurciodesousa.blogspot.com.br/

 

 Escolas e professores participem das publicações do portal Rioeduca enviando para o representante da sua CRE projetos desenvolvidos e/ou atividades que impactaram a aprendizagem de seus alunos.

Clique aqui para saber o e-mail do seu representante.

 

Acompanhem e comentem nos blogs das Escolas da Rede Municipal de Educação da Cidade do Rio de Janeiro.

Representante do Rioeduca na 5ªCRE _ Professora  Regina Bizarro

Twitter: @rebiza / Facebook: rebiza

E-mail: reginabizarro@rioeduca.net

 

                                


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 20/11/2012

Leitura na Tela e no Papel

Tags: 9ªcre, blogdeescola, eletiva, gec.

O Ginásio Experimental Carioca Von Martius, da 9ª Coordenadoria Regional de Educação, desenvolveu o Projeto "Leitura na Tela e no Papel" na Eletiva da Sala de Leitura onde procura aliar as novas tecnologias ao "velho" habito de leitura, levando seus alunos a valorizarem tanto a leitura na tela como no papel.

 

 

 

 

O projeto "Leitura na Tela e no Papel" vem sendo desenvolvido desde o 2º semestre de 2011 e foi elaborado pela professora Maria Cristina J. Neves, que atualmente faz parte do grupo de exatas do ginásio, mas que na época era a professora regente da Sala de Leitura. Na primeira fase, ela contou com a colaboração da professora Vanessa, de História, e hoje conta com a participação da professora Juliana, também de História.

 

 

 

 

O projeto vem sendo publicado no Blog Leitura em Tela e no Papel, criado especificamente para os registros desta Eletiva. Vale a pena conhecer o blog e todas as etapas deste projeto que estão registradas nos Arquivos Publicados e nas Páginas internas – Lendo no Papel, Lendo na Tela, Vídeos dos Livros, Meninos e Meninas.

 

 

 

Quem nos fala sobre o objetivo e o desenvolvimento do Projeto “Leitura na Tela e no Papel” é a Professora Maria Cristina:

 

O projeto 'Leitura na Tela e no Papel' é desenvolvido para compreensão da leitura virtual e da leitura dos livros da Sala de Leitura (acervo). Ele se desenvolve em sala de aula com Data-show, som e netbooks para o professor e para os alunos, ligados na plataforma da EDUCOPÉDIA, na matéria Grandes Obras Literárias, com alunos de turmas de 7º ao 9º anos.

 

 

As tecnologias são meios que trazem para o universo cultural, novas formas de expressão, de representação e comunicação e implicam novas relações com a leitura e escrita. São ambientes em permanente e rápido processo de conhecimento. Contribuirá na formação integral do aluno, promovendo a criatividade, interpretação, leitura e construção de conhecimentos para produção de material editado em um BLOG, que será elaborado pelos alunos dessa eletiva.

 

 

 

Vídeo da 1ª edição do projeto em 2011

 

 

JUSTIFICATIVA: A educação abre grandes possibilidades de transformar o ser humano em um sujeito participante, reflexivo e responsável pelos seus atos. E as mídias como o cinema, o desenho, a TV e a Internet estão intrinsecamente ligados ao cotidiano dos jovens. É cada vez mais difícil a escola competir com tamanha rotatividade de informações, em que tempo e espaço se confundem e geram atividades prazerosas. Pensando em levar aos jovens uma possibilidade de inclusão digital através do desenvolvimento de leitura na internet e nos livros da biblioteca, buscando modificação e informação de que precisam, desenvolvi o projeto “Leitura na tela e no papel”.

 

 

 

 

O objetivo geral foi contribuir para a construção de uma consciência crítica e cidadã, colaborando na inserção do indivíduo num mundo onde a tecnologia é ferramenta indispensável à sobrevivência e fator de inclusão social. E os objetivos específicos foram: levar o aluno a compreender que a Internet é a maior biblioteca do mundo; levá-los a conhecer novas formas de leitura, expressão, representação e comunicação, produzindo textos digitados sobre a leitura do livro; fazer com que possam criticá-los ou elogiá-los e, de construir sugestões sobre o tema abordado com criatividade; fazer com que valorizem o desenvolvimento de atividades que utilizam como ferramenta, softwares de autoria, edição, para produção de material semanal para postagens no BLOG.

 

 

 

 

O Tempo previsto para duração de uma eletiva é de um semestre e os conteúdos utilizados foram: Aulas Virtuais da plataforma EDUCOPÉDIA em Grandes Obras Literárias; Livros com temas diferenciados e Atuais; Leitura de textos selecionados ou escolhidos pelos alunos; Montagem de comentários: digitação e publicação do trabalho no BLOG.

 

 

 

As Estratégias foram a apresentação e identificação das aulas da plataforma EDUCOPÉDIA, a utilização de aplicativos e ferramentas de autoria de blogs como: internet  e cliparts, a composição e digitação de pequenos textos, enfocando diferentes opiniões sobre a leitura escolhida e pesquisas de imagens, sons ou textos que abordem o assunto lido.

 

 

 

 

Vídeo da 2ª edição do projeto em 2012

 

 

Utilizamos diversos recursos como: Data-show, som ambiente, diversos netbooks, Internet, Livros, a composição de um BLOG, leitura em voz alta para compreensão de todos, resumos semanais sobre a leitura lida e publicação de comentários dos alunos no Blog.

 

 

 

 

Procuramos avaliar o projeto através da observação quanto aos seguintes aspectos: leitura, criatividade, organização, envolvimento, sociabilidade, autonomia, participação, hábitos e atitudes; Relato/avaliação, escrita e digitação sobre o que foi vivenciado na Eletiva; Comentários críticos e sugestões postados no Blog da Eletiva.

 

 

 

 

“O que as tecnologias digitais nos trazem de especial é a ampliação das possibilidades de produzir conhecimentos, divulgá-los e compartilhá-los.”

 

 Profª Mª Cristina J. Neves

 

 

Venha participar você também deste espaço. 

Compartilhe conosco uma atividade que a sua escola realizou.
 

 

Contatos da Representante da 9ª CRE:
Profª Márcia Cristina Alves
E-mail: marciacerqueira@rioeduca.net
Twitter: @marciacrisalves
Tel.: 94420157

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share