A A A C
email
Retornando 351 resultados para a tag '1ªcre'

Sábado, 16/06/2018

Festival Internacional de Linguagem Eletrônica

Tags: 1ªcre, eventos.

 

Alunos da ilha de Paquetá realizam visita guiada à exposição no Centro Cultural Banco do Brasil

 

Sob monitoria do professor Marcio Dias Pereira – de Artes Cênicas , alunos da Escola Municipal Joaquim Manuel de Macedo, em Paquetá, realizaram uma visita guiada para a exposição FILE – Festival Internacional de Linguagem Eletrônica, no CCBB – Centro Cultural Banco do Brasil.

 

 

A mostra tem o olhar voltado para “as novas tecnologias que marcam as atuais dinâmicas de comportamento: com a possibilidade de compartilhar impressões de forma veloz, e em rede, as ideias se propagam e rapidamente rompem padrões instaurados”. (disponível no site CCBB – Rio). Através desse viés, é possível trazer um novo ponto de apoio pedagógico para as aulas de Artes Cênicas.


O estudante ao observar e experienciar as novas tecnologias, criadas por artistas de todo o mundo, poderá reconstruir sua visão sobre os padrões humanos instaurados ao seu redor. Dessa forma, o sujeito terá ferramentas para trilhar novos caminhos que alcancem novos sonhos.

 

 

Os alunos juntamente com os professores responsáveis chegaram ao CCBB – Centro Cultural do Banco do Brasil e começaram suas jornadas para a exposição. De início, os monitores da instituição faziam uma introdução do que é o CCBB e sua importância, como também, os detalhes da exposição FILE , que os alunos visitariam.

 

 

 

 

Os alunos passaram em diferentes “máquinas” que propiciaram, individualmente ou em grupos, experiências artísticas. Essa movimentação pelas obras artísticas, provocavam nos alunos diferentes emoções físicas, como eles mesmos apelidavam: “máquina do sanduíche”, máquina do tufão”, “máquina do empacotamento”, “videogames”, “realidade virtual com óculos 3D”, “máquina do balanço”, entre outras.

 

 

Para o professor Márcio: "o simples fato de estarem observando os colegas nas atividades já causava uma curiosidade, como também, despertava o interesse para um novo olhar sobre o mundo que os rodeiam. O ato de ir a uma instituição cultural que ofereça um espaço de interação física para os visitantes, causou instantaneamente nos alunos uma nova experiência escolar que sem dúvidas, para eles foi uma aula inesquecível".

 

 

 

Para Saber Mais:

Escola Municipal Joaquim Manuel de Macedo

Diretora: Hanriete de Araujo da Silva

Diretora-Adjunta: Rose Mary da Costa Ermida

Coordenadora Pedagógica: Maria Aparecida Bago

Telefone: 3397-0120

E-mail: emjmacedo@rioeduca.net

 

 


 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 11/06/2018

Realidade Virtual

Tags: 1ªcre, eventos, projetos, tecnologia.

 

O uso da realidade virtual movimenta o Ensino de Ciências no Ginásio Olímpico de Santa Teresa.

 

A realidade virtual é uma tecnologia de interface avançada entre um usuário e um sistema operacional. O objetivo dessa tecnologia é recriar ao máximo a sensação de realidade para um indivíduo, levando-o a adotar essa interação como uma de suas realidades temporais (WIKIPEDIA, 2018).

 

 

Sempre associamos a realidade virtual com o entretenimento, visto que, esse tipo de tecnologia é usado em jogos eletrônicos e sempre marca presença em filmes de ficção científica. Entretanto,  a realidade virtual também está sendo cada vez mais empregada na Educação, pois o uso de tecnologias no processo de ensino-aprendizagem é de fundamental importância para a formação dos estudantes no mundo de hoje.


A realidade virtual está revolucionando a experiência de aprendizagem no Ensino de Ciências, possibilitando que os alunos aprendam de forma mais interativa e prazerosa.

 

Realidade virtual sendo usada no Ensino de Ciências no Geo Santa Teresa


“Usando essa tecnologia, os alunos puderam ver tridimensionalmente as células procarióticas, eucarióticas animais e vegetais. Puderam observar as organelas dessas últimas e comparar detalhes entre um tipo e outro. A aula ficou muito interessante, divertida e o processo de ensino-aprendizagem ficou realmente mais dinâmico.” - Comenta a Professora Lucineia Alves, professora de Ciências, idealizadora da implantação da realidade virtual na Escola Municipal Juan Antonio Samaranch, conhecida como Ginásio Olímpico (GEO) Santa Teresa.

 

 

O uso da realidade virtual no Ensino de Ciências, ainda que inicial no GEO Santa Teresa, tem se mostrado promissor em constituir-se uma poderosa ferramenta no processo de ensino-aprendizagem.

 

O entusiasmo contagiante dos alunos ao utilizarem os óculos 3D em sala.


Foi solicitado aos alunos que baixassem, em seus respectivos celulares, um aplicativo que possibilitou a observação de células através dos óculos 3D. O uso do telefone celular, em sala de aula, também foi motivo de muita alegria para os alunos, mostrando que o mesmo pode ser um ótimo aliado no processo de aprendizagem .

 

Aprendendo sobre as células com o uso da realidade virtual, através do telefone celular.
 

 

Ao final da aula, os alunos da Turma 1703, foram convidados a realizarem um pequeno relato com sua opinião sobre a experiência da utilização da realidade virtual em sala de aula. A partir dos relatos, pode-se constatar que os alunos gostaram muito do uso para aprenderem sobre as células. Seguem alguns relatos:

 

“Adorei essa experiência!”

“Eu gostei muito dessa atividade. Quero que aconteça mais vezes.”

“Eu gostei muito! Principalmente das células animais. Foi uma experiência incrível!”

“Legal, bonito e muito bom a experiência de usar os óculos com meus amigos em sala de aula!”

“Eu gostei de usar os óculos 3D! É muito realista ver as células através deles. É bem legal e gostaria de ver mais outras vezes!”

“Eu gostei muito de usar os óculos 3D! Essa experiência é muito boa porque facilita o nosso aprendizado.”

 

Nesse contexto, destacamos que França & Silva (2017) afirmam que tecnologias relacionadas à realidade virtual potencializarão a aprendizagem, indo de encontro às perspectivas dos alunos atuais que utilizam Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação de forma natural e totalmente imersiva.

 

“Desejo que a realidade virtual traga novas perspectivas ao ensino no GEO Santa Teresa, não somente no Ensino de Ciências, mas também a outras disciplinas. Inicialmente, já se pode observar que a adesão à tecnologia facilita a absorção dos conteúdos pelos alunos, torna o processo de aprendizagem mais atraente para os mesmos e oferece experiências prazerosas no processo de ensino – aprendizagem.” – afirma a Professora Lucineia Alves.

 

REFERÊNCIAS:


FRANÇA, C. R. & SILVA, T. 2017. A utilização da Realidade Virtual e Aumentada no Ensino de Ciências no Brasil. Disponível em: . Acesso em 30/abr/2018.


WIKIPEDIA. 2018. Realidade virtual. Disponível em:. Acesso em 30/abr/2018.

 

Para Saber Mais:

E.M. Juan Antônio Samaranch

Diretora: Ana Christina Quintella

Diretora-Adjunta: Vera Regina Pacheco

Coordenadora Pedagógica: Mariane Fernandes de Catanzano

Professora Responsável: Lucineia Alves

Telefone: 3972-0916

E-mail: geo@rioeduca.net

 


 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 28/05/2018

Um Dia do Brincar Musical

Tags: 1ªcre, educaçãoinfantil, projetos, brincarsemmuros.

 

Espaço de Desenvolvimento Infantil transforma o Dia do Brincar em Dia do Brincar Musical.

 

No último mês de março, o "Brincar Sem Muros"  foi muito especial. Aproveitando a proposta e o encerramento do tema mensal "Comunicação pela música" do projeto anual "Quem não se comunica se trumbica!", o EDI Heloísa Marinho, localizado no bairro de Santa Teresa, realizou o "THE VOICE HELÔ 2018". 

 

 

De acordo com as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil (DCNEI), os eixos estruturantes das práticas pedagógicas são as interações e a brincadeira. Dessa forma, as crianças podem construir conhecimentos, por meio das suas ações e trocas com seus pares e adultos, o que possibilita aprendizagens, desenvolvimento e socialização.

 

 

Durante todo o mês, as famílias foram estimuladas e ensaiaram suas canções preferidas, para que, assim, se apresentassem no grande dia, com direito a jurado virando a cadeira para todas as nossas crianças.

 

 

 

 

E assim, os objetivos estabelecidos foram atingidos, pois a Unidade conseguiu envolver toda comunidade escolar no projeto, através da música, promovendo experiências, nas quais as crianças construíram e se apropriaram do conhecimento. 

 

 

Veja o que disseram alguns participantes:

 

“Foi uma experiência incrível e enriquecedora para toda nossa equipe, responsáveis e principalmente nossas crianças. Os alunos se soltaram e nos encantaram!” (Vania Enes, Diretora Adjunta)

“Oportunidade rica em que as crianças puderam expressar os seus talentos musicais.” (Tatiana Queiroz, professora do maternal II, EI- 31).

“Estou feliz pra caramba! Fui finalista do THE VOICE ( HELÔ) na minha escola” (Gustavo Brasileiro, aluno do EI- 52)

 


“THE VOICE HELÔ é líder de audiência em Santa Teresa. Sucesso!”

 

PARA SABER MAIS:

ESPAÇO DE DESENVOLVIMENTO INFANTIL HELOISA MARINHO

Diretora: Paula Cancella Januário Zuppo 

Diretora Adjunta: Vania Soares Blanco Enes

E-mail: edimarinho@rieduca,net

Telefone: 2224-5920

 

 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 14/05/2018

Jornal Mural: O Mundo na Sala de Aula

Tags: 1ªcre, eventos, projetos, riodeleitores.

 

Jornal Mural traz o o Mundo para dentro do espaço escolar na Ilha de Paquetá.

 

A escrita de fatos importantes é uma prática de letramento comum em nossa sociedade. A maneira mais comum de registrar os acontecimentos é pelo jornal, que pode ser impresso, televisivo, radiofônico, virtual. Pode ter circulação ampla (internacional, nacional), ou local (jornal de bairro, de associação de moradores etc.).

 

 


Em razão da importância desse meio de comunicação em nossa sociedade, a professora Shayna Silva, Regente da turma de 6º Ano Experimental da Escola Municipal Joaquim Manuel de Macedo, propôs um jornal mural com os alunos, em que registrem fatos e eventos da sala de aula, da escola e da comunidade relevantes para eles. A ideia é confeccionar o jornal de maneira que possa sempre ser atualizado e afixá-lo na parede, para que todos possam ler.


Uma vez por semana, os alunos levam recortes de reportagens podendo ser de jornais ou revistas. Definidos os temas, cada grupo fica responsável por trazer para sala de aula uma reportagem com um determinado tema (dicas beleza e saúde, culinária, esporte, lazer, política, superação e etc). Depois de serem selecionadas, cada grupo fica com uma das reportagens, organiza e apresenta para a turma, em roda, onde expõem suas opiniões, argumentando os diversos pontos de vista.

 

 


Essa atividade além de promover o gosto pela leitura e interpretação de texto, também proporciona as crianças conhecimento sobre o mundo que os cerca, estimulando a consciência crítica e despertando o interesse em dialogar.

 

 

 


Como desdobramento da proposta, os alunos são estimulados a escrever suas próprias reportagens, que são expostas no Mural da sala de aula.


Para a professora Shayna, “(...) essa atividade tem apresentado bons resultados no desenvolvimento dos nossos alunos, primeiramente que demonstraram uma boa desenvoltura ao apresentar o que leram para o restante da turma, dividindo entre eles as partes importantes para que cada um pudesse contar o que leu, e depois um ou dois expõem a opinião do grupo sobre o que leram, o que desenvolve autonomia, sem contar a troca de experiência que também é muita significativa nesses momentos; e segundo que eles estão realizando pesquisas, lendo reportagens mesmo não estando dentro da atividade do Jornal Mural, como aconteceu com a aluna Julia Victoria que trouxe para sala um cartaz feito por ela sobre o caso de Marielle (...). Isso nos mostra o quanto nossos alunos estão atentos e são sensíveis aos acontecimentos conosco e no mundo”.

 

 

 


E você, ficou interessado em desenvolver atividades de Jornal Mural? Dê uma lida na Matéria da Revista Nova Escola :


http://rede.novaescolaclube.org.br/planos-de-aula/reler-e-reescrever-uma-experiencia-com-jornal-mural-na-escola

 

 

Para Saber Mais:

 

ESCOLA MUNICIPAL JOAQUIM MANUEL DE MACEDO

Direção: Hanriete de Araujo da Silva

Diretora Adjunta: Rose Mary da Costa Ermida

Coordenadora Pedagógica: Maria Aparecida Bago

Telefone: 3397-0120

E-mail: emjmacedo@rioeduca.net

 

 


   
           



Yammer Share