A A A C
email
Fique por dentro das novidades e possibilidades da plataforma online de aulas colaborativas Educopédia.Todos os posts escritos por Márcia Cristina Alves (Texto Prof. Mario Mangabeira)
Retornando 5 resultados para o autor 'Márcia Cristina Alves (Texto Prof. Mario Mangabeira)'

Terça-feira, 15/04/2014

Literatura na Educopédia

Tags: educopedia, offline, professores.


“Asas de Papel” e “Grandes Obras” como interveção pedagógica na construção da formação do leitor.


Professor e Regentes de Sala de Leitura, conheçam as possibilidades pedagógicas das aulas Porta de Papel e Grandes Obras na Educopédia.


Já conhecem as aulas Asas de Papel e Grandes Obras? Hospedadas no 5° e 9° anos respectivamente, proporcionam um jeito diferente de dinamizar aulas de leitura do texto literário.

 

Como acessar?


As aulas apresentam uma gama de livros disponíveis na nas salas de leitura das escolas municipais cariocas. Elas têm por objetivo dinamizar o trabalho com a leitura de obras que são referência na literatura nacional e mundial.

 

Em Asas de Papel, as aulas são voltadas para livros infantis e infanto-juvenis. Apesar de estarem hospedadas no 5° ano escolar, elas podem ser livremente utilizadas em qualquer ano de escolaridade, cabendo ao professor realizar as adaptações necessárias.

 

Confira as obras que são temas de aulas em “Asas de Papel”.

 


Em “Grandes Obras”, os alunos têm contato com a literatura clássica. As aulas apresentam atividades de pré-leitura, as quais auxiliam no desenvolvimento de inferências sobre o enredo das histórias. Os objetos de aprendizagem (links informativos, vídeos, jogos) também contribuem para a dinamização das atividades.

 

Confira as aulas de Grandes Obras”

 

 

As aulas podem ser utilizadas por :

- alunos, em casa, ampliando os conhecimentos sobre o enredo do livro a ser lido, ou antecipando o conteúdo do mesmo para a ampliação em aula;

- professores regente de Língua Portuguesa, sendo um recurso didático aliado ao planejamento pedagógico;

- professores regentes de Sala de Leitura, dinamizando o atendimento às turmas.

 

A criança que lê desenvolve o senso crítico e melhora a escrita.. Sendo assim, faz-se imprescindível que o convívio com os livros extrapole o desenvolvimento sistemático da sua escolarização e que a literatura passe a ser difundida com mais intensidade nas escolas. E as aulas “Asas de Papel “ e “Grandes obras” foram desenvolvidas para nos auxiliar nesta árdua tarefa de desenvolver em nossos alunos o gosto pela leitura.

 

 

Compartilhe essa ideia.

Participe da revolução na educação.

www.educopedia.com.br

 

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quinta-feira, 10/04/2014

Sustentabilidade na Sala de Aula

Tags: educopedia, offline, professores.

Professor, você sabia que a plataforma Educopédia disponibiliza aulas digitais sobre diversos temas inerentes à sustentabilidade?


Sustentabilidade é um termo usado para definir ações e atividades humanas que visam suprir as necessidades atuais dos seres humanos, sem comprometer o futuro das próximas gerações. Ou seja, a sustentabilidade está diretamente relacionada ao desenvolvimento econômico e material sem agredir o meio ambiente, usando os recursos naturais de forma inteligente para que eles se mantenham no futuro. Seguindo estes parâmetros, a humanidade pode garantir o desenvolvimento sustentável.


Dessa forma, a formação cidadã para a sustentabilidade começa na escola.


O tema é relevante em todas as disciplinas e séries, perpassando transversalmente pelo currículo.


Na Educopédia, você encontra as aulas “Sustentabilidade” no 7° ano. Observe:



Conheça, agora, o tema das aulas:



 

Professor, as aulas podem sem customizadas, de acordo com a sua proposta pedagógica e a realidade de sua turma!

 


O download das aulas apresenta maior possibilidade de uso ! Confira aqui.

 


Sustentabilidade é um assunto de interesse da humanidade e a ação de cada um na multiplicação desse conhecimento auxiliará na busca por melhores oportunidades e hábitos. Dessa forma, as aulas Educopédia Sustentabilidade podem e devem ser adotadas por qualquer professor de qualquer disciplina e, quando possível, ser integrada entre as diversas áreas da escola e (ou) comunidade.

 

 

Compartilhe essa ideia.

Participe da revolução na educação. 

www.educopedia.com.br

 

 

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 09/04/2014

Educopédia: Uso offline

Tags: educopedia, offline, professores.

 

Professor, a plataforma Educopédia permite seu uso offline, tanto nas aulas de Língua Portuguesa e Matemática do 5º e 9° anos, quanto nas demais aulas, caso haja problemas de conexão.


 As aulas de Língua Portuguesa e Matemática do 5° e 9° anos estão em flash. Dessa forma, todos os recursos das aulas (vídeos, games, links) funcionam automaticamente.

 

 

Ao clicar em um dos anos escolares escolhidos, abrirá a página de aulas. Ao selecionar a aula pretendida, clique em “Download”.

 

 

As demais aulas também podem ser baixadas para o uso offline, de acordo com a necessidade.


Selecione a aula e escolha o tema pretendido. Clique em “Apresentação” para baixar a aula. Clique em “Plano”, para baixar o plano de aula.

 


As aulas baixadas podem ser customizadas. Você, professor, tem a possibilidade de personalizar os slides, de acordo com a sua proposta pedagógica e a realidade da sua turma. É possível acrescentar novas atividades, eliminar outras, inverter a ordem proposta.


Ao baixar as aulas, os vídeos das aulas também precisam ser baixados.


No vídeo abaixo, você pode observar esse processo, que é bastante simples.


 

 

Compartilhe essa ideia.

Participe da revolução na educação. 

www.educopedia.com.br
 

 

 

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quinta-feira, 27/02/2014

Alfabetização: Pesquisa e Ensino.

Tags: 9ªcre, alfabetização, linguaportuguesa, educopedia.

A professora Camila Coelho, da E.M. Professor Helton Álvares Veloso de Castro, da 9ª CRE, vem colaborando para o desenvolvimento de pesquisas relacionados ao processo de Ensino e Aprendizagem no processo de Alfabetização.

O trabalho da professora Camila vem sendo pesquisado pelos mestrandos do PROFLETRAS (UFRRJ) Mario Mangabeira e Janne Braga, professores de Língua Portuguesa da Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro.
 

 

O público-alvo do Profletras é constituído por docentes de todas as gerações de egressos de cursos de graduação em letras e que lecionam língua portuguesa no ensino fundamental. Alguns objetivos principais do programa são:


• O aumento da qualidade do ensino dos alunos do nível fundamental, com vistas a efetivar a desejada curva ascendente quanto à proficiência desses alunos no que se refere às habilidades de leitura e de escrita;

• O desenvolvimento de pedagogias que efetivem a proficiência em letramentos compatível aos nove anos cursados durante o ensino fundamental.

 

Desse modo, a prática de ensino da escrita, em turmas de alfabetização, foi um dos temas analisados na turma da professora Camila. O produto da investigação e reflexão de práticas de êxito resultou na produção de um artigo, intitulado “Desvios ortográficos na alfabetização: motivações fonético-fonológicas.”, a ser publicado na comunidade acadêmica em breve.

 

 

O artigo pautou-se na análise das produções de texto dos alunos da turma. A professora organizou o seu planejamento de modo que atividades de escrita significativa sejam garantidas.

 

 

Para atingir o principal objetivo no processo de alfabetização , a professora , além de incluir a produção textual como prática constante nas aulas, a Educopédia, a sala de Leitura e o Rioeduca são recursos constantes para dinamizar a prática de ensino e motivar a garotada.

 

 

Confira um trecho do artigo:

 

 

Acreditamos que, considerando as múltiplas tendências teórico-metodológicas e recursos, como a Educopédia e o Rioeduca , os professores possam se voltar para a inovação na sala de aula, ao mesmo tempo que, de forma crítica e responsável, possam refletir acerca de questões relevantes sobre diferentes usos da linguagem presentes contemporaneamente na sociedade. Sabemos que o professor precisará responder aos desafios educacionais do Brasil contemporâneo, considerando princípios fundamentais da construção de uma educação linguística que vise a práticas sociais mediadas pela linguagem.

 

 

 

 

 

Referências:

http://www.capes.gov.br/educacao-a-distancia/profletras


FARACO, Carlos Alberto. Linguagem escrita e Alfabetização. São Paulo: Contexto, 2012.

 

Agradecimento especial á professora Camila Coelho, pelas excelentes práticas de alfabetização e pela parceria no programa ProfLetras e aos professores pesquisadores.

 

 

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share