A A A C
email
A Revolução Acontece: o blog da SME
Retornando 51 resultados para o mês de 'Agosto de 2013'

Sexta-feira, 30/08/2013

Espaço Brincar na Escola Municipal J. Carlos

Tags: 5ªcre, projetos.

A Escola Municipal J. Carlos abraçou um projeto criado pela professora Jacira da Costa, da disciplina de Educação Física, com objetivos de trabalhar no relacionamento corporal e na comunicação afetiva a psicomotricidade.

 

A Escola Municipal 05.14.012 J.Carlos desenvolveu o Projeto "Espaço Brincar: A Psicomotricidade na Escola Municipal J. Carlos – Atenção Primária em Psicomotricidade na Formação do Sujeito na Infância", com objetivos de melhorar o sistema educativo por iniciativa da professora Jacira da Costa, de Educação Física.

 

A professora nos relata o projeto através da observação, interação, intervenção e conclusão sobre seu estudo, dada a importância da prática psicomotora. O trabalho visa objetivos de melhorar o sistema educativo ao introduzir a psicomotricidade junto ao grupo de trabalho da Unidade Escolar e está sendo desenvolvido desde o ano de 2012.

 

 

 

Espaço Brincar

 

“O projeto possibilitou-nos uma reflexão sobre a proposta pedagógica que leve em consideração as contribuições da psicomotricidade em um contexto biopsicossocial e educacional das crianças de forma desafiadora. Tem a finalidade de garantir a assistência nesses aspectos, na intenção de se trabalhar no relacionamento corporal e na comunicação afetiva. Oportuniza tais atividades que, muitas vezes, podem ser de acesso limitado ou privado do livre brincar, bem como, retomar as vivências que apresentaram falhas, ou não foram vivenciadas, ou fases que foram inadequadamente incorporadas. Além de acompanhar o desenvolvimento dos alunos nos aspectos psicomotores e conduzir ao descobrimento do próprio corpo, de suas capacidades na ordenação dos movimentos e do mundo que o rodeia para a formação do sujeito na infância", diz a professora Jacira da Costa.

 

 

“Após algumas pré-observações nas turmas da Unidade Escolar podemos perceber, inicialmente, que entre as crianças existe uma variedade de comportamentos comuns possuindo um precário suporte psicomotor associado aos diversos graus ou tipos de distúrbios psicomotores, problemas de linguagem e de fala, e de expressão, dificuldades de aprendizagem e disfunções de comportamento (condutas antissociais) que se encerram em um reflexo através de:

 

  • dispraxia; 
  • sincinesias;
  • disgnosias; 
  • dislalia; 
  • dislexia;
  • disgrafia; 
  • discalculia, entre outros.

 

Sendo assim, supomos que essas dificuldades poderiam estar relacionadas com o desenvolvimento psicomotor, podendo ser caracterizadas, a princípio, por apresentarem dificuldades na aprendizagem nas seguintes áreas: linguagem compreensiva e expressiva, aspectos sócio-afetivo e motricidade".

 

"A partir disso, a Unidade Escolar se propôs a criar o projeto que é desenvolvido e aplicado desde o ano de 2012, atendendo inicialmente a um público-alvo na faixa etária que compreende as idades de 6/7 anos a 12/13 anos, alunos do primeiro segmento do Ensino Fundamental”, relata a professora Jacira da Costa.

 

 


E continua: “O projeto é realizado através de uma intervenção psicomotora pelo ato do brincar espontâneo. Além de contar com a participação de todos, visando à inclusão. Ele ocorre no pátio da escola em um espaço improvisado, amplo e aberto, a fim de facilitar a movimentação do grupo...

 

Em cada contexto social observamos que existem diferentes perspectivas, atitudes, teorias e olhares frente ao brincar. Podemos afirmar que as brincadeiras são expressões de cada momento histórico, social, político e cultural, de um determinado contexto temporal e espacial. Contudo, verificam-se, na atual conjuntura, alterações sociais e econômicas em que são visíveis na própria concepção de sociedade educação e sujeito. Em consequência, muda-se também a concepção de ser criança e de infância, alterando também os tipos de brinquedos infantis e o conceito do brincar”. 

 

 

 

Na foto acima, o "Jogo Simbólico - Fugir do Jacaré" mostra uma brincadeira que foi criada pelos próprios alunos, em que consistia em "fugir do jacaré". Em seguida, o jacaré foi "morto", é claro, de "mentirinha".

 

“Em conclusão torna-se imprescindível a prática psicomotora, especialmente na escola. A maior parte das crianças que participa da prática psicomotora durante o seu período escolar é mais disponível e criativa, como também mais do que aquelas que nunca tiveram essa oportunidade. Há uma disponibilidade para receber todo tipo de atividade, criar e adquirir conhecimentos culturais.

 

Finalmente, justificam-se pela prevenção, compensação e pela reeducação de disfunções psicomotoras, que podem impedir que um problema ligeiro se transforme num problema mais sério”, finaliza a professora.

 

 

A professora Jacira da Costa é graduada em Educação Física pela UFRJ, Pós-Graduada em Educação Psicomotora pelo IBMR, Pós-Graduanda em Educação Especial e Inclusiva pela UCAM/IAVM, Psicomotricista (ABP Número 305) e Brinquedista (ABBri), também é Psicomotricista, Brinquedista (ABBri) e colaboradora voluntária do projeto Brincante - IPPMG/EEFD/UFRJ.


Parabéns à equipe de professores envolvidos nesse trabalho psicomotor, especialmente à rofessora Jacira Costa que nos contatou com a finalidade de compartilhar esse projeto.

 

Acessem o blog da E. M. J. Carlos, através do link http://emjcarlos.blogspot.com.br/

 


Regina Bizarro_ Representante do Rioeduca/5ªCRE
E-mail: reginabizarro@rioeduca.net
Twitter: @rebiza
Facebook: Regina Biza
Rioeduca/5ªCRE no Facebook:

https://www.facebook.com/groups/rioeduca5cre/


                               

 


 

   
           



Yammer Share

Sexta-feira, 30/08/2013

O Mundo Mágico do EDI

Tags: 10ªcre.

Inaugurado em junho de 2012, o Espaço de Desenvolvimento Infantil (EDI) Prof. Celso de Almeida Chaves, da 10ª CRE, localizado no bairro de Santa Cruz, é uma Unidade de Ensino voltada ao desenvolvimento infantil e à aprendizagem contínua.

 

Tudo que é novo nasce cheio de sonhos e ótimas expectativas!


E foi com esse pensamento que a Diretora Rosane Viana Cardozo recebeu essa Unidade: como um presente! Rosane, que já está na função há 10 anos, viu a oportunidade de transformar realidades, fazer com que sonhos, esperanças e encantos pudessem permear a vida dos alunos.

A Diretora Adjunta Cláudia Pessoa e a Diretora Geral Rosane Cardozo.

 

O tema central do nosso Projeto Político Pedagógico (PPP) é “Contos e cantos que encantam e fazem sonhar...”. Isso porque ambas as Gestoras e a Equipe acreditam que a magia das músicas e histórias infantis envolvem e estimulam a criança, possibilitando o seu desenvolvimento de forma prazerosa e muito divertida.

Através da imaginação e das brincadeiras, são trabalhadas questões sociais e éticas como valores e comportamentos, que dão vazão a questões emocionais, além de desenvolver habilidades manuais e artísticas.

 

Envoltos nessa magia, acontecem vários subprojetos, tais como: 

  • Cineminha
  • Tem criança na cozinha
  •  É dia de teatro
  •  Dia da brincadeira
  •  Folclorices, e muitos outros.

 

Tema do Projeto Político Pedagógico da Unidade Escolar.

 

Trabalhos desenvolvidos pelos alunos.

 

Alunos do EDI 10.19.805 realizando atividades.

 

Outros subprojetos são desenvolvidos ao longo de todo o ano, como por exemplo o “Chá Literário”, em que os responsáveis são convidados para uma tarde gostosa, embalada por lindas histórias e um delicioso lanchinho... Momentos importantes para estimular a prática da contação de histórias e envolver os pais, conscientizando-os da importância da leitura.

 

Para o EDI Prof. Celso de Almeida Chaves, educação não se faz em um momento. É um desenvolvimento constante que acontece em todos os espaços que a criança está inserida.


Sendo assim, a Equipe da Unidade acredita que a parceria entre família e escola é fundamental para o sucesso e desenvolvimento dos alunos.


Acreditando nessa parceria, foram criadas vias diretas de comunicação com os responsáveis, que podem estar sempre por dentro de tudo o que acontece na Creche de seu filho. São elas:

 

  •  Informativo Mensal - jornalzinho impresso.

 

  •  Blog - site com atualizações constantes das atividades diárias desenvolvidas no espaço da Unidade Escolar.


Outro subprojeto desenvolvido é o “Família no EDI”, que acontece uma vez por mês. Nesse dia, os responsáveis são convidados a passar o dia na Unidade acompanhando a rotina de seu filho.


Essa parceria tem feito o maior sucesso, pois os responsáveis estão cada vez mais confiantes, visto que participam ativamente da construção de tudo aquilo que é desenvolvido pela Unidade.


 

Suelen Corrêa

é professora da rede municipal

e representante do Rioeduca da 10ªCRE

suelencorrea@rioeduca.net

twitter: @suelencorrea29
 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quinta-feira, 29/08/2013

XXX Mostra Regional de Dança da 4ª CRE

Tags: 4ªcre, eventos.


 

 

A prática da dança como ferramenta pedagógica favorece não só a criatividade mas também o processo de construção do conhecimento. Afinal, a dança é expressão de vida, transmissão de sentimentos, comunicação, vivência corporal e emocional, que  implementam novas oportunidades de lazer e de ampliação da cidadania.

 

"A criança tem necessidade de andar e saltar: não a podemos condenar a ficar imóvel, porque certamente falharíamos e a prejudicaríamos (...)" (FREINET, 1974).

 

 

 

 

 

 

 

Sob essa perspectiva, professores e alunos da Rede trabalham as expressões do corpo e traduzem na arte a representação de suas emoções e sentimentos. Com isso, lindas produções são construídas e reunidas em um grande momento: a Mostra Regional de Dança.

 

 

 

 

 

Esse ano, a Mostra aconteceu nos dias 21 e 22 de agosto na Arena Carioca Dicró que fica no bairro da Penha. Durante esses dois dias, passaram pelo palco as mais belas representações da dança nos seus mais variados ritmos e estilos. Alunos e professores da Rede mostraram que sabem fazer bonito e o público aplaudiu.

 

Confiram alguns momentos desse espetáculo e saiba como a dança pode colaborar com o processo de Ensino-Aprendizagem!

 

A dança, enquanto um processo educacional, não se resume simplesmente em aquisição de habilidades, mas sim em contribuição para o aprimoramento das habilidades básicas, dos padrões fundamentais do movimento e no desenvolvimento das potencialidades humanas para a  sua relação com o mundo.

 

 

 

 

Além disso, a dança tem suma importância para alcançar os objetivos da Educação, sobretudo no que diz respeito ao desenvolvimento dos aspectos afetivo e social. Portanto, esta prática propicia ao aluno grandes mudanças internas e externas no que se referem ao seu comportamento, na forma de se expressar e pensar.

 

 

Cabe ressaltar que, assim como em relação aos esportes, nada impede que o educador desenvolva a dança como um trabalho. O professor, porém, não precisa demonstrar amplo domínio de estilos e técnicas de dança, mas, simplesmente, coragem para “quebrar” determinados preconceitos ligados a ela.

 

 

"Não nos importa o movimento pelo movimento, o gesto apenas por objetivos físicos. Nos importa o movimento integrado com a participação da alma: um corpo liberto, expresso em gestos, desenhando emoções no espaço, esculpindo o ar de prazer." (JOSÉ DE ANCHIETA, 1995).

 

Parabéns a toda equipe da GED e a todos os envolvidos na XXX Mostra Regional de Dança da 4ªCRE por promover o sucesso e a beleza da Arte entre os alunos da Rede! 

 

 Professor, queremos conhecer e divulgar o blog e os projetos desenvolvidos por sua escola. Aproveite este espaço que é feito para nós!

Entre em contato com o representante do Rioeduca em sua Coordenadoria e participe

 

 

COMPARTILHE E COMENTE!

 

 

                              

 

 

 


   
           



Yammer Share

Postado por Ana Accioly Ver Comentários (1)

Quinta-feira, 29/08/2013

Campanha "Escola Limpa"

Tags: 9ªcre, blogdeescola.

O professor Carlos Fernando, que ministra aulas de Ciências na 9ª CRE, vem nos apresentar a música "Povo Limpo" que apresenta um excelente conteúdo educativo para reforçar a campanha de conscientização desenvolvida pela nossa cidade:

“Lixo no Lixo, Rio no Coração”

 

Encontramos no blog da E. M. Rosária Trotta informações sobre a Campanha "Escola Limpa", que reproduziremos abaixo:


Na década de 70, uma campanha invadiu o então principal meio de comunicação da época: a televisão. A campanha dizia:


"POVO DESENVOLVIDO É POVO LIMPO!"


A mascote e principal personagem se chamava "Sujismundo".


Sujismundo virou sinônimo de quem não era adepto dos ambientes limpos, sendo o pseudônimo utilizado até hoje pelos que ainda lembram e acompanharam as aventuras da mascote.


Assista a um vídeo de "Sujismundo" na campanha "POVO DESENVOLVIDO É POVO LIMPO".



Há alguns meses, a escola Rosária Trotta lançou a proposta de manter o ambiente escolar limpo, na referência de cuidarmos do meio ambiente, cuidados estes que devem começar com o microespaço ao nosso redor. Pois bem, o professor Carlos Fernando, de Ciências, trouxe uma música muito legal que vai representar este projeto de conscientização para um mundo melhor.


Podem conferir!


Povo Limpo


Vídeo produzido pelo Professor Carlos Fernando da Rocha.
Música de Antônio Carlos Garcia, com arranjos de Jefferson Silva, vocais de Carlos Fernando, Lucilane Rodrigues e Flaviane Barros. 
Edição visual de Renato Neil.

 

Campanha por uma cidade limpa. NÃO JOGUE LIXO NO CHÃO!

 

Segundo o professor Carlos Fernando, a música já faz parte do projeto "Escola Limpa na Rosária Trotta" e está sendo incluída também, no projeto Ambiental que desenvolve na Escola Mafalda Teixeira Alvarenga (onde ele faz dupla regência) que faz parte do programa: "Elos de Cidadania".

 

 


Conheça também o Programa Lixo Zero que a prefeitura iniciou no dia 20/08/2013 e a Campanha “Lixo no Lixo, Rio no Coração”, em parceria com o Rock in Rio.

 


Conheça essa e outras atividades no Blog da E. M. Rosária Trotta.

 

 

Profª Márcia Cristina Alves, Representante da 9ª CRE
 E-mail: marciacerqueira@rioeduca.net
 Twitter: @marciacrisalves

 

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share