A A A C
email
Retornando 48 resultados para o mês de 'Março de 2017'

Sexta-feira, 31/03/2017

Projeto Aqui o Mosquito não se Cria na E.M. Bolívia

Tags: arboviroses, dengue, mosquito, pse, aedes, 5ªcre.

 

Neste ano de 2017, a Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro e a Secretaria Municipal de Educação, Esportes e Lazer estão fazendo uma grande mobilização contra a Tríplice Epidemia de Arboviroses – Dengue, Zika e Chikungunya. A Escola Municipal E/CRE(05.14.005) Bolívia está participando ativamente dessa campanha com vários projetos interessantes. Confira o projeto da professora Fernanda Paiva (turmas 1.501 e 1.502).

 


 

No mês de fevereiro, a Escola Municipal Bolívia abraçou a campanha de mobilização contra a Tríplice Epidemia de Arboviroses. O objetivo principal foi de conscientizar toda a escola da importância de se prevenir contra a Dengue, tomando medidas que atinjam não somente a escola, mas também toda a comunidade próxima a ela.

 

 

O Projeto “Aqui Mosquito não se Cria” teve várias etapas que contribuiram para o engajamento de toda a comunidade escolar nessa campanha. Foram realizadas atividades como:

  • incursão por toda a escola à procura de focos do mosquito da Dengue;
  • trabalho em grupo para confecção de cartazes que foram espalhados por toda Escola;
  • pesquisa individual em cartolina para os murais externos;
  • confecção de panfletos para a entrega em toda a comunidade próxima a escola;
  • caminhada no entorno da U.E. para a distribuição dos panfletos.

 

 

Depoimento da Professora responsável:

"Embora a projeto ainda esteja em andamento, está surtindo um efeito bastante positivo no que diz respeito à conscientização com relação ao que deve ser feito para evitarmos a doença."

Um pouco mais sobre a campanha de Mobilização contra a Tríplice Epidemia de Arboviroses – Dengue, Zika e Chikungunya.

Para eliminar os focos do mosquito:

Obtenha outras informações no link abaixo e compartilhe com todos:

http://www.rioeduca.net/blogViews.php?id=5795

 

Parabéns a todos pela participação e comprometimento nesse projeto que é tão relevante para a nossa sociedade, visando o bem estar de cada cidadão Carioca! Parabéns a professora, gestores e a todos os alunos que se uniram em prol do êxito dessas ações!

 

Sobre a Escola:

Escola Municipal Bolívia - E/CRE(05.14.005)
Diretor: Vera Regina Mendes de Lima
Diretora Adjunta: Simone Coimbra
Endereço: Praça. Cotigi, 211 - Vicente de Carvalho
E-mail: embolivia@rioeduca.net
Tels: 2482-9332 / 3457-6399
Atendimento: da Educação Infantil até o 4ºano.


 

Escolas e professores, participem das publicações do portal Rioeduca enviando para o representante da sua CRE projetos desenvolvidos e/ou atividades bacanas e que gostariam de compartilhar. Clique AQUI para saber o e-mail do seu representante.

 

E não esqueça de deixar aqui o seu comentário. Ele é muito importante para nós!

 


 


   
           



Yammer Share

Quinta-feira, 30/03/2017

Artigo do Secretário - Uma certa ideia de Brasil

Tags: artigos, secretário, educação.

 

Uma certa idéia de Brasil

César Benjamin

Para o livro Enciclopédia de Brasilidade,
organizado por Carlos Lessa

 


“Os discursos de que não viu, são discursos.
Os discursos de quem viu, são profecias.”
Antônio Vieira, Sermão da Terceira Dominga do Advento,1669

 


1. Muitos motivos se somaram, ao longo da nossa história, para dificultar a tarefa de decifrar, mesmo imperfeitamente, o enigma brasileiro. Já independentes, continuamos a ser um animal muito estranho no zoológico das nações: sociedade recente, produto da expansão européia, concebida desde o início para servir ao mercado mundial, organizada em torno de um escravismo prolongado e tardio, única monarquia em um continente republicano, assentada em uma extensa base territorial situada nos trópicos, com um povo em processo de formação, sem um passado profundo onde pudesse ancorar sua identidade. Que futuro estaria reservado para uma nação assim?

 

 

ACESSE AQUI O TEXTO NA ÍNTEGRA 

 


   
           



Yammer Share

Quinta-feira, 30/03/2017

E. M. Suíça no Projeto Escola de Bamba

Tags: carnaval, escola, bamba, projeto.

Neste ano de 2017, a E. M. Suiça participou da maior festa Carioca desfilando com muita animação na Passarela do Samba, participando do Projeto de Bamba da Prefeitura do Rio de Janeiro. Vamos conhecer um pouco desse traballho...

 

A Escola Municipal Suíça, mobilizada com o período de Carnaval, desenvolveu seu projeto pedagógico associado com o Projeto Escola de Bamba da Prefeitura do RJ, o qual participa há vários anos. São muitos pontos positivos alcançados no desenvolvimento do projeto no campo pedagógico e social. A interdisciplinariedade é uma questão bastante importante que também é contemplada, assim como a questão cultural.

 



Com o objetivo de propiciar o contato dos alunos da Rede Municipal de Ensino com as diferentes áreas do conhecimento, a partir dos pressupostos do carnaval, o Projeto Escola de Bamba é um projeto que oportuniza aos alunos uma efetiva participação, através do desfile na Escola de Samba Mirim Grêmio Recreativo Corações Unidos do CIEP, composta por alunos de escolas municipais do Rio. A Escola Municipal 04.11.015 Suíça, integrante do Projeto, em 2016 completou doze anos participando do Projeto Escola de Bamba. Nesses doze anos sua participação foi desde o enredo até o desfile propriamente dito.

 



A escola desfila com alunos do Ensino Fundamental e PEJA (Programa de Educação de Jovens e Adultos) respeitando as faixas etárias. A escola percebeu que esse projeto auxilia nas ações em nível pedagógico, com atividades de pesquisa, de produção de diferentes materiais, na ampliação do universo cultural através do projeto e na inter-relação constante, onde os alunos lidam com diferentes questões, interligando as diversas disciplinas.

 



Segundo a Direção da escola, o mais importante deste projeto é levar a clientela a vivenciar esse mundo maravilhoso chamado carnaval, sem contar com o congraçamento de toda a Rede Municipal, pois são cerca de mais de dois mil alunos desfilando de escolas que vão de Paquetá a Barra de Guaratiba.


 


O Projeto Escola de Bamba sempre visa a parte pedagógica através de seu enredo, o qual é bastante trabalhado pela Unidade Escolar no período. A professora Fernanda Moreira do 5º ano, a professora Edna Ferreira do 6º ano, representante do CEC e a Diretora Professora Fátima Barros são as responsáveis pelo desenvolvimento do projeto.


 


A escola concluiu que o Projeto Escola de Bamba, que já tem mais de 30 anos, é um projeto extracurricular dos mais importantes, pois além de motivar os alunos, os leva também para além dos muros da escola e desta forma auxilia não só o nível pedagógico, mas o nível social. Sua contribuição é inexorável, pois podemos integrá-lo ao Projeto Político Pedagógico, pois como já citado, seu enredo é pedagógico, o que auxilia na construção de conhecimento pelos alunos.

 



Parabéns à escola Municipal Suíça pelo trabalho realizado! Um trabalho de excelência com o comprometimento de todos os profissionais que compõem a unidade escolar.

 

 

Sobre a escola:

E/CRE (04.11.015) Escola Municipal Suíça
Endereço: Praça Antonio José de Almeida, s/nº Penha Circular CEP:21011-580
Email: emsuica@rioeduca.net
Tel:3885 9485
Diretora: Professora Fátima Barros.

 



   


   
           



Yammer Share

Quinta-feira, 30/03/2017

Artigo do Secretário - Uma certa ideia de Brasil

Tags: artigos, secretário, educação.

 

Uma certa idéia de Brasil

César Benjamin

Para o livro Enciclopédia de Brasilidade,
organizado por Carlos Lessa

 


“Os discursos de que não viu, são discursos.
Os discursos de quem viu, são profecias.”
Antônio Vieira, Sermão da Terceira Dominga do Advento,1669

 


1. Muitos motivos se somaram, ao longo da nossa história, para dificultar a tarefa de decifrar, mesmo imperfeitamente, o enigma brasileiro. Já independentes, continuamos a ser um animal muito estranho no zoológico das nações: sociedade recente, produto da expansão européia, concebida desde o início para servir ao mercado mundial, organizada em torno de um escravismo prolongado e tardio, única monarquia em um continente republicano, assentada em uma extensa base territorial situada nos trópicos, com um povo em processo de formação, sem um passado profundo onde pudesse ancorar sua identidade. Que futuro estaria reservado para uma nação assim?

 

 

ACESSE AQUI O TEXTO NA ÍNTEGRA 


   
           



Yammer Share