A A A C
email
Retornando 335 resultados para a tag '6ªcre'

Segunda-feira, 16/10/2017

Ao Mestre com Carinho...

Tags: 6ªcre, sala de recursos, peja.

 

A professora Cátia Silva é regente na Sala de Recursos do CIEP Dr. Adão Pereira Nunes e no PEJA do CIEP Antônio Candeia Filho. Seu trabalho dá ênfase ao brincar e à reflexão para ajudar no desenvolvimento da aprendizagem e na formação do indivíduo. Vamos conhecer um pouco do seu trabalho?

 

Cenas do cotidiano da professora Cátia Silva

 

No CIEP Dr. Adão Pereira Nunes, localizado em Irajá, ela é responsável pelo Atendimento Educacional Especializado de crianças que frequentam a Sala de Recursos Multifuncionais. Como forma de proporcionar diferentes vivências e, assim, permitir que as crianças construam seu próprio conhecimento, a base do seu trabalho neste espaço é a brincadeira.

 

Uma das crianças atendidas na Sala de Recursos é o aluno Gabriel. Ele tem seis anos e frequenta a Classe Regular do CIEP Dr. Adão Pereira Nunes, regida pela professora Débora Xavier. Diagnosticado com Transtorno do Espectro Autista (TEA), ele vem apresentando um ótimo desenvolvimento cognitivo, psicomotor, emocional e social. Os jogos, aplicados através de recursos tecnológicos, tem sido de fundamental importância no seu progresso.

 

Gabriel é aluno da Educação Infantil do CIEP Dr. Adão Pereira Nunes

 

Um dos jogos utilizado com este aluno foi o “Silabando”. Ele abrange conteúdos de Língua Portuguesa e Matemática e consiste em formar sílabas; reconhecer o alfabeto; relacionar palavras as gravuras correspondentes; completar palavras com as sílabas iniciais e finais, desenvolvendo assim, a consciência fonológica. Permite também identificar a quantidade de sílabas que compõem as palavras; reconhecer os numerais envolvendo dezenas relacionando-os às suas respectivas quantidades, além de envolver a sequenciação em ordem crescente e decrescente; o reconhecimento de antecessores e sucessores, entre outros.

 

Mais importante do que proporcionar a fixação dos conteúdos, o jogo desenvolve e estimula a concentração e as atenções sustentada, conjunta e compartilhada, que são fundamentais para o desenvolvimento global dos indivíduos. ” – reforçou a professora Cátia Silva

 

Utilização do tablet como recurso para os jogos

 

Cátia Silva também atua no CIEP Antônio Candeia Filho, localizado em Acari, uma área conhecida pela violência e pelo baixo índice de desenvolvimento humano. Ela é regente do PEJA – Programa de Educação de Jovens e Adultos – e desenvolveu junto com as professoras Fabíola Cruz e Anita Generosa um trabalho de reflexão sobre o bairro em que estudam e moram.

 

Através da temática “De Acari para o Mundo”, os alunos elencaram o que há de melhor em seu bairro e quais as suas expectativas por dias melhores. Fotografaram com seus celulares tudo o que consideravam positivo em sua comunidade. Essas fotos foram enviadas, por meio do aplicativo WhatsApp, para a professora Cátia que, após imprimi-las, reuniu os alunos para a montagem das fotos e produção de um texto coletivo.

 

Alunos do PEJA do CIEP Antônio Candeia Filho

 

Em seguida, assistiram ao documentário “Acari Cultural, O Filme”, produzido por uma equipe de estudantes da Universidade Federal Fluminense, que se tornou um livro. O filme retratou a cultura produzida a comunidade por seus poetas, compositores, cantores, artistas plásticos e grupos de pagode. A professora Cátia destacou, no momento da apresentação do vídeo, a Escola de Samba Favo de Acari, as exposições de artes produzidas pelos próprios moradores, além da entrevista com Fernando, ex-aluno do CIEP, boxeador, ganhador de vários cinturões e conhecido como “Fera de Acari”.

 

Após a execução do filme, abriu-se um debate sobre a necessidade de olharmos a vida por diversos ângulos e levar para outros lugares o que há de bom na comunidade que nos cerca. “O momento foi propício também para trabalharmos os aspectos geográficos que cercam o bairro de Acari, já que a maioria dos estudantes têm dificuldade em compreender o que representam nos mapas os países, estados, municípios e bairros. ” – contou a professora Cátia Silva

 

Exibição e debate sobre o filme Acari Cultural

 

A professora Cátia Silva e seus parceiros nas Unidades Escolares em que atua têm um papel primordial na formação dos indivíduos que estão sob a sua responsabilidade e, por consequência, da sociedade. Profissionais como eles se tornam importantes mestres na propagação de conhecimentos e culturas. Com certeza, ela e seus colegas de jornada estão marcando, positivamente, a vida dos estudantes destas escolas. 

 

E você? Certamente, poderá citar um ou mais professores que marcaram sua vida estudantil. Conte para a gente e aproveite para homenagear essas pessoas especiais cujas ações, conhecimento, experiência, caráter e competência lhe serviram de modelo. Feliz Dia do Professor!

 

Quer saber um pouco mais sobre o trabalho desenvolvido pela professora Cátia Silva?

Entre em contato!

Professora Cátia Silva

E-mail: catiaregina16@gmail.com

Telefone: 3372-5440 ou 3372-6171

 

Não esqueça de deixar o seu comentário! Ele é muito importante para nós!

Até a próxima semana!
 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 02/10/2017

Desfile Cívico - 6.ª CRE: Aqui é um Lugar de Paz!

Tags: 6ªcre, aqui é um lugar de paz, desfile cívico.

 

O Desfile Cívico das Unidades Escolares da 6.ªCRE aconteceu no dia 06 de setembro, na Estrada do Engenho Novo – Anchieta, no período da manhã. O tema do evento buscou mostrar todo o trabalho desenvolvido pelas escolas em busca da tão sonhada PAZ. Vamos conferir?

 

Desfile organizado pela Assessoria de Integração e pelo Gabinete da 6.ª CRE

 

O Desfile Cívico contou com a participação de 58 (cinquenta e oito) Unidades Escolares da área de abrangência da 6.ª CRE. Dentre elas, tivemos 4 (quatro) Creches Municipais, 13 (treze) EDIs, 33 (trinta e três) Escolas Municipais de Ensino Fundamental, 7 (sete) CIEPs e 1 (um) Núcleo de Arte. Desfilaram também 2 (duas) Creches Conveniadas e 2 (duas) Unidades Escolares da rede particular.

A abertura do desfile foi feita pela Banda Marcial da Escola de Sargento e Logística do Exército, que tocou o Hino Nacional, e pelo pelotão de Bandeira do Ginásio Carioca Coelho Neto. As escolas foram divididas em cinco pelotões. As bandas da E.M. Grandjean de Montigny e do Centro Educacional Nossa Senhora Aparecida (CENSA) deram um show. Conduziram o desfile com segurança, alegria e sensibilidade. Mostraram a todos os presentes que através da música é possível desenvolver o lado social e cultural do ser humano e resgatar valores como respeito, amor à pátria, ética e formação moral.

 

Banda Marcial da Escola de Sargento e Logística do Exército

 

Palanque com a prof.ª Rejane Faria (chapéu), Coordenadora da 6.ª CRE e convidados

 

O primeiro pelotão foi formado pelas Creches e Espaços de Desenvolvimento Infantil, iniciando com a C.M. Luiz de Souza e terminando com o EDI Prof.ª Kristina Rômulo Kriffer. Os demais foram formados pelas unidades escolares de ensino fundamental de 1.º e 2.º segmentos. O último grupo a desfilar foi formado pelos professores que trabalham na 6.ª Coordenadoria Regional de Educação do Rio de Janeiro. A Banda Marcial da Escola de Sargento e Logística do Exército encerrou o evento com chave de ouro. 

O desfile de 7 de setembro foi mais uma oportunidade para professores, alunos, diretores, funcionários e responsáveis mostrarem o orgulho que sentem por suas escolas, espaços em que deve sempre prevalecer uma cultura de paz. 

“Amigos, agradecemos imensamente a participação de nossas Escolas, Creches, EDIs que não mediram esforços e participaram lindamente de nosso Desfile Cívico, pedindo Paz e ratificando seus espaços de Educação como lugares de Paz! Foi bonito de ver! Bonito e emocionante demais! Nosso agradecimento e gratidão!” – declaração da prof.ª Rejane Faria (Coordenadora da 6.ª CRE)

 

EDI Prof.ª Eugênia Canelhas, CIEP General Augusto César Sandino, C.M. Luis de Souza, EDI Kristina Kriffer

 

E.M. Alípio Miranda, G.C. Coelho Neto, E.M. Bélgica, E.M. Arnaldo Varella

 

E.M. Cyro Monteiro, E.M. Antônio Maceo, E.M. Guilherme Tell, G.C. Fernando Rodrigues

 

E.M. Max Fleiuss, E.M. Paraíba, CIEP Rubens Gomes

 

Equipe da 6.ª CRE

 

Quer saber um pouco mais sobre o Desfile Cívico da 6.ª CRE? Entre em contato!


6.ª Coordenadoria Regional de Educação

E-mail: cre06@rioeduca.net

Telefone: 3017-6989


Não esqueça de deixar o seu comentário! Ele é muito importante para nós!

Até a próxima semana!

 


 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 18/09/2017

Ato pela Paz na 6.ª CRE

Tags: 6ªcre, aqui é um lugar de paz, árvore da paz.

 

No dia 17 de agosto, diretores, professores, funcionários, alunos, responsáveis e equipes da Coordenadoria de Educação participaram do Ato pela Paz promovido pela Secretaria Municipal de Educação. O evento teve por objetivo promover ações em busca da paz através de exibições artísticas e produções das Unidades Escolares.

 

O Ato pela Paz contou com a participação de todas as Creches, EDIs e Unidades Escolares

 

Um grito ecoou por todas as Unidades Escolares da 6.ª Coordenadoria Regional de Educação. Foram várias vozes e um único pedido: exigimos que nossas escolas sejam respeitadas como lugares de PAZ! Por meio de exposição de trabalhos e apresentações culturais, elas procuraram mostrar para toda comunidade escolar que a paz nos espaços escolares é possível e necessária para a formação das crianças e dos jovens.

A professora Rejane Faria, Coordenadora da 6.ª CRE, juntamente com sua equipe, organizou o Ato pela Paz que aconteceu na Arena Jovelina Pérola Negra (Pavuna). O evento teve início às 9 horas e teve em sua programação apresentações musicais, poéticas, de dança e teatrais. Foi acreditando que a paz inicia no interior de cada ser humano que família, escola e comunidade se juntaram para reconstruir os laços necessários para o fortalecimento de uma rede de solidariedade, vencendo o desafio de reduzir a violência e ampliar as práticas diárias de generosidade; compreensão; respeito à vida e à diversidade; construção de autonomia e liberdade; democracia e participação.

 

Exposição de trabalhos sobre a Paz

 

Ações desenvolvidas nas Unidades Escolares durante o 1.º semestre

 

Dentre as atrações musicais, tivemos o coral de alunos do CIEP Rubens Gomes e do CIEP Poeta Fernando Pessoa. A E. M. Zilda Nunes da costa encantou a todos com a apresentação da banda. O CIEP Zumbi dos Palmares emocionou a plateia com a interpretação da música “Aquarela”, de Toquinho. A E. M. Grandjean de Montigny mostrou, através da música “Paz pela Paz”, que a paz do mundo começa em cada um de nós. A equipe do Núcleo de Arte Grande Otelo realizou uma oficina de música. A anfitriã do dia, Arena Jovelina Pérola Negra, empolgou todos os presentes com o Sarau Jovelina, com o gaitista José Staneck, com a MC Ruiva e outros convidados.

No recital, os alunos da E. M. Monte Castelo e da E. M. Charles Anderson Weaver declamaram poesias que mostraram que para construir a paz é necessário cultivar o amor fraterno diariamente; um amor que se preocupa com o outro e que vai além de si mesmo. A música “A Paz”, de Gilberto Gil, foi coreografada pelos estudantes da E. M. Escragnolle Dória. A apresentação teatral, que teve por tema o respeito pelo outro, foi brilhantemente interpretada pelos alunos da E. M. Alexandre Farah.

 

Apresentações artísticas - Prof.ª Rejane Faria (Coordenadora da 6.ª CRE) com alunos do 2.º segmento

 

Apresentações culturais

 

6.ª CRE - Ato pela Paz

 

O dia 17 de agosto vai ficar na história, na cabeça e no coração de cada uma das pessoas que fizeram este evento ser o sucesso que foi. As escolas mostraram que, através de pequenas ações, realizadas com dedicação e muito amor, estão transformando estes espaços em lugares onde se aprende a ser, a conviver, a conhecer e a fazer. Mestres e aprendizes trabalharam juntos para mostrar que sonhos podem se tornar realidade e que a educação é o passaporte da liberdade, da autonomia e da promessa de futuro.

Parabéns a todos os envolvidos na realização do evento Ato pela Paz! Parabéns por acreditar na força da educação para o desenvolvimento de uma verdadeira cultura de Paz! É um orgulho tê-los na 6.ª CRE!

 

Quer saber um pouco mais sobre o evento Ato pela Paz? Entre em contato!

6.ª Coordenadoria Regional de Educação

E-mail: cre06@rioeduca.net

Telefone: 3017-6989


Não esqueça de deixar o seu comentário! Ele é muito importante para nós! Até a próxima semana!

 


 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 21/08/2017

C. M. Edna Lotte: Eu faço a diferença. E você, faz o quê?

Tags: 6ªcre, aqui é um lugar de paz, meio ambiente.

 

O projeto “Eu faço a diferença. E você, faz o quê?” foi realizado na Creche Municipal Edna Lotte durante todo o primeiro semestre do ano de 2017 e envolveu as turmas, professores e agentes de Educação Infantil.

 

Projeto desenvolvido com base no tema "Aqui é um lugar de Paz"

 

A unidade escolar fica localizada dentro da comunidade de Acarí, onde a violência é vivenciada no seu dia a dia. O projeto surgiu da necessidade de transformar o meio ambiente e social em que vivem os alunos. As atividades desenvolvidas tiveram por objetivo despertar nas crianças o sentido de preservação do patrimônio escolar e local, além de buscar soluções para a proteção destes ambientes. Outra preocupação dos professores e agentes de educação infantil foi proporcionar situações de aprendizagem que promovessem o resgate de valores e virtudes, do autoconhecimento, a fim de possibilitar uma melhor convivência social.

 

Plantio de sementes e preservação da natureza

 

Trabalhando a identidade e os valores

 

Através de experiências práticas foram trabalhados os seguintes temas: identidade, higiene, alimentação saudável, preservação e poluição do planeta Terra. Por meio dos livros “Pinóquio”, “ A Margarida Friorenta” e “Menina Bonita do Laço de Fita” valores como honestidade, igualdade, respeito, amizade, solidariedade, paz, ética e cooperação foram desenvolvidos. 

 

Trabalhando com a higiene bucal

 

Livro "A Margarida Friorenta"

 

Realização de experiência com a terra, a água e o ar

 

Uma cultura de paz se constrói assim, com ações que incentivam a cooperação entre toda a comunidade escolar, em busca de uma transformação humana e social que alcance a recuperação e a preservação do ambiente escolar. As soluções encontradas para os problemas apresentados no espaço físico da creche, mostraram que uma pequena mudança de atitude pode fazer uma grande diferença quando olhamos o todo.

Os professores estimularam as crianças a utilizar o diálogo para esclarecer conflitos e tomar decisões coletivas; a refletir sobre as implicações práticas de cada atitude; a compreender a importância das escolhas positivas pessoais e sociais; a identificar situações em que o preconceito acontece e que em todas as suas formas ele é prejudicial ao ser humano. 

Alunos e professores da Creche Municipal Edna Lotte estão fazendo a diferença na vida de toda a comunidade escolar. E você, está fazendo o quê? Conte-nos sua experiência!

 

Quer saber um pouco mais sobre o que a Creche Municipal Edna Lotte está fazendo para transformar o espaço em que se encontra? Entre em contato e conheça um pouco mais do trabalho destes professores e agentes de educação infantil de excelência! 

E-mail: cmelotte06@rioeduca.net


Telefone: 3372-3057 ou 3375-9551

 

Não esqueça de deixar o seu comentário! Ele é muito importante para nós!

Até a próxima semana!


 


   
           



Yammer Share