A A A C
email

Domingo, 13/08/2017

Encontros de Escolas pela Paz

Como todos sabem, o mau tempo impediu que realizássemos nosso Encontro das Escolas pela Paz no Aterro do Flamengo em 2 de julho. Havia grande mobilização, muito apoio da sociedade civil e bastante produção de desenhos e cartazes, peças musicais, outras exibições artísticas e atividades afins nas escolas.

Em reunião com os onze coordenadores de CREs, verificamos que não devemos perder esse impulso e o trabalho já acumulado. Desta vez, porém, preferimos planejar encontros descentralizados, espalhados pela cidade. Eles ocorrerão na manhã do próximo dia 17, quinta-feira, com brincadeiras, música, teatro e jogos.

O objetivo é o mesmo: promover o congraçamento entre escolas e exibir a produção de cada uma pela paz.

Será uma manhã instrutiva e divertida para os nossos alunos. A participação, como sempre, é por adesão.

No link vocês podem ver a programação estabelecida por cada CRE, com horários e endereços dos diferentes Encontros das Escolas. Nos vemos lá.

Atenciosamente,

Cesar Benjamin
Secretário

 

http://prefeitura.rio/web/sme/exibeconteudo?id=7239401
 


   
           



Yammer Share

Sábado, 12/08/2017

Convite: Ato pela Paz na 6.ª CRE

Tags: 6ªcre, aqui é um lugar de paz.

 

 

A professora Rejane Faria, Coordenadora da 6.ª CRE, convida a todos para participar do evento Ato pela Paz, que acontecerá na Arena Jovelina Pérola Negra – Praça Ênio, s/nº - Pavuna, no dia 17/08/2017, das 9h às 15h. Contamos com a sua participação! 

 

 

 

Um grito ecoará por todas as Unidades Escolares da 6.ª Coordenadoria Regional de Educação. Diretores, professores, funcionários e alunos apresentarão atividades em defesa da paz em nossa cidade e no ambiente escolar. Várias vozes e um único pedido: exigimos que nossas escolas sejam respeitadas como lugares de PAZ! 

Confira a programação do evento! Junte-se a nós neste movimento em busca da tão almejada cultura de Paz! 

 

 

 

 

Estamos aguardando você! Para maiores informações, entre em contato com a 6.ª CRE!

Telefone: 3017-6989

E-mail: cre06@rioeduca.net


 


   
           



Yammer Share

Sexta-feira, 11/08/2017

HUMANIZARTE: Saúde, Vida e Sociedade

Tags: 10ªcre, artes.

 

Projeto Integrarte tem como objetivo conscientizar a comunidade escolar da importância da conservação da saúde (individual e pública) para a vida em sociedade.

 

A E/CRE (10.19.076) Escola Municipal Professora Eulália Rodrigues de Oliveira Vieira está localizada à Rua Prado Junior, 662, Santa Cruz - Rio de Janeiro. A Unidade Escolar atende a 10 turmas do 6º ao 9º ano, 1 turma de Classe Especial e 6 turmas de PEJA, totalizando 598 alunos. Tem como diretora, a professora Adriana Vicente Portela, como diretora adjunta, a professora Mariza Alonso Ferreira Medeiros e Coordenadora Pedagógica, a Professora Leci Rosina Alexandre Alves. A Unidade possui 16 professores, 4 funcionários de apoio e 6 funcionários terceirizados.

Em 2017, a escola está desenvolvendo o Projeto Integrarte, que é direcionado pela professora de Educação Artística, Márcia Keanu, e integra todas as disciplinas com a Educação Artística, tendo como objetivo conscientizar a comunidade escolar sobre a importância da conservação da saúde mental, emocional para a vida em sociedade. Tudo começou com um concurso interno de logomarca para o projeto que será trabalhado durante todo o ano.

 

Aluno Caio Lucas premiado no concurso da logomarca

 

Durante o primeiro semestre, cada ano de escolaridade desenvolveu um tema específico onde foram trabalhados os seguintes temas: poluição, doenças endêmicas, sexualidade, saneamento básico, cuidados com o corpo e saúde mental, drogas lícitas e ilícitas.

O 6º ano trabalhou a poluição, usando a arte para reciclar, reutilizar e reduzir; Planeta Terra e Planeta água para abordar a contaminação do solo, doenças em solo contaminado, contaminação do lençol freático e lixo no chão.

 

Trabalhos realizados pelos alunos

 

As turmas de 7º ano ficaram responsáveis pelas doenças endêmicas, representações do corpo, saúde como mercadoria, bactérias e vírus, infecções bacterianas e viróticas, agentes contaminantes da saúde em Santa Cruz, a peste negra na idade média, disseminação de doenças e mapeamento de doenças endêmicas nos bairros do Rio de Janeiro.

O 8º ano desenvolveu trabalhos sobre sexualidade, práticas coletivas em espaços públicos, puberdade, igualdade de gênero, empoderamento feminino, desconstrução de conceitos sobre o corpo feminino, violência contra a mulher, desconstruindo padrões de beleza, sexualidade através da dança, as relações da nobreza européia influenciando o comportamento da sociedade no Brasil, DST, liberdade sexual e respeito às diferenças.

 

Peça sobre igualdade feminina

 

As turmas do 9º ano realizaram trabalhos sobre saneamento básico, movimento em fotografia – da cultura hippie ao hip-hop, direito universal ao acesso a água, água como molécula vital, saneamento básico, Estação de Tratamento do Guandu, bairros e cidades sustentáveis, a reforma urbana no século XX, migrações de residências da cidade para o morro, mapeamento dos continentes e países com maior deficiência de saneamento.

As turmas de PEJA ficaram responsáveis pela imagem como padrão cultural, sociedade viciada, consequências individuais e sociais do uso das drogas lícitas e ilícitas.

 

Aluna do PEJA na apresentação do trabalho

 

— Fizemos um bazar sustentável mostrando que aquilo que não serve para mim pode servir para o outro. Os trabalhos ficaram dispostos em sala de aula de acordo com os temas, aberto a visitações da comunidade escolar e comunidade em seu entorno e ao final houve uma degustação de alimentos e sucos feitos com reaproveitamentos. Foi muito gratificante para nós vermos o empenho de cada aluno pelo projeto. Recebemos a comunidade de braços abertos, assim como alguns amigos da 10ª CRE. — afirma a diretora Adriana.

 

Quer saber mais sobre o trabalho?
Entre em contato com a Unidade Escolar.

E/CRE (10.19.076) E. M. Professora Eulália Rodrigues de Oliveira Vieira
Telefone: 3365-2504
Email: emevieira@rioeduca.net

 


 


   
           



Yammer Share

Sexta-feira, 11/08/2017

Cerimônia de Premiação do 1º Festival Curta na Árvore

Tags: mídias, curtas, festival.

 

 

No dia 14 de agosto, às 10h, a Editora Rovelle, em parceria com o Projeto Cineclube nas Escolas, irá realizar a cerimônia de premiação do 1o Festival Curta na Árvore para as escolas da Rede Municipal de Educação que participaram do concurso. O evento será no cinema Kinoplex do New York City Center, na Barra da Tijuca.

 

Nesse dia, será entregue o prêmio para o aluno Marlon George Xavier Lobo, da E.M. Roberto Burle Max, que ganhou na categoria melhor ator no curta "A cartomante".

O filme também foi indicado para a categoria melhor produção.

O evento é restrito às escolas convidadas em função da lotação da sala.


Conheça os indicados da Rede Pública Municipal do Rio de Janeiro:

Melhor atriz: Renata Cristine, no filme “Nosso amor não compreendido”(E.M. Manoel Bonfim)

Melhor atriz: Ana Loyse Vieira, no filme “A matemática das flores” (E.M. Leônidas Sobrino Porto)

Melhor ator: Marlon George Xavier Lobo, no filme “A Cartomante” (E.M. Roberto Burle Marx) (VENCEDOR)

Melhor filme: “A Cartomante”(E.M. Roberto Burle Marx)


 


   
           



Yammer Share