A A A C
email
Dicas, prática pedagógica, troca de experiências.
Retornando 31 resultados para o mês de 'Outubro de 2018'

Quarta-feira, 31/10/2018

Desafio da Puberdade em Escola Passado e Presente

Tags: desafio da puberdade, fotos, patrimônio.

 

Desafio da Puberdade em: Escola Passado e Presente

 

 

"A memória é um dos alicerces que dá sentido à vida. Com uma instituição não é diferente. Preservar a memória institucional é manter a instituição viva e uma forma de fortalecer suas bases....Também é preciso olhar para as pessoas, pois a história institucional é uma construção que traz em si as marcas dos sujeitos que dela fazem parte."

Fundacentro

 

Convidamos todos os servidores (ativos e inativos), alunos e ex alunos da Rede Municipal de Ensino do Rio de Janeiro a participarem. Cada participante deverá enviar uma foto da unidade escolar tirada antigamente e outra foto na atualidade. Poderão ser enviadas fotos da fachada, do refeitório, pátio, turmas, sala de aula, ou seja, qualquer foto que foi tirada na unidade.

 

As fotos deverão ser enviadas digitalizadas ou em formato png ou jpeg para o e-mail: rioeduca@rioeduca.net até o dia 31/10/2018

 

Inscrição será feita via e-mail

 

A Gerência de Inovação e Tecnologia Educacional irá coletar e organizar as fotos por Coordenadoria de Educação, para exposição em local a se definir no mês de novembro em data que será divulgada em breve.

 

Ao realizar a inscrição, os participantes deverão informar por e-mail o nome completo da unidade escolar e da CRE na qual a escola faz parte, assim como o seu nome e cargo (se é ativo ou inativo, aluno ou ex aluno), e se possível relatar o ano de quando a foto foi tirada. 

 

Obs.: É possível que as fotos enviadas sofram ajustes relativos à nitidez e resolução, a fim de melhor impressão para a exposição.


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 31/10/2018

I Encontro de Pedagogia de Educação Física e Esporte

Tags: gpec, pedagogia, educação física.

 

I Encontro de Pedagogia de Educação Física e Esporte acontecerá na

Universidade Rural em novembro

 

 

O Grupo de Pesquisa em Pedagogia de Educação Física e Esportes, do Departamento de Educação Física (GPPEFE) da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, quer ousar. Prova disso é que está propondo realizar um novo formato de evento denominado “I Encontro de Pedagogia de Educação Física e Esporte (ENPEFE). O evento, associado e paralelo ao IV Ciclo de Palestras para os professores de Educação Física da Rede Municipal de Ensino, acontecerá nos dias 12 e 13 de novembro de 2018, no auditório do Pavilhão de Aulas Teóricas da UFRRJ, abordando a temática da articulação entre os saberes da formação profissional com o exercício docente na escola básica.

 

A finalidade é futuramente atrair parceiros e financiamento para tornar o Encontro um fórum estadual de referência para a discussão da formação profissional em educação física e o ensino da educação física na escola e demais campos de atuação do licenciado. “Como inovação, duplicamos a apresentação de sessões, com convite a professores e pesquisadores de renome nacional, totalizando seis conferências e espaço para apresentação de trabalhos científicos no formato de pôster”, diz a Professora Mestra Ellen Aniszewski, que leciona na Escola Municipal Antenor Nascentes e faz dupla no Núcleo de Artes Grande Otelo.

 

O grupo mantém o entendimento de que o evento permite resgatar os princípios fundamentais que regem a educação permanente, relevando os aspectos formativos que conduzem à emancipação pessoal e à postura crítica perante a realidade, consubstanciando o desenvolvimento profissional docente sob o pressuposto de que a ação educativa se edifica em saberes construídos social e coletivamente, portanto, valorizando conhecimentos provenientes de diferentes campos do conhecimento e experiências práticas diversificadas.

 

I ENPEFE e IV Ciclo de Palestras O IV Ciclo de Palestras em Pedagogia de Educação Física e Esportes é resultado de uma proposta de formação continuada organizada pelos membros do GPPEFE.

 

Segue link para o site do evento: https://sites.google.com/view/enpefe1/home 

 

Enviado por:

Waléria de Carvalho

E/SUBE/GPEC


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 31/10/2018

FLIRME-RJ & 1ª Festa Literária do CREJA

Tags: flirme, creja.

 

FLIRME-RJ & 1ª Festa Literária do CREJA

 

No dia 25 de outubro, o CREJA realizou a sua 1ª Festa Literária, a FLICREJA, juntamente com a Festa Literária da Rede Municipal de Ensino – FLIRME-RJ.

 

 

A 1ª FLICREJA homenageou a literatura nordestina. Sua programação contou com a apresentação de cordéis, textos diversos de autores nordestinos, vídeos, cirandas e a presença das cordelista convidada Rosário Pinto.

 

Por ocasião da FLIRME-RJ, homenageou também o poeta Manoel de Barros.

 

 

 

“Nossa feira literária é a expressão de um processo de envolvimento com a literatura que atravessa o ano letivo, a escola e todo o trabalho pedagógico” (Daniel de Oliveira – Coordenador Pedagógico)

 

 

Para ver mais sobre a 1ª FLICREJA, acesse: http://crejarj.wixsite.com/creja/galeria-imagens-2018 

 

Enviado por:

Daniel de Oliveira.
Coordenador Pedagógico
CREJA - Centro Municipal de Referência
de Educação de Jovens e Adultos


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 30/10/2018

Final da Mostra de Dança acontecerá no Teatro Nelson Rodrigues

Tags: mostra de dança.

 

Final da Mostra de Dança acontecerá no Teatro Nelson Rodrigues

 

A Mostra de Dança da Rede Pública Municipal de Ensino faz 35 anos e é motivo de orgulho para todos os educadores e alunos envolvidos no processo. No dia 31 de outubro, das 9h às 17h, no Teatro da Caixa Nelson Rodrigues, no Centro, acontecerá a Mostra Municipal de Dança, na qual 33 coreografias representativas das 11 Coordenadorias Regionais de Educação serão apresentadas.

 

 

Na ocasião será apresentado um documentário de aniversário, produzido pela MultiRio, composto por várias vozes que acompanharam este longo percurso, resgatando os primórdios da criação do projeto. Além disso, depois de muitos anos, os professores envolvidos na formação para a Mostra de Dança irão abrir o evento com uma coreografia remontada especialmente pelo bailarino, coreógrafo e professor argentino Diego López.

Durante todo o ano letivo os professores estiveram em formação, através de residência artística no Centro Coreográfico da Cidade do Rio de Janeiro, conquistada por aprovação em edital de seleção.

 

 

Apesar das adversidades os professores conseguiram levar para as Mostras Regionais 290 coreografias divididas pelas 11 CREs, com alunos da Educação Infantil, do Fundamental, do Peja, dos Núcleos de Arte e dos Clubes Escolares. Prova de que dançar é um exercício de superação para os alunos da Rede Municipal. Para a professora de dança Cláudia Petrina, dançar é você ter a possibilidade de se descobrir, reinventar-se, transformar-se. Já a professora de Artes Visuais Julia Ramos acredita que a dança é movimento, energia, alegria, é você se sentir essencialmente feliz.

 

Cláudia Petrina e Julia Ramos coordenam com maestria a Mostra de Dança, projeto da Gerência de Projetos de Extensão Curricular (GPEC), e falam a respeito. “Acho que a maior importância do projeto é incentivar a autoestima do aluno, que passa a se sentir uma pessoa importante no mundo. Com a dança eles percebem que podem ir além do senso comum. Tanto que muitos se tornam profissionais. Com a dança eles se descobrem. Algumas danças são trazidas por crianças que vivem em situação de risco e elas podem vivenciar no palco uma outra realidade de glamour e valorização do seu potencial. Elas saem do seu habitat para brilhar’’, fala Julia Ramos.

 

 

Para a professora Cláudia Petrina um dos aspectos importantes do projeto é “trazer o corpo enquanto área de conhecimento dentro da escola, dialogando com outras disciplinas. Sair de uma educação menos formal e racional no sentido cognitivo. É ver que o corpo tem memória, tem história e sabedoria. É conectar corpo e mente e nessa fusão conseguir ler o mundo de uma maneira mais completa e integrada’’, explica Cláudia.

 

Neste ano, além dos temas de livre escolha, os professores puderam trabalhar com seus alunos coreografias com temas sugeridos como os 90 anos do Abaporu de Tarsila do Amaral, Cem Anos do Nascimento de Nelson Mandela, Cem anos do Final da Segunda Guerra Mundial, Cinquenta Anos da Morte de Martin Luther King, Cinquenta anos do primeiro transplante de coração na América Latina feita no Brasil, Fraternidade e Superação da Violência na Campanha da Fraternidade, Eleições, Copa do Mundo na Rússia e a ida do Homem à Lua, entre outros.

 

Enviado por:

Waléria de Carvalho

E/SUBE/GPEC

 


   
           



Yammer Share