Rio Educa
A A A C
email
Retornando 186 resultados para a tag 'riodeleitores'

Segunda-feira, 20/08/2018

As Aventuras de Alfa e Beto

Tags: 1ªcre, educaçãoinfantil, riodeleitores, projetos.

 

De forma lúdica, projeto envolve a família em atividades de letramento em turma de Educação Infantil.

 

Com o objetivo de iniciar o letramento, de forma lúdica e prazerosa , a professora Gisele, da turma de Educação Infantil da Escola Guatemala, desenvolve, ao longo do ano letivo, o projeto “As aventuras de Alfa e Beto”.

 

 

 


Inicialmente, a professora Gisele idealizou e mandou confeccionar dois bonecos, um branco e outro pardo. Os bonecos são irmãos gêmeos e receberam os nomes de Alfa e Beto, em uma alusão ao alfabeto, objetivo fim do projeto.


A professora elaborou uma carta para as famílias, explicando como o projeto seria desenvolvido e como as famílias participariam do mesmo. Na carta as famílias autorizaram a participação das crianças e se comprometeram a zelar pelos bonecos durante a permanência dos mesmos em suas casas.

 

 


No mês abril, a professora apresentou Alfa e Beto às crianças. Explicou que eles eram novos amigos da turma e que, uma vez por semana seria realizado um sorteio entre os alunos da turma para saber qual aluno levaria o amigo para casa. Alfa é o amigo que visita os alunos da turma EI51 e Beto é o amigo que visita os alunos da turma EI52.

 

 

 


O projeto funciona assim: a professora lança uma letra do alfabeto e trabalha com a turma, no final da semana acontece o sorteio e a criança leva o amigo para casa com a proposta de fazer uma aventura em família envolvendo a letra trabalhada. Na sacola personalizada, junto com o amigo, segue o Passaporte de aventuras, onde a família registra a aventura realizada e anexa uma foto.

 

 


 


A primeira aventura foi realizada na escola, para servir como exemplo para as demais. A professora Gisele lançou a letra A e fez a brincadeira Amarelinha com as crianças.

O projeto tem uma página na Rede Social Facebook, onde semanalmente são registradas as fotos das aventuras, de forma que todas as famílias das turmas possam acompanhar o desenvolvimento do projeto.

 

Clique na foto abaixo para acessar a página:

 

 

A partir da letra B as aventuras foram feitas pelas famílias. Eventualmente, a professora realizará aventuras na escola, já que são apenas 20 alunos por turma e o alfabeto possui 26 letras. Alfa foi para a casa da ADRIELLE. A aventura escolhida pela família foi a brincadeira “BATATA QUENTE. Beto foi para a casa da MARINA. A aventura escolhida pela família foi brincar no Balanço da pracinha.

 

 

 

 

E assim, Alfa e Beto vão vivendo várias aventuras, ao longo do ano, seguindo as letras do Alfabeto. Visitaram pracinhas, foram a Feira de São Cristóvão, ficaram em casa... E continuam vivendo muitas aventuras.

 

 

 


Quando o alfabeto terminar, a professora pretende fazer uma festa de aniversário dos amigos como finalização do projeto, preferencialmente no dia da criança.

 

Através do retorno nos comentários na Rede Social e das agendas, além do feedback dado na reunião de responsáveis, já foi possível perceber a satisfação das famílias! “Estamos todos muito animados com o projeto!”, finaliza a professora Gisele Lima Tílio.

 

 

 


E por falar em professora Gisele, outro grande trabalho desenvolvido com Educação Infantil já foi destaque aqui no Portal Rioeduca, “O passaporte da Leitura”. Clique na foto abaixo e releia esse belíssimo projeto.

 

 


 


Para Saber Mais:

ESCOLA MUNICIPAL GUATEMALA

Telefone: 2224-7687

E-mail: emguatemala@rioeduca.net

Direção: Rose Leon

Direção-Adjunta: Marília Amaral

Coordenação Pedagógica: Márcia Cristina Hernandes

Professora Responsável pelo Projeto: Gisele Lima Tílio

 


 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 23/07/2018

Crianças e o Mundo

Tags: 1ªcre, educaçãoinfantil, riodeleitores, projetos.

 

Projeto Anual de Espaço de Desenvolvimento Infantil propõe um passeio por diversas regiões, visitando aspectos culturais e geográficos.

 

O Espaço de Desenvolvimento Infantil Zélia Gattai, localizada na comunidade do Fogueteiro, zona Central da Cidade do Rio de Janeiro, está desenvolvendo nesse ano de 2018 o Projeto “Crianças e o Mundo”, com o objetivo de impulsionar o interesse e o respeito por diferentes culturas e modos de vida, ampliando as relações interpessoais, tornando a empatia pelos outros um norteador, levando as crianças a perceberem que as pessoas têm diferentes formas de viver, agir e pensar.

 

 


O projeto está dividido em quatro grandes etapas, com pequenos subprojetos. São eles “Do Fogueteiro para o Mundo”, “O mundo em festa”, “Artes que o mundo inspira” e, encerrando o ano, a “Feira de Troca: trocando com o mundo”.

 

 

Atividade Estamparia Africana

 

E assim várias atividades vão sendo desenvolvidas, costurando o grande tema gerador. Na atividade “Estamparia Africana”, por exemplo, a professora Geisa fez um recorte sobre um encanto no mundo, que é a estamparia, usando símbolos adinkras. Foi escolhido símbolos com histórias bonitas, com valores universais de boa convivência. Na mistura de Poema + Desenho , o Desenhema, as crianças desenharam os poemas... E ficaram encantados.

 

 


“Eu vejo o mundo. Eu vejo o mundo em mim”, outra atividade, organizada pela professora Rafaela Pinto, nasceu do interesse da turma de desbravar as semelhanças e diferenças existentes entre os diferentes povos do mundo. A turma viajou por meio de fotografias, vídeos e livros de histórias que retratam as diferentes formas de se vestir, comer e de viver. A equipe levou diferentes objetos e elementos culturais para as nossas rodas de conversas e direcionar o enfoque das pesquisas para as diferentes infâncias no mundo, buscando curiosidades sobre as formas que as crianças brincam, se vestem, se banham e se alimentam ao redor do mundo.

 

 

E assim segue o projeto, que ao longo do ano promoverá diversas atividades e subprojetos, despertando a curiosidade e a interação de nossas crianças com outras culturas, outros modos de viver.

 

Criança observa produção 

 


Alguns depoimentos demonstram a empolgação pelo projeto:


“Eu adorei ver a Thaylla vestida de africana. Não porque ele é minha filha não, mas é a mis linda (risos)”, falou dona Elisângela, mãe da aluna Thaylla. A aluna Mirelly nos fala: “eu adorei o guarda-chuva do Frevo. Vou pedir pra minha mãe comprar um colorido igual”.

 


Para saber mais:

EDI ZÉLIA GATTAI AMADO

Diretora: Alzineia Sheila Teixeira Alves

Diretora-Adjunta: Karen da Silva Pinheiro

Telefone: 2224-0979

E-mail: edizgattai@rioeduca.net

 

 


 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 14/05/2018

Jornal Mural: O Mundo na Sala de Aula

Tags: 1ªcre, eventos, projetos, riodeleitores.

 

Jornal Mural traz o o Mundo para dentro do espaço escolar na Ilha de Paquetá.

 

A escrita de fatos importantes é uma prática de letramento comum em nossa sociedade. A maneira mais comum de registrar os acontecimentos é pelo jornal, que pode ser impresso, televisivo, radiofônico, virtual. Pode ter circulação ampla (internacional, nacional), ou local (jornal de bairro, de associação de moradores etc.).

 

 


Em razão da importância desse meio de comunicação em nossa sociedade, a professora Shayna Silva, Regente da turma de 6º Ano Experimental da Escola Municipal Joaquim Manuel de Macedo, propôs um jornal mural com os alunos, em que registrem fatos e eventos da sala de aula, da escola e da comunidade relevantes para eles. A ideia é confeccionar o jornal de maneira que possa sempre ser atualizado e afixá-lo na parede, para que todos possam ler.


Uma vez por semana, os alunos levam recortes de reportagens podendo ser de jornais ou revistas. Definidos os temas, cada grupo fica responsável por trazer para sala de aula uma reportagem com um determinado tema (dicas beleza e saúde, culinária, esporte, lazer, política, superação e etc). Depois de serem selecionadas, cada grupo fica com uma das reportagens, organiza e apresenta para a turma, em roda, onde expõem suas opiniões, argumentando os diversos pontos de vista.

 

 


Essa atividade além de promover o gosto pela leitura e interpretação de texto, também proporciona as crianças conhecimento sobre o mundo que os cerca, estimulando a consciência crítica e despertando o interesse em dialogar.

 

 

 


Como desdobramento da proposta, os alunos são estimulados a escrever suas próprias reportagens, que são expostas no Mural da sala de aula.


Para a professora Shayna, “(...) essa atividade tem apresentado bons resultados no desenvolvimento dos nossos alunos, primeiramente que demonstraram uma boa desenvoltura ao apresentar o que leram para o restante da turma, dividindo entre eles as partes importantes para que cada um pudesse contar o que leu, e depois um ou dois expõem a opinião do grupo sobre o que leram, o que desenvolve autonomia, sem contar a troca de experiência que também é muita significativa nesses momentos; e segundo que eles estão realizando pesquisas, lendo reportagens mesmo não estando dentro da atividade do Jornal Mural, como aconteceu com a aluna Julia Victoria que trouxe para sala um cartaz feito por ela sobre o caso de Marielle (...). Isso nos mostra o quanto nossos alunos estão atentos e são sensíveis aos acontecimentos conosco e no mundo”.

 

 

 


E você, ficou interessado em desenvolver atividades de Jornal Mural? Dê uma lida na Matéria da Revista Nova Escola :


http://rede.novaescolaclube.org.br/planos-de-aula/reler-e-reescrever-uma-experiencia-com-jornal-mural-na-escola

 

 

Para Saber Mais:

 

ESCOLA MUNICIPAL JOAQUIM MANUEL DE MACEDO

Direção: Hanriete de Araujo da Silva

Diretora Adjunta: Rose Mary da Costa Ermida

Coordenadora Pedagógica: Maria Aparecida Bago

Telefone: 3397-0120

E-mail: emjmacedo@rioeduca.net

 

 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 18/12/2017

Pequenos Grandes Escritores

Tags: 1ªcre, eventos, projetos, riodeleitores.

 

Escola participa de ação projeto, onde textos dos alunos são transformados em livros.

 

Localizada no bairro do Catumbi, a Escola Municipal Estados Unidos atende turmas do 1º ao 9º ano do Ensino Fundamental em dois turnos.

 


Incentivar e estimular o prazer e o interesse pelo mundo da leitura e da escrita, levando os alunos a se perceberem como parte do processo de construção de um livro (autores), além de despertar o gosto pela leitura e escrita, formando estudantes mais críticos com relação ao mundo que o cerca e entender são capazes de desafiar nossa imaginação e possibilitar nosso crescimento intelectual e também enquanto indivíduo são os objetivos principais do “Pequenos Grandes Escritores”, projeto idealizado por Ricardo Monteiro.

 

Alunos Autores reecebendo suas  produções


As atividades do projeto foram desenvolvidas em sala de aula, onde a partir de uma introdução da equipe do PGE (Pequenos e Grandes Escritores), os alunos foram incentivados a escrever e desenhar sobre como viver em paz na comunidade. Após as atividades, os trabalhos foram recolhidos para gráfica, que foi visitada pela turma 1.301 (escolhida como melhor livro). Cada turma teve o seu livro editado e os alunos foram homenageados, em uma festa, recebendo suas produções com a presença dos responsáveis e professores.

 

Responsáveis participando da Cerimônia de Homenagem aos Pequenos Grandes Escritores


“Meu príncipe escreveu um livro, o primeiro de muitos...” nos conta Monica Monteiro, mãe do aluno João Miguel da turma 1101. Já a professora Elaine Carvalho nos fala: “Estou muito feliz de fazer parte da história dos meus alunos de uma forma tão especial...”.


“O Projeto deu aos alunos uma prova de que eles são capazes conquistar o mundo...” nos fala Alda Reis, Diretora Adjunta. “...A partir deste projeto os alunos perceberam que podem viajar o mundo através de suas próprias palavras...” conclui Flavio Oggioni, Secretário Escolar.

 

Equipe do Projeto com Equipe Gestora da Unidade Escolar


Para Saber Mais:

Escola Municipal Estados Unidos

Direção: Alessandra Nunes e Alda Maria Reis

Coordenação Pedagógica: Gabrielle Vieira

Telefone: 2213-5658

E-mail: emeunidos@rioeduca.net


 


   
           



Yammer Share