A A A C
email

Sexta-feira, 13/10/2017

Outubro Rosa: O GEO Santa Teresa Apoia!

Tags: 1ªcre, eventos, projetos.

 

Escola se mobiliza em campanha de Conscientização da Luta contra o Câncer de Mama.

 

 

O movimento popular internacionalmente conhecido como Outubro Rosa é comemorado em todo o mundo. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama e estimula a participação da população, empresas e entidades. Este movimento começou nos Estados Unidos e a primeira iniciativa vista no Brasil foi a iluminação em rosa do monumento Mausoléu do Soldado Constitucionalista (mais conhecido como o Obelisco do Ibirapuera), situado em São Paulo (SP), em 02 de outubro de 2002 (1).


O Ginásio Olímpico de Santa Teresa (GEO Santa Teresa), Escola Municipal Juan Antonio Samaranch, está realizando uma campanha de incentivo à prevenção do câncer de mana, abraçando o movimento Outubro Rosa.

O GEO Santa Teresa engajado na cmapanha Outubro Rosa: diretora, coordenadora pedagógica, professores e alunos


 A campanha protagonizada pelos alunos das Turmas 1802 e 1803, dentro da disciplina de Ciências, tem o objetivo de atingir a todos os funcionários da escola, responsáveis e demais familiares, principalmente as mulheres com mais de 40 anos de idade.


 Os alunos montaram laços rosas (símbolo do movimento) que foram distribuídos aos alunos da escola, assim como cartões com mensagem de incentivo à prevenção. Ainda confeccionaram pequenos cartazes que foram colados nos corredores da escola e uma faixa utilizada na campanha.
 

Alunos preprarando os materiais e realizando a campanha
.

 Os alunos protagonistas, divididos em grupos, solicitaram alguns minutos a cada professor(a) para fazerem a campanha em suas respectivas sala de aula. Eles explicaram o que é o movimento Outubro Rosa, o que é o câncer de mama, mostraram as estatísticas brasileiras em relação à doença, informaram que homens também podem desenvolver este tipo de câncer, mas que a maciça maioria dos casos acontece nas mulheres e que o autoexame e a mamografia são as medidas preventivas a serem adotadas.

 

Alunos protagonistas realizando apresentações nas turmas da unidade.

 


A campanha continuará em curso na escola durante todo o mês de outubro, inclusive nas reuniões de responsáveis.


 “O emprenho e o entusiasmo dos alunos, observados durante a realização de todas as fases da campanha, é contagiante! É maravilhoso ver os alunos engajados, conciliando os conteúdos pedagógicos à causas atuais e importantes”. Diz a Professora Lucineia Alves, organizadora da campanha.

 

Turmas 1.802 e 1.803 ,respectivamente, e professora Lucineia: protagonistas da Campanha


O câncer de mama é uma doença causada pela multiplicação de células anormais da mama, formando um tumor. É segundo tipo de câncer mais comum entre as mulheres no Brasil e no mundo. Estimou-se que em 2016 foram detectados 57.960 novos casos de câncer de mama somente no Brasil (2).


A prevenção se faz através do autoexame que deve ser realizado sempre e através da mamografia que deve ser periódica para mulheres com mais de 40 anos.

 


Ajude na conscientização!

 

 

Referências:


(1) OUTUBRO ROSA. 2017. História. Disponível em . Acesso em 03 de out/2017.

(2) INSTITUTO NACIONAL DE CÂNCER JOSE ALENCAR GOMES DA SILVA. 2017. Câncer de mama. Disponível em . Acesso em 03 de out/2017.

 


Para Saber Mais:

E.M. Juan Antônio Samaranch

Direção: Ana Christina do Nascimento Quintella

Telefone: 3972-0916

E-mail: emsamaranch@rioeduca.net

Professora Responsável: Lucinéia Alves

 


 


   
           



Yammer Share

Quinta-feira, 12/10/2017

Projeto: Alfabetizando com o "Seu Alfabeto"

Tags: 4ªcre, texto, leitura, escrita.

 

Sabendo o quanto é importante trabalhar diversos gêneros textuais, o projeto "seu alfabeto" foi adaptado para o 3º ano de escolaridade da E. M. Escritor Bartolomeu Campos de Queirós, por entender que havia histórias atraentes e divertidas, onde os alunos foram estimulados a adquirir o gosto pela leitura, refletir e avançar nos conhecimentos sobre a língua escrita de maneira significativa.

 

A ideia inicial foi partir para um trabalho lúdico, em que os alunos pudessem interagir e serem integrados, participando ativamente das atividades propostas.

 

 

Com os objetivos de incentivar os alunos a ler e ouvir a história usando o boneco; conhecer e dominar o alfabeto; compreender diferenças entre a escrita alfabética e outras formas gráficas; desenvolver a oralidade; participar das interações cotidianas em sala de aula; desenvolver a percepção auditiva com atenção e compreensão; respeitar a diversidade das formas de expressão oral manifestada, por colegas, professores, funcionários da escola, bem como por pessoas da comunidade extra-escolar; usar a língua falada em diferentes situações; proporcionar atividades de leitura desafiadoras que envolvam o interesse pela escrita; despertar o letramento através da ludicidade; envolver a criança de forma prazerosa no processo ensino aprendizagem; sistematizar o estudo das letra do alfabeto apresentando diferentes grafias e estudando o valor sonoro de cada uma delas; facilitar a assimilação das letras do alfabeto; desenvolver a escrita espontânea e a leitura; e resgatar valores e trabalhar emoção, o Projeto foi desenvolvido em etapas.

 

 

DESENVOLVIMENTO:

• 1ª etapa (1ª semana de aula): Roda de conversa para aguçar a curiosidade dos alunos e fazer a proposta do projeto; apresentação do boneco e sua certidão de nascimento.

A cada palavra-chave ensinada para os alunos, foi colada no boneco uma letrinha para fixar a letra aprendida.

• 2ª etapa (Dia do Livro): Emília visita a escola, através do convite do Seu Alfabeto. Com o objetivo de falar sobre o Dia do Livro, o Seu Alfabeto convida a Emília para ir da Fazenda das Letras para a escola, a fim de conversar e contar uma história aos alunos.

 

 


• 3ª etapa (Mês de junho): A festa de aniversário do Seu Alfabeto. Após ter trabalhado o livro “A festa de aniversário do Seu Alfabeto”, foi realizada a festa em sala de aula, na qual cada aluno sorteou uma letra do alfabeto e fez um desenho de algo que eles gostariam de dar para o boneco, depois escreveram uma frase sobre esse objeto. Os convites do aniversário também foram confeccionados pelos alunos.

 

 

• 4ª etapa (Dia do Estudante): Gincana estudantil. A fim de criar um dia bem alegre, o Seu Alfabeto organizou uma gincana entre as turmas do 3º ano, para comemorar o Dia do Estudante. Com isso os alunos, aprenderam sobre o trabalho em equipe, a interação social e a colaboração.

Em todas as atividades realizadas, os professores estavam orientando. E, para finalizar esse dia da gincana, brincamos com tinta zin e tomamos banho de mangueira.

 

 

• 5ª etapa: ( Entrega do livro). Para incentivar cada vez mais a leitura e também para concluir o Dia do Estudante, cada aluno recebeu do Seu Alfabeto um livro de história para ler e colorir.

Parabéns à Equipe da escola pelo excelente trabalho realizado!

Sobre a escola: E/CRE (04.30.010) Escola Municipal Escritor Bartolomeu Campos de Queirós.

Endereço: Rua Praia de Inhaúma, S/Nº Maré
CEP: 21044-725
Tel: 2482 3787
Email: emqueiros@rioeduca.net
Diretor: Luiz Felipe Vieira Ferrão
Adjuntas: Juliana Vieira Ferrão
CP: Raquel Pereira de Oliveira

 

 

 


 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 11/10/2017

Lê comigo - Projeto anual de mediação de Leitura Literária

Tags: 3ªcre, leitura, incentivo.

 

  O ponto de partida do Projeto "Lê comigo", da Sala de Leitura da Escola Municipal D. João VI,  aconteceu no ano de 2016 e, como todo o projeto de incentivo à leitura deve ser, prossegue em 2017 renovado após ajustes e avaliações de percurso por parte de todos os envolvidos. Para conhecer essa história, por favor, "Lê comigo".

 

 

O Projeto de promoção, incentivo e mediação literária LÊ COMIGO tem como principais objetivos ampliar o repertório literário dos estudantes, professores e demais integrantes da comunidade escolar, através do acesso aos livros e a participação em atividades de mediação de leitura literária. Conta com amplo acervo, cerca de nove mil exemplares, distribuídos entre literatura infantil, infanto juvenil, clássicos da literatura e títulos voltados à formação docente.

Nosso acervo é composto por duas midiatecas importantes: o acervo disponibilizado pela equipe MultiRio e o acervo disponibilizado pelo projeto Cine Literário.

A cada ano de escolaridade são oferecidas atividades diversas de caráter contínuo. São adequadas ao interesse por faixa etária, envolvendo dramatizações, leituras em público, leituras individuais, empréstimos de títulos literários e incentivo à autoria. Acreditamos que o estudante em contato com o objeto livro e mediação constante, compreende o fazer literário como algo inerente em seu cotidiano, aprimorando consequentemente seu vocabulário e sua forma de expressar-se tanto oralmente quanto em sua escrita. Nesta linha de trabalho, espera-se a ampliação da visão, encontrando sempre novos caminhos e possibilidades através de diferentes linguagens.

Passeando por diferentes gêneros literários durante o ano letivo, somos sempre surpreendidos quando construímos linha pós-linha novos enredos para nossas histórias. LÊ COMIGO configura, neste panorama, as mudanças permanentes que o livro deixa na vida do leitor. Uma mudança real que não admite retrocesso, pois uma vez o livro lido, suas marcas permanecem e moldam a postura deste leitor sempre em direção ao avanço como ser humano e cidadão atuante.

 

 

O suporte filosófico, político e psicopedagógico para o desenvolvimento deste projeto é a concepção sócio interacionista de Vygotsky sobre o funcionamento do cérebro humano. Isto quer dizer que o homem é herdeiro da evolução cultural e seu desenvolvimento dar-se-á em função de características do meio social em que vive. Logo, acreditamos que um meio social permeado pelo livre acesso à leitura, propiciará vivências e trocas ímpares, verdadeiramente significativas para crítica, argumentação e incentivo à autoria.

Compartilhar leituras...

Do ponto de vista de Vigotyski (1988) e seus colaboradores, os momentos de desenvolvimento cultural são motivados por atividades que façam avançar a formação e o aperfeiçoamento das capacidades psíquicas. Nesse sentido, é possível um novo olhar em relação à literatura infantil como fundamental para a formação da humanidade das pessoas em suas máximas possibilidades.

Para medirmos o grau de interesse cultural de uma escola, bairro ou cidade, podemos usar como parâmetro a biblioteca, seja esta escolar ou pública. Para que exerça a cidadania de forma plena o indivíduo necessita fundamentalmente de formação e informação, bases estas encontradas em nossa linha de trabalho e acervo, o qual disponibilizamos constantemente oferecendo orientação e mediação.

A atividade promovida pela Sala de Leitura J.G. de Araújo Jorge desenvolve a oralidade, livre expressão e aprimoramento da escrita através da realização da leitura literária em diferentes modalidades.

 

 

Com a palavra, o Pé de Poesia!

O Pé de Poesia é um mural interativo que expõe e disponibiliza poesias diversas de autores renomados, dispostas lado a lado com produções dos estudantes da nossa escola. As dinâmicas oferecidas incluem autoria e ampliação do repertório dos estudantes, mediante leitura, transcrição e criação autoral. Ao ler um livro de poesias é comum ter preferência por esta ou aquela obra, seja pelo ritmo ou mensagem que transmite. Nesta perspectiva é possível transcrever poesias e endereçá-las aos amigos ou criar uma nova poesia, ler, presentear, trocar. Com o desenvolvimento das atividades do Pé de Poesia incentivamos a participação de nossa Comunidade Escolar no projeto Poesia na Escola, promovido pela Secretaria Municipal de Educação. Consiste da publicação de uma coletânea de poesias de autoria de estudantes, professores e funcionários da Rede. Sempre uma vivência significativa quando indicamos obras da nossa escola para este concurso. A semeadura do Pé de Poesia desenvolve repertório, oralidade e estimula a autoria e interação através da arte literária e da linguagem poética.

 

 

Luz, câmera, ação: conheça nosso Cine Literário!

O Cine Literário é composto por cinquenta títulos em livros e seus respectivos filmes, incentivando mutuamente a literatura através do cinema nacional e o cinema através da literatura.

Neste projeto realizamos exibições dos filmes, debates, rodas de conversa e rodas de leitura objetivando fomentar a criticidade, argumentação e ampliação do repertório e vocabulário.

Realizamos durante o ano letivo exibições semanais de filmes e foi instaurada uma roda de leitura aberta à comunidade escolar, onde recebemos as famílias dos estudantes. O exercício da cidadania passa pela paixão pela leitura e valorização do livro no caminho de formação.

O Projeto Cine Literário, uma parceria com o cinema Ponto Cine é uma importante vivência cultural fomentada pela Sala J.G. de Araújo Jorge.

 

 

Piquenique Literário!

São deliciosos os piqueniques literários promovidos pelo projeto LÊ COMIGO! Neles, além de lanchinhos super gostosos para saborear, compartilhamos leituras e vivências literárias de forma descontraída e prazerosa. Cada turma vivencia um autor diferenciado e nestes piqueniques são lidos trechos de obras, enumerados títulos, e seguimos com breve explanação sobre a vida e obra do autor assim como disponibilização de títulos literários.


 

Dedicado aos estudantes da Escola Municipal Dom João VI, sem os quais meus dias jamais seriam os mesmos. Por vocês, desafio meus limites para ser a cada dia uma profissional de educação à altura da sinceridade que transparece em vossos olhares.

Texto enviado pela Professora Ana Cláudia de Abreu Soares.

 

São tantos e tão fascinantes os projetos desenvolvidos pela sala de leitura J.G. de Araújo Jorge que dá muita vontade de conhecer mais. Para isso basta enviar um email para slsdjoaovi@rioeduca.net.

 

 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 11/10/2017

Votação Popular - Concurso de Produções Audiovisuais "Tirando a Droga de Cena" - 2017

Tags: tdc, concurso, vídeos.

 

O Concurso de Produções Audiovisuais  "Tirando a Droga de Cena" continua em sua fase de Votação Popular

Lembramos que:

A Secretaria Municipal de Educação, através da Coordenadoria de Educação e da Empresa Municipal de Multimeios – MULTIRIO, em consonância com a legislação vigente e acreditando na prevenção como caminho eficiente e eficaz, dá continuidade ao programa Tirando a Droga de Cena, apresentando o Concurso de Produções Audiovisuais Tirando a Droga de Cena, edição 2017.

O presente concurso é voltado para alunos do 4.º ao 9.º Ano do Ensino Fundamental e do Programa de Educação de Jovens e Adultos da Rede Municipal de Ensino. Também estão aptos a participar os alunos matriculados nos Centros de Pesquisa e Formação de Ensino Escolar de Arte e Esporte (Unidades de Extensão) e nos Programas de Reforço Escolar.

O objetivo é promover, através de produções audiovisuais, a reflexão/discussão acerca da importância da PREVENÇÃO À DEPENDÊNCIA QUÍMICA.

Para tanto, propomos estimular os estudantes a explorar a linguagem midiática em produções de sua própria autoria, abordando questões como a importância de escolhas saudáveis, projeto de vida e consequências do uso/abuso de drogas psicotrópicas, e também promover o protagonismo juvenil.

 

Agora é a sua vez!

 

Todos os vídeos foram analisados pelos nossos Jurados Técnicos e de cada categoría foram selecionados alguns vídeos. Esse é o momento que contamos com a sua participação. 

Veja cada vídeo e curta o que mais gostou de cada categoria. Os vídeos mais curtidos pelo juri popular serão homenageados.

Segue os links dos vídeos por categoria.

A votação acontecerá até o dia 15 de novembro.

 

 

Categoria A:

(os alunos matriculados no 4º e 5º Anos, incluídos os alunos
matriculados em Projetos de Reforço Escolar)

O Grande Prêmio 

Por favor, não fume

 

Categoria B:

(os alunos matriculados do 6º ao 9º Ano, incluídos os alunos
matriculados em Projetos de Reforço Escolar) 

A sua História é você quem faz 

Até a onda acabar 

Prazeres

 

Categoria C:

(os alunos matriculados na Educação de Jovens e Adultos)

Drogas não curto, não compartilho e não aceito. Essa eu deleto 

A Escolha 

Estudar nunca é demais

 

 


 


   
           



Yammer Share