A A A C
email
Retornando 344 resultados para a tag '6ªcre'

Segunda-feira, 25/03/2019

Acolhimento e Diagnose na 6ª CRE

Tags: 6ªcre, início do ano letivo.

 

O ano letivo iniciou no dia 11 de fevereiro e, desde então, as unidades escolares da 6ª CRE estão realizando com os alunos, da Educação Infantil ao Ensino Fundamental, várias atividades de acolhimento e diagnose, com o objetivo de promover uma interação entre os estudantes e verificar a aprendizagem dos alunos.


Vamos conhecer um pouco do que foi desenvolvido pelos professores da 6ª CRE, durante o mês de fevereiro?

 

A 6ª CRE possui 113 Unidades Escolares distribuídas em vários bairros

 

O início do ano letivo é sempre um momento de ansiedade para alunos e professores. Acontece o reencontro de velhos amigos, a apreensão de conhecer os novos colegas, que farão parte do grupo e a expectativa dos desafios a enfrentar. Para ajudar as crianças nesse processo, a equipe gestora e os professores planejaram brincadeiras, jogos e atividades que proporcionaram o desenvolvimento de vínculos afetivos, interação e socialização entre alunos e docentes.

 

A Creche Municipal Luiz de Souza da Costa Barros realizou uma atividade de escrita com os alunos da turma EI-42, na qual os pequenos tinham que escrever seus nome ao som da música “Gente tem Sobrenome”, de Toquinho.

 

“O objetivo maior deste trabalho é fazer com que cada um se reconheça como um sujeito importante que possui um nome que é só seu”relatou a professora da turma.

 

A professora Mary Ane, da E.M. Narbal Fontes, trabalhou a formação de palavras diversas com o alfabeto móvel.

 

Muito bom ver esse sorriso no rosto deles! Brincando e aprendendo!” – falou a professora 

 

Creche Municipal Luís de Souza da Costa Barros

 

Escola Municipal Narbal Fontes

 

CIEP Anton Makarenko

 

A professora da turma 1103 do CIEP Anton Makarenko utilizou o livro “E o dente ainda doía” para trabalhar com os alunos a higiene bucal e a escrita do nome dos personagem. Ana Terra, autora deste livro, brinca com os números e de forma muito divertida conta a história de um jacaré que adorava ficar folgado e largado tomando banho de sol, mas em determinado momento não conseguia, porque estava com uma tremenda dor de dente. 

 

O EDI Noronha Santos trabalhou com os pequenos a identidade através de um jogo de dados gigante e de desenho no espelho. A professora Mayara Camello e a agente de educação infantil Adryana Carneiro conduziram uma atividade, na qual os alunos desenhavam sua imagem refeltida no espelho. Em seguida, eles montavam as partes do corpo dos alunos da turma através do jogo de dados gigante. 

EDI Noronha Santos

 

E.M. Grandjean de Montigny

 

As turmas 1301 e 1302 da E.M. Grandjean de Montigny trabalharam o alfabeto através do livro “O Aniversário do Seu Alfabeto”. As professoras Cássia Ribeiro e Eloá Gitahy sentiram a necessidade de revisar os conteúdos e observar o desenvolvimento de cada aluno em seu processo de aquisição da escrita. Optaram por esta obra, pois ela possibilita uma retomada de conteúdos desde o reconhecimento das letras do alfabeto, passando pela relação grafema/fonema, ordem alfabética e escrita. O autor, Amir Piedade, conta de uma forma lúdica como foi a organização da festa de aniversário do personagem principal, o Seu alfabeto. Cada letra levou um presente ao aniversariante, mas a confusão começou com a chegada dos gêmeos “ss” e “rr”. 

 

Como vimos, os professores deram um show nos quesitos acolhimento, criatividade e comprometimento com o aprendizado dos estudantes. O primeiro mês de aula foi um período agradável e marcou o início de uma jornada que, ao longo do ano, vai envolver a aquisição de muito aprendizado, a formação e o fortalecimento de amizades, o compartilhamento de experiências e o desenvolvimento de valores. Receber bem os alunos é essencial para conquistar a confiança e reforçar os vínculos afetivos da escola com as crianças.

 

 Parabéns à todos os professores da 6ª CRE!

Acolher nossos alunos com atividades lúdicas e significativas  marca o início de um ano de muito sucesso!

 

É um orgulho tê-los na 6.ª CRE!!!!

 

Quer saber mais sobre o trabalho desenvolvido pelas escolas da 6.ª CRE?

Entre em contato!


6.ª Coordenadoria Regional de Educação

Endereço: Rua dos Abacates, S/N – Deodoro

E-mail: cre06@rioeduca.net


Não esqueça de deixar o seu comentário!


 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 10/12/2018

Rio + Cidadão na E.M. Levy Miranda

Tags: 6ªcre, rio+.

 

No dia 27 de novembro, a Escola Municipal Levy Miranda, localizada na Pavuna, foi palco do Rio + Cidadão

O evento teve início às 9 horas e término às 13 horas e levou um mutirão de serviços municipais e culturais para os responsáveis dos alunos e moradores do entorno.

 

Vamos acompanhar como tudo aconteceu?

 

O evento Rio + Cidadão foi realizado na quadra da E.M. Levy Miranda

 

O Rio+Cidadão levou um mutirão de serviços municipais e de outros órgãos públicos para a comunidade do Complexo do Chapadão. Ele tem por objetivo contribuir para o aumento da qualidade de vida e progresso social dos cidadãos da cidade do Rio de Janeiro. Esta ação contou com a parceria entre a Secretaria Municipal de Educação, a Secretaria de Saúde, a Secretaria de Assistência Social e a Secretaria de Desenvolvimento Humano e do Trabalho. Outras instituições colaboraram para o sucesso desta ação como: Casa da Mulher Carioca Tia Doca, CorAlice (Coral da 3.ª Idade de Irajá), grupo Lixo e Sustentabilidade e Associação de Moradores do Complexo do Chapadão.

 

 

Serviços oferecidos aos moradores da comunidade 

 

 

A diretora da Escola Municipal Levy Miranda - professora Sandra Batista - e o Coordenador da 6.ª CRE - professor Hugo Nepomuceno - mobilizaram toda a comunidade escolar, professores que trabalham na Coordenadoria de Educação e escolas do entorno para participar desta ação que promove a igualdade e a garantia dos nossos direitos.

 

O evento aconteceu na quadra da Unidade Escolar, que atende alunos do 6.º ao 9.º ano. Os moradores da comunidade e os responsáveis dos alunos eram recebidos na portaria e, antes de usufruir dos serviços oferecidos, passavam por uma triagem. Em seguida, eram encaminhados aos estandes para atendimento: cadastro na Caravana do Emprego e Cidadania; segunda via da Carteira de Identidade; aplicação de vacinas; doação de mudas; embelezamento das mãos, sobrancelha e cabelo e atendimento pela equipe da Clínica da Família Manoel Fernandes de Araújo.

 

Professor Hugo Nepomuceno - Coordenador da 6.ª CRE - junto com professores, alunos e integrante da saúde

 

 

Enquanto os adultos estavam sendo atendidos, as crianças presentes participaram de várias atividades educativas. Uma das atividades oferecidas foi a Contação de Histórias. As crianças ficaram encantadas com a performance das professoras que dinamizaram a atividade. Em seguida, as crianças puderam aproveitar o espaço para fazer pintura e a leitura de diversos títulos que estavam à sua disposição. A Escola Municipal Levy Miranda e as escolas, creches e EDIs do entorno abrilhantaram o espaço destinado à Educação com a exposição dos trabalhos realizados em suas unidades escolares. As pessoas ficaram encantadas com o trabalho de excelência realizado pelos professores!

 

Contação de Histórias

 

 

Pesquisa sobre Bullying

 

 

Plantação de muda de Pau-Brasil feito pelo Sr. Romeu (blusa azul) e alunos da E.M. Levy Miranda

 

Parabéns a todas as Secretarias envolvidas para que este evento fosse um verdadeiro sucesso e levasse transformação para a área assistida. Em especial, gostaríamos de parabenizar toda equipe da Escola Municipal Levy Miranda, a Coordenadoria de Educação e as escolas do entorno por aceitarem esta missão com tamanha alegria e comprometimento. Sem vocês nada seria possível! 

 

Que conhecer um pouco mais do trabalho desenvolvido na Escola Municipal Levy Miranda?

Entre em contato com a ela!

 

Escola Municipal Levy Miranda

E-mail: emlevy@rioeduca.net 

Telefone: (21) 3358-1005

 

Não esqueça de deixar o seu comentário! Ele é muito importante para nós!

Até a próxima semana!


 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 26/11/2018

Projeto Meio Ambiente

Tags: 6.ª cre, meio ambiente, 6ªcre.

 

O projeto Meio Ambiente foi desenvolvido na Escola Municipal Levy Miranda, pelos professores de Ciências, com os alunos do 6.º ao 9.º ano, durante o mês de junho. 

Vamos acompanhar o trabalho desenvolvido pela Unidade Escolar?

 

Exposição de ambiente preservado

 

A Escola Municipal Levy Miranda está localizada na Pavuna, funciona em horário de turno único e atende alunos do Ensino Fundamental II. A escola realizou o projeto Meio Ambiente a partir de uma iniciativa das professoras de Ciências da Unidade Escolar, são elas: Adriana Silva, Carla Machado e Ilma Monteiro. Este trabalho surgiu da necessidade de conversar com os alunos sobre os problemas ambientais observados no dia a dia da escola e relatados pelos estudantes em suas casas.


Com as atividades produzidas, os professores de Ciências, pretenderam desenvolver atitudes mais responsáveis diante das questões ambientais como: preservação dos ambientes escolares e familiares; cuidados com a água; descarte correto do lixo. 


Inicialmente, alunos e professores assistiram a vídeos sobre o assunto e realizaram várias leituras, que apresentavam o panorama atual da situação ambiental no Brasil. Após este momento, várias discussões foram realizadas. Os estudantes puderam expor suas vivências com relação ao tema e confrontá-las com as leituras feitas e vídeos assistidos. A partir disso, os alunos confeccionaram um cenário de um ambiente preservado. Através da atividade, eles puderam refletir sobre seus espaços de convivência, realizar comparações e criar soluções para os problemas observados no seu entorno. Foi uma experiência muito rica e de muito aprendizado entre os alunos de todos os anos de escolaridade. 

 

Confecção de cenário de ambiente preservado

 

 

Confecção de elementos para compor o cenário do ambiente

 

 

O projeto levou alunos e professores a pensarem em possibilidades de reduzir e melhorar o aproveitamento do lixo produzido por eles. Resolveram, então, construir lixeiras específicas para a coleta seletiva e distribui-las pela escola. Toda esta etapa foi pautada nos 3 R: REDUZIR o lixo; REAPROVEITAR tudo o que for possível e, por último, RECICLAR. Toda a comunidade escolar foi incentivada a pensar sobre a importância da coleta seletiva, que além de gerar renda para milhões de pessoas, também diminui a poluição do meio ambiente.


Outro ponto importante trabalhado pelas professoras foi a questão do descarte dos materiais na natureza e o tempo que cada um leva para se decompor. Os alunos fizeram um levantamento dos materiais que eles mais viam sendo jogados no ambiente; analisaram o material que cada um era feito e realizaram uma pesquisa para verificar o tempo de decomposição de cada um, assim como os riscos que esse descarte desgovernado causa para todos os seres vivos. Como materialização do trabalho e de todas as reflexões os estudantes criaram cartazes informativos alertando a comunidade escolar para o assunto.

 

Confecção de lixeiras para coleta seletiva

 

 

Cartaz informativo sobre o tempo de decomposição dos materiais 

 

 

Apresentação de poesias 

 

 

O trabalho desenvolvido pelas professoras Adriana Silva, Carla Machado e Ilma Monteiro vem transformando o modo como os alunos da E.M. Levy Miranda encaram a importância do meio ambiente em suas vidas. Mudanças de pensamento e de atitude foram percebidas na escola e relatadas pelos alunos em seu ambiente familiar.

Ajudar nossos jovens a criarem um novo modelo de comportamento, buscando um equilíbrio entre o homem e o ambiente, é de extrema importância para termos uma qualidade de vida sem desrespeitar o meio em que vivemos.


Queridas professoras, parabéns pelo trabalho de excelência que realizam com nossos alunos! O espaço escolar precisar ser um local de reflexão! É um orgulho tê-las na 6.ª CRE!

 

Quer conhecer um pouco mais do trabalho desenvolvido pelas professoras da E.M. Levy Miranda?

Entre em contato com elas!

Escola Municipal Levy Miranda

E-mail: emmiranda@rioeduca.net

Telefone: (21) 3358-1005


Não esqueça de deixar o seu comentário! Ele é muito importante para nós!

Até a próxima semana!


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 17/09/2018

Projeto: Somos Todos Amigos do Lobo

Tags: 6.ª cre, leitura, 6ªcre.

 

O projeto “Somos Todos Amigos do Lobo” foi desenvolvido no EDI Wesley Guilber Rodrigues de Andrade, pelos alunos do maternal II, turma EI-31, no primeiro semestre do ano de 2018. A professora Mariana Ferreira desenvolveu as atividades com a ajuda das Agentes de Educação Infantil, Dionice Brito e Cláudia Oliveira.

 

Vamos acompanhar o trabalho desenvolvido com os pequenos?

 

Turma EI-31 a festa de encerramento do projeto

 

No início do ano letivo, logo na segunda semana de acolhimento da turma EI-31, durante a roda de leitura, as educadoras disponibilizaram diversos livros na rodinha. A aluna Ana Clara escolheu um livro “Chapeuzinho Vermelho” para a professora ler. Após a realização da leitura, elas perceberam que algumas crianças demonstraram bastante medo e, em alguns casos, até choro, quando falavam do lobo da história.

 

Em todos os momentos o personagem “lobo” era citado pelas crianças, envolvendo diversos sentimentos como medo, curiosidade e encanto. Como o assunto se tornou recorrente, as professoras desenvolveram o projeto “Somos Todos Amigos do Lobo” com o objetivo de desmistificar o papel de vilão que o lobo tem na maioria das histórias. Fizeram pesquisas e, através delas, puderam perceber que o lobo aparece em diversas histórias e com funções diferentes em cada uma delas. Ao longo do projeto, propuseram várias atividades envolvendo o personagem para as crianças e as famílias, possibilitando que pudessem conhecer e explorar as maneiras que o lobo é retratado nos contos.

 

 

Caça ao lobo

 

 

Corrida de circuito e construção da salada de frutas

 

 

Inicialmente foi feita uma dramatização da história Chapeuzinho Vermelho. Em seguida, as educadoras promoveram uma brincadeira de caça ao lobo no espaço externo do EDI. A corrida de circuito foi usada para conscientizar as crianças sobre a importância de uma boa alimentação. Nela, cada criança teve que levar uma fruta até a cesta da vovó que estava doente. Os alunos construíram também um livro de receitas, de onde tiraram e fizeram a salada de frutas da vovó. Na roda de conversa usando o livro “Lobo-guará”, as professoras e os alunos conversaram sobre o habitat do lobo, sua alimentação e seus hábitos.

 

 

“Em uma manhã, após o horário do desjejum, fomos para o parquinho, que é de costume em nossa rotina. Quando chegamos à sala, percebemos que ela estava toda desorganizada. O lobo havia passado pelo EDI e, como não nos encontrou, deixou uma carta para a nossa turma. Após a leitura da carta, construímos um texto coletivo, sobre a visita do lobo.” relatou, entusiasmada, a professora Mariana

 

 

Atividade a partir do livro O Lobo-guará

 

 

Carta deixada pelo lobo e construção de texto coletiva

 

 

Escrita de cartas para o lobo

 

A professora e as agentes de educação infantil contaram que, em determinado momento, perceberam que as crianças estavam ansiosas para falar com o lobo e saber coisas da sua vida na floresta. Então elas propuseram que as crianças, junto com seus familiares, construíssem cartas, para enviar para a casa do seu lobo. Dessa forma, além de possibilitar a comunicação de interesse das crianças, puderam explorar mais de um gênero textual, envolvendo assim o PPA da nossa unidade. As cartas foram colocadas em uma caixa de correio que as educadoras construíram. O carteiro do bairro abraçou esta tarefa, recolheu as cartas na creche e firmou o compromisso de entregá-las na casa do lobo. Neste momento, foi lido o livro “O carteiro chegou”.

 

“Então, resolvemos falar sobre as cartas, meio de comunicação pouco usado pela nossa sociedade atualmente. A professora Alana em uma roda de conversa releu o livro: “O carteiro chegou”. As crianças, no desenrolar da conversa, sugeriram que fizéssemos uma festa para o lobo, assim ele poderia nos conhecer e virar nosso amigo. Foi construído um bilhete, para as turmas os convidando, para o aniversário. Iniciamos a confecção e convites e dos preparativos da grande festa.” contou a professora Mariana

 

 

Visita do carteiro para reecolher as cartas escritas pelas crianças para o lobo

 

Para realizar o encerramento do projeto foi realizada a grande festa do lobo com a participação das famílias, de alguns profissionais da escola e do personagem principal deste projeto, o lobo, que foi conhecer a criançada. A cantiga de roda “Enquanto seu lobo não vem” se tornou o hino da turma EI-31. Em diversos momentos, as crianças se reuniram para brincar e cantar a cantiga.

 

Construção coletiva do convite da festa de encerramento do projeto

 

Parabéns à professora Mariana e às agentes de educação Infantil Dionice Brito e Cláudia Oliveira pelo trabalho de excelência que realizam com nossas crianças. Vocês são algumas das várias pérolas que a Rede Municipal de Ensino possui.

É um orgulho tê-las na 6.ª CRE. 

 

Que conhecer um pouco mais do trabalho desenvolvido no EDI Wesley Guilber?

Entre em contato com a equipe!

 

EDI Wesley Guilber Rodrigues de Andrade

E-mail: emguilber@rioeduca.net

Telefone: (21) 2407-0354

 

Não esqueça de deixar o seu comentário! Ele é muito importante para nós!

Até a próxima semana!


   
           



Yammer Share