A A A C
email
Retornando 74 resultados para a tag 'leitura'

Sexta-feira, 09/12/2016

Sala de Leitura Denise Almeida

Tags: 9ªcre, edi, leitura.

 

 

 

O Espaço de Desenvolvimento Infantil Alyrio Cavallieri abriu as suas portas no dia 22 de novembro para a inauguração da Sala de Leitura, que recebeu o nome da professora da Rede Municipal de Ensino, Denise Almeida.

 


A escolha do nome da professora Denise Almeida para a Sala de Leitura no EDI Alyrio Cavallieri se deu no momento em que a Diretora Geral, professora Evanilda de Jesus Oliveira, juntamente a Diretora Adjunta, professora Solange Vieira Dias, partindo do Projeto Político Pedagógico, cujo pilar central é a estrofe da música de Milton Nascimento “Há que se cuidar do broto, para que a vida nos dê flor e fruto”, e pensando em broto, em vida, em flor e em fruto, pensaram em “Margarida Insatisfeita”! Elas já haviam tido a oportunidade de conhecer a escritora Denise Almeida no CIEP Professor Darcy Ribeiro em 2014, quando ela lá esteve para receber uma homenagem. A Equipe do EDI teve como objetivo principal oferecer um espaço de leitura adequado à faixa etária com um acervo que propicie o gosto e prazer pela leitura, bem como a troca de experiências, tudo isso em um espaço lúdico e agradável.

 

 

A inauguração contou com a presença da professora e escritora Denise Almeida, de representantes da Gerência de Educação da 9ª Coordenadoria e da Sala de Leitura Pólo da E. M. Gastão Penalva, da escritora juvenil Rebecca Cristina, representantes dos segmentos do CEC (Conselho Escola-Comunidade), dos pais representantes de cada turma, além dos professores da escola e seus alunos. Também contamos com a presença de alunos do projeto “Voando Alto nas Asas da Leitura” do CIEP Armindo Marcílio Doutel de Andrade acompanhados da Coordenadora Pedagógica Audrei Alonso.

 

 

Todas as turmas participaram do evento, trabalhando em sala as obras da autora Denise Almeida. As turmas fizeram encenações, leram poemas dos livros e apresentaram suas canções.

 

 

Denise Almeida é Pedagoga, atuante como Professora Regente de Sala de Leitura no CIEP Raymundo Ottoni de Castro Maya. Apaixonada por Literatura Infantil, publicou seu primeiro livro em 2005 através do Consórcio Literário Verso e Prosa. Sua primeira obra foi: “Quem não presta atenção...Só se mete em confusão!”. Em 2007 publicou os livros “Enchendo a pança no supermercado” e “Margarida Insatisfeita”, participando da Bienal do Livro no mesmo ano. Em outubro de 2010 lançou seu quarto livro, “Essa vida de criança não é mole”, onde procura retratar o cotidiano da criança e resgatar através da poesia a criança que há em cada um de nós.

 

 

“Nossa escola inaugurou em março deste ano, mas tamanha é a importância da leitura e dos livros em nossas vidas que não poderíamos finalizar este nosso primeiro ano de existência sem inaugurar esse espaço!” – Solange de Almeida Barros Andrade, Professora Articuladora do EDI.

“Sala de Leitura Denise Almeida: esse espaço privilegiado de compartilhamento de emoções, de sonhos, onde a nossa Comunidade Escolar, nossos alunos e professores poderão dar asas à imaginação e viajar sem sair do lugar!” – Solange Vieira Dias, Diretora Adjunta do EDI.

 

 

“Espaço esse que compreendemos não ser apenas quatro paredes, janelas e portas. Mais do que a estrutura física, o que conta mesmo é o uso efetivo desse espaço, nas horas em que nossos pequeninos embarcarão junto com seus professores nos livros e iniciarão ali a sua caminhada pelo fantástico mundo da leitura!” – Evanilda de Jesus Oliveira, Diretora do EDI.

“Fiquei imensamente feliz pela homenagem que me foi prestada pelo EDI Alyrio Cavallieri. Foi um dia de muitas emoções. Os pequeninos do berçário também fizeram parte do evento dramatizando uma poesia. Inesquecível! Obrigada pelo carinho de todos!” - Denise Almeida, Professora homenageada.

 

 

Contato com o EDI através do telefone 3096-0965 ou pelo e-mail edicavallieri@rioeduca.net.

 


   
           



Yammer Share

Postado por Rita Faleiro Ver Comentários (2)

Quarta-feira, 07/12/2016

Diário do Aluno – É Hora de Registrar o Dia a Dia

Tags: 2ªcre, diario do aluno, leitura, escrita.

 

Durante o ano letivo de 2016, os alunos do Sexto Ano Experimental foram convidados a registrar em um diário os fatos mais importantes do dia a dia.

 


A alunos das turmas do Sexto Ano Experimental da 2º CRE participaram de uma atividade sobre o registro do cotidiano.

O registro aconteceu através do “Diário do Aluno”. A ideia foi proporcionar ao aluno um momento de escrita espontânea, onde ele pudesse registrar os fatos que foram mais interessantes em seu dia. O registro foi feito usando a escrita e também complementando com desenhos.

Um dos objetivos da atividade era ajudar na organização do pensamento para elaborar um texto e estimular o gosto pela escrita. Para realizar o trabalho os alunos tiveram acesso a vários textos e filmes do gênero diário, inclusive, os livros e os filmes “O Diário de um Banana”, que tanto faz sucesso com os jovens desta faixa etária.

O resultado final foi uma coletânea com os textos produzidos pelos alunos e também depoimentos dos professores sobre este processo de aprendizagem.

Abaixo temos algumas páginas dos diários produzidos pelos alunos do Sexto Ano Experimental da 2ªCRE, assim como, a fala dos professores sobre a experiência.

 

 

 

 

 

 

 

Agradecimentos especiais aos professores regentes do Sexto Ano Experimental da 2ªCRE e a professora Adriana Monteiro, GED 2ªCRE, por compartilhar conosco estas atividades tão importantes na prática do incentivo a escrita.

O contato da Gerência de Educação da 2ªCRE é: gedcre02@rioeduca.net

 

Divulgue também o trabalho de sua escola no portal Rioeduca.

Entre em contato com o representante de sua CRE.

 

 

Renata Carvalho - Professora da Rede e representante do portal Rioeduca na 2ª CRE

renata.carvalho@rioeduca.net

 


 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 06/12/2016

Malala

Tags: 1ªcre, projetos, sala de leitura, .

 

Projeto Interdiscipliinar promove leitura literária como forma de cidadania dentro e fora dos muros escolares.



A Leitura do livro "Malala, a menina que queria ir para a escola", de Adriana Carranca, foi o ponto de partida para o trabalho desenvolvido pela professora Tânia, regente da Sala de Leitura do Ginásio Olímpico Juan Antônio Samaranch, em Santa Teresa.

 


O Projeto teve como principal objetivo desenvolver nos alunos a significação de seu olhar para o mundo que o cerca, além de valorizar a relevância das diferentes culturas e estudá-las como parte da História da humanidade. 

 

Professora Tânia, ao lado da Tradutora da Obra

 

Rodas de Leitura, debates, trabalhos orais e escritos fizeram parte das ações do projeto, que mobilizou alunos em acaloradas discussões em torno da temática do livro trabalhado. 

Músicas, desenhos e produções escritas foram alguns dos desdobramentos realizados, após conhecerem a História de Malala. 

 

 

Uma aluna nos relata: "Nossa professora Tânia leu conosco os primeiros capítulos do livro. Ficamos tão interessadas que procuramos o livro para ler até o final a história". 

Sônia Maximiliano, mãe da aluna Alice, nos fala suas impressões acerca do trabalho: "Eu achei o trabalho muito bom. Inclusive, despertou em minha filha a vontade de ler mais sobre a menina (Malala). Tentei comprar, mas estava muito caro. Então, depois de conversar com a professora Tânia, ela emprestou-me o livro da Sala de Leitura para ler em casa. A História é maravilhosa e agora, depois da leitura, pude entender o interesse da minha filha".


 

 


Mas, afinal, que é Malala?  Clique na imagem abaixo e conheça um pouco da história dessa heroína contemporânea:

 


 

 

Para Saber Mais:

Ginásio Olímpico Juan Antônio Samaranch

Rua Marcel Prost, 201 – Santa Teresa

Direção: Ana Christina do Nascimento Quintella

E-mail: geo@rioeduca.net

Telefone: 3972-0916

 

 


   
           



Yammer Share

Quinta-feira, 24/11/2016

Projeto Maratona de leitura através das Artes Cênicas

Tags: 3ªcre, teatro, leitura.

 

 

 

O Projeto Maratona de leitura através da arte cênica foi desenvolvido na Escola Municipal Joaquim Ribeiro e envolveu as turmas de Educação Infantil até ao 5° ano em atividades de contação da história e teatro utilizando o livro de Maria Mazetti “O aniversário da princesinha Papelotes”. Vamos conhecer um pouco desse trabalho.

 

 

 

O Projeto Maratona de leitura através da arte cênica foi desenvolvido na Escola Municipal Joaquim Ribeiro e envolveu as turmas de Educação Infantil até ao 5° ano. A ideia do projeto de contação veio da Secretaria Municipal de Educação, mas a adaptação para teatro surgiu da leitura do livro de Maria Mazzeti sobre teatro de fantoches.

O nome da história escolhida para encenação foi “O aniversário da princesinha Papelotes” e foi prontamente abraçado pela equipe de direção composta pelas professoras Alessandra Ragno – diretora, Marcia Macrini - Diretora Adjunta e Cicilia Miranda- Coordenadora pedagógica bem como pela professoras da sala de leitura e os professores regentes da turmas.

 

 

O projeto foi desenvolvido em duas semanas e teve por principal objetivo  aprimorar o campo de conhecimento dos alunos, para que eles percebam que uma história pode ser contada de forma diferente e divertida, através das artes cênicas utilizando o teatro, como foi apresentada. É importante ressaltar que a intenção de despertar o interesse dos alunos no hábito da leitura foi atingida na medida em que observamos o sucesso do projeto nos olhares das crianças.

O capítulo trabalhado foi: O aniversário da Princesinha Papelotes, integrante do livro "Fantoches - humor festa poesia" da autora Maria Mazzeti, que foi adaptado pelos professores e, cujo cenário, também montado pelos professores/atores ajudou a criar o clima necessário para encenar a historia. Os personagens foram interpretados pelas seguintes professoras: (Bruxa Pamonha) Professora Ana Cristina - regente da turma 1101 e sala de leitura, (Princesinha Papelote) Professora Anna Paula - regente do 3°ano, (Rei) Professora Elane - regente da Turma 1402, (Arauto) Professora Elaine da turma 1201 e Professora Sheila Portella da turma 1102, (Sonoplasta) Professora Fabíola da Turma 1103 e (Palhaço Paçoca) Coordenadora Cicilia.

 

 

Para acomodar os alunos no auditório da U.E., as turmas foram divididas em dois dias de forma a garantir e oportunizar que todos os alunos assistissem a peça, que foi um sucesso.

Gostaríamos de parabenizar e agradecer a todos da comunidade escolar da Escola Municipal Joaquim Ribeiro os que colaboraram e tornaram possível esse projeto de sucesso.

Para maiores informações...

 

 

 


 


   
           



Yammer Share