A A A C
email
Retornando 68 resultados para o mês de 'Janeiro de 2014'

Quarta-feira, 22/01/2014

Aprendizagem Divertida, Motivada pelo Prazer da Descoberta!

Tags: 8ªcre, pedevento.

 

Na Escola Municipal João Daudt de Oliveira, aprender a ler pode ser muito divertido!

Passando por diferentes aventuras propostas pelo projeto Pé de Vento, os alunos se divertem enquanto aprendem as letras e os números de uma forma interessante e lúdica. O Rioeduca compartilha hoje a experiência de Maria Helena Lima, professora da turma 1102.

 

Alunos da turma 1102  curiosos com as atividades do Pé de Vento no computador.

 

 

"Tu me dizes, eu esqueço; Tu me ensinas, eu lembro; Tu me envolves, eu aprendo."

                                                 Benjamim Franklin

 

 

O aluno Lucas Cauã, da turma 1102, participa das atividades do Pé de Vento na Sala de Leitura.

 

 

Ler e escrever não é simplesmente organizar palavras e sim expressar ideias, conceitos e tornar isso uma forma de linguagem.

 

Com o Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa, cresce o compromisso das escolas da Prefeitura do Rio de Janeiro em oferecer o melhor para que este processo aconteça de forma eficaz e satisfatória para todos.

 

Aparelhos eletrônicos, jogos e internet são ferramentas que podem colaborar muito para o desenvolvimento da aprendizagem da leitura e da escrita.

 

O Projeto Pé de Vento faz parte da plataforma colaborativa da Educopédia. O curso é uma iniciativa da Subsecretaria de Novas Tecnologias da SME e propõe oferecer mais uma ferramenta para alfabetização e letramento.

 

O Pé de Vento é organizado em aventuras, onde personagens vão descobrindo junto com as crianças o mundo das letras, dos números e das palavras!

 

 

Walison Carvalho, aluno da turma 1102, fazendo as atividades do Pé Vendo e sendo observado atentamente pelos colegas da turma.

 

Na Escola Municipal João Daudt de Oliveira, a professora Maria Helena Lima planeja suas aulas inserindo o projeto Pé de Vento.

 

Semanalmente os alunos assistem às aventuras e fazem as atividades usando o netbook ou na Sala de Leitura, onde a professora projeta as imagens para toda a turma.

 

"Meus alunos adoram tudo que possui cor, movimento e tecnologia. O computador é visto como um jogo, e na verdade funciona como um jogo educacional.

Sabemos que o brincar no computador prende a atenção e desperta o interesse sobre qualquer assunto. 

Tenho usado o Pé de Vento apenas no computador ou em conjunto com o Caderno de Tarefas da Casa da Alfabetização. Um dá suporte ao outro e despertam o interesse do aluno. As crianças ficam com os olhos parados (...)

O Pé de Vento tem sido um excelente recurso pedagógico!"

 

Maria Helena Lima, professora da turma 1102 na E.M. João Daudt.

    

 

Maria Helena Lima, professora da turma 1102, da E.M. João Daudt de Oliveira.

 

 

 

O formato das aventuras em sequência do Pé de Vento estimulam a curiosidade, a frequência às aulas e a participação dos alunos. 

 

O Pé de Vento foi criado especialmente para fazer parte da Educopédia. É um recurso para os professores e uma maneira divertida de aprender para os alunos.

 

Atualmente, o Pé de Vento está disponível também na versão off line. Basta seguir o passo a passo, baixar e salvar em pen drive ou netbook da escola.

 

O Pé de Vento é um projeto inovador! E agora também na versão Pé de Vento II, voltado para o 2º ano.

 

Aprendizagem e Envolvimento

 

A equipe pedagógica da E.M. João Daudt de Oliveira acredita que o envolvimento provoca a aprendizagem, portanto, as aulas devem ser planejadas buscando envolver os alunos com o que será aprendido.

 

O projeto que começa a dar seus primeiros passos é o "João Daudt de Braços com a Cidade".  O que se espera é preparar os alunos para viver em nossa cidade, contribuindo para que ela seja cada vez mais conhecida como Cidade Maravilhosa!

 

 

Se você quer saber mais sobre as ações da E.M. João Daudt de Oliveira, clique abaixo e conheça o Blog da escola:

 

http://escolamunicipaljoaodaudtdeoliveira.blogspot.com.br/

 

Agradeço a diretora Regina Brum e a professora Maria Helena pela colaboração para a postagem.

 

Sua escola pode ser a próxima a compartilhar as ações aqui, no Rioeduca!

Entre em contato com o representante da sua CRE.

 

 

Professora Neilda Silva - Rioeduca 8ª CRE

neildasilva@rioeduca.net

Twitter: @Prof_Neilda

 

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 22/01/2014

Grupada da Ordem

Tags: 3ªcre, blogdeescolas, cidadania.

A Escola Municipal Hermenegildo de Barros trabalha com uma estratégia de equipe para amenizar os problemas com alunos que estão tendo condutas adversas ao bom desempenho da turma.

 

A equipe percebeu que fazendo assembléias com alunos e criando um espaço de discussão sobre a convivência conseguiria ajudar diversos casos que foram levantados pelos alunos do 1° ao 3° ano da Escola.

 

Criou-se, então, a Comissão de Ajuda, mas notou-se que, em alguns casos, era preciso algo mais e então surgiu a Grupada da Ordem que nas reuniões semanais, estão propondo:


• Dinâmicas de integração;
• Discussão/reflexão sobre valores humanos;
• Relatos de experiências boas e ruins;
• Discussão sobre direitos e deveres;
• Roda de Conversa sobre as normas de convivência, regras da escola e sobre o Regimento Interno;

 


O nome foi escolhido de forma democrática e o logo foi criado pelos participantes do grupo na sala de informática, tudo com o valor da aprendizagem e da construção de um grupo de cidadãos capazes de expor suas opiniões e a fazerem escolhas.

 

 

 

A Grupada da Ordem estabeleceu seus princípios através da busca pelas soluções aos problemas encontrados.

 

 

Os encontros estão sendo realizados semanalmente e as crianças estão conseguindo superar os obstáculos que as impedem de uma boa convivência social, inclusive algumas crianças se juntaram ao grupo por conta própria, pois consideram que estão precisando de ajuda e demonstram seu amadurecimento em uma autoavaliação.

 


A convivência social é bastante complexa, pois exige inúmeros requisitos como a tolerância, compreensão, paciência, respeito; dessa maneira a relação entre as pessoas se dá de forma conjunta e a Grupada da Ordem está na E.M. Hermenegildo Barros para ajudar.

 


 

Parabéns à Grupada de Ordem e a toda a Escola que trabalha em prol da criação de verdadeiros cidadãos cônscios de seus deveres e direitos..

Blog da Escola: http://emhbarros.blogspot.com.br
 

Escolas e professores não deixem de compartilhar atividades ou projetos no nosso Portal Rioeduca. Procure o representante de sua CRE!!
Clique aqui para conhecer seu representante

 


Profª Elidia Correia

Representante 3ªCRE no Rioeduca

elidiacorreia@rioeduca.net

Twitter:  @ElidiaCorreia

Facebook: Elidia Correia  e  Grupo Rioeduca/3ª CRE

 

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 22/01/2014

Vivenciando Literatura na Educação Infantil

Tags: professor, educação infantil.

A apresentação e oferecimento de livros para as crianças na Educação Infantil promoverá o interesse, suscitará a criatividade e aguçará a imaginação dos pequenos pelas mais variadas obras promovendo futuros grandes leitores.

 

As crianças encontram-se imersas num ambiente letrado independente de possuírem ou não domínio pela leitura, porém o mundo de informações que nos cerca não substitui o livro, a literatura.

 

A criança que ouve histórias cotidianamente desperta em si a curiosidade e a imaginação criadora e ao mesmo tempo tem a chance de dialogar com a cultura que a cerca, portanto, de exercer a sua cidadania.” (BEDRAN, Bia, 2012, A arte de cantar e contar histórias: narrativas orais e processos criativos. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2012).

 

 

Cantinho da Leitura de uma Sala de Aula de Educação Infantil: fácil acesso para os pequeninos.

 

A narrativa faz parte da vida de todos nós e o contato com o “contar histórias” está presente na maioria das vezes desde muito pequenos.

 

Ouvir histórias, principalmente boas e bem contadas histórias, fascinam a todas as idades... É através da oralidade que as crianças têm o primeiro contato com o texto.. Mas isso não significa que conhecer e manusear um livro tenha que ser algo que necessite de uma grande preparação e amadurecimento.

 

 

Fontes: www.facebook.com/estantemagica e www.editoraprojeto.com.br

 


Como a criança vai se interessar por algo que sequer pode segurar?

 

Numa turma de Educação Infantil, os livros precisam estar ao alcance das crianças que necessitam tocar, folhear, cheirar, sentir e imaginar.

 

Incidentes vão acontecer, é claro, e algumas obras podem ser rasgadas ou coloridas, pois será nesse momento também que serão desenvolvidos hábitos e atitudes e aprenderão a zelar pelo material. Nessa faixa etária o que mais chama atenção são as cores, formas, tamanhos e sons. São livros de imagens, de pano, de banho...

 

 

Bebês precisam do estímulo visual e tátil que os livros de pano proporcionam.

 


Em sua turminha, faça da leitura um hábito, um deleite.

 

Leia sempre! Diariamente! Oportunize conhecer e viajar num mundo sensacional com histórias de obras diversificadas como: contos de fadas, fábulas, poesias...

 

Proporcione prazer, compartilhe leitura!
 

 

Taís Ferraz Duarte é Professora da Rede Municipal
e colaboradora do Portal Rioeduca
E-mail: taisduarte@rioeduca.net

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 22/01/2014

Informativo MultiRio - 22 de janeiro

Tags: informativomultirio.

 

Multirio Web Rádio
Multirio

História da Eletricidade mostra pioneiros e evolução da ciência

Com estreia nesta sexta-feira (24) na programação da MultiRio, a série inglesa narra os desdobramentos da busca do homem por dominar a eletricidade, dos primórdios aos dias de hoje. A História da Eletricidade é uma produção da BBC e da Open University e, em três episódios, mostra o pioneirismo dos primeiros a lidar com essa força, as invenções, os experimentos e o desenvolvimento da energia elétrica a serviço de vários aspectos da vida humana. Thomas Edison, Benjamin Franklin, Michael Faraday e Heinrich Hertz são algumas das personagens dessa história da evolução da ciência. A apresentação é do físico Jim Al-Khalili, professor da Universidade de Surrey (Inglaterra). A História da Eletricidade estreia na sexta-feira, às 13h, no canal 26 da NET.

Web TV disponibiliza produções da MultiRio a qualquer hora e lugar

Com programação 24h no ar na Web, séries como Cidade de Leitores, Conceito & Ação, Educação em Rede, Tela Aberta, Aventuras Cariocas e Tons e Sons, entre outras, estão disponíveis também na MultiRio Web TV. A internet permite levar as produções televisivas da Empresa a todos os lugares do Brasil e do mundo, com conteúdo educativo-cultural a apenas um clique. A seção Videoteca ainda oferece um acervo que pode ser assistido on demand: basta escolher os episódios de suas séries favoritas para ter uma experiência individualizada com a programação da MultiRio. Produção exclusiva da Web TV, a série Tempo de Estudar revisa conteúdos de Matemática para o 9º ano por meio de videoaulas exibidas diariamente, de livre acesso ao público. Para ver a programação completa, acesse a MultiRio Web TV (www.multirio.rj.gov.br/webtv).

 

 

Siga-nos no Twitter

A MultiRio não tem um perfil oficial no Facebook. Informações sobre a Empresa você encontra no Portal MultiRio e na nossa página no Twitter. Se você já faz parte desta rede social, seja um seguidor: twitter.com/multirio.

RIO PREFEITURA | EDUCAÇÂO |
MULTIRIO Secretaria Municipal de Educação
MultiRio - Empresa Municipal de Multimeios

Para não receber mais este informativo,
envie e-mail para multiriocomunica@multirio.rio.rj.gov.br.
Tel:1746/Fora RJ:(21) 3460-1746 • ouvidoria multirio@rio.rj.gov.br

 

Siga-nos no
Twitter Portal
Multirio

 

                               


   
           



Yammer Share