A A A C
email
Retornando 3 resultados para o mês de 'Março de 2018'

Quinta-feira, 29/03/2018

Festival de Final de Ano dos alunos do projeto Vôlei em Rede

Tags: vôlei, rede, festival.

 

Projeto: Vôlei em Rede

 

O Vôlei em Rede ensina valores como persistência, garra e perseverança através do esporte. O projeto atende jovens e crianças de escolas do Rio de Janeiro.

 

Dois anos depois de ter sido fundado, em 2003, o Instituto Compartilhar criou esse projeto, em meio a uma série de outras iniciativas em benefício da educação e, de lá para cá, ele se espalhou por várias cidades brasileiras. No Rio de Janeiro, iniciou suas atividades em 2010, com cinco núcleos; dobrou o número no ano seguinte e, a partir de 2014, passou a atuar com 15 núcleos. O público-alvo tem sido alunos da Rede Pública Municipal de Ensino a partir de nove anos, que, no contraturno das aulas, têm contato com a Metodologia Compartilhar de Iniciação ao Voleibol.  Conforme informação da Multirio (https://bit.ly/2fVwav5)

 

 

Confira o vídeo:

 

 

 

 

Milena Prado, aluna desde o ano de 2006 da rede municipal de ensino, que estudou do pré escolar ao 9º ano na E.M. Leonel Azevedo, localizada na Ilha do Governador, foi uma das entrevistadas.

 

 

Entrevista com a aluna Milena Prado da E.M. Leonel Azevedo

 

"Eu comecei a 4 anos atrás é muito bom o vôlei ele ensina bastante coisa. Aprendemos também os valores: respeito, cooperação, autonomia, responsabilidade, são os mais importantes e fazemos muito amigos"  

Milena Prado

 

 

O Festival de Final de Ano dos alunos do projeto Vôlei em Rede, Núcleos Rio/RJ, aconteceu no Forte Duque de Caxias no dia 29 de novembro de 2017. O evento contou com 14 núcleos do projeto na cidade totalizando mais de 500 crianças e adolescentes.

 

 

 

Contato para publicações:

 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 21/03/2018

Elas na Ciência

Tags: 1ªcre, eventos, projetos, geo, diainternacionaldamulher.

 

 

 

Atividade alusiva ao Dia Internacional da Mulher mobiliza  alunos do Ginásio Olímpico de Santa Teresa.

 

O Dia Internacional da Mulher, celebrado em 8 de março, foi instituído em 1910, na Dinamarca, embora só tenha sido oficializado pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 1975. Desde que foi instituído, a data é marcada por discussões sobre o papel da mulher na sociedade, buscando soluções para a discriminação e para a desvalorização do trabalho destas, uma realidade até hoje na maioria dos países*.


A professora Lucineia Alves, que ministra Ciências e Matemática nas Turmas 1701, 1703 e 1901 da Escola Municipal Juan Antonio Samaranch (GEO Santa Teresa), e que também é cientista, em alusão ao Dia Internacional da Mulher, elaborou uma lista de mulheres que obtiveram destaque na Ciência e solicitou aos seus alunos que realizassem pesquisas e elaborassem um trabalho individual, de acordo com as orientações dadas.

“Os alunos se empenharam nas pesquisas e esmeraram-se na elaboração dos trabalhos.” – Diz a professora muito satisfeita.

 

Trabalhos dos alunos das Turmas 1701, 1703 e 1901.

 

Cada aluno apresentou seu trabalho em sua respectiva turma. Nesse momento, os estudantes observaram os muitos e importantes prêmios que as cientistas ganharam nas áreas de Física, Ciências e Matemática. Alguns deles, ainda, perceberam que muitas dessas mulheres foram pioneiras em vários campos do conhecimento e que algumas tiveram que enfrentar preconceitos e até violência física para realizarem seus trabalhos na Ciência.
 

Alunos das turmas 1701, 1703 e 1901 apresentando seus respectivos trabalhos para a turma.

 

Alunos das turmas 1701 e 1703 mostrando seus trabalhos, orgulhosamente.


A Professora Lucineia aproveitou a atividade para solicitar que a aluna da Turma 1901, que realizou, no ano passado, o curso de Extensão “Meninas com Ciência: Geologia, Paleontologia e gênero” do Museu Nacional (Universidade Federal do Rio de Janeiro), apresentasse o livro, que ganhou no curso citado, “As cientistas: 50 mulheres que mudaram o mundo”, livro escrito e ilustrado por Rachel Ignotofsky (Editora Blucher). Os alunos se mostraram bastante interessados em saber informações sobre essas 50 mulheres e descobriram que muitas delas eram as pesquisadas por eles para o trabalho “Elas na Ciência”, solicitado pela professora.

 

A aluna do 9º ano apresentando o livro "As cientistas: 50 mulheres que mudaram o mundo", de Rachel Ignotofsky

 

Após a apresentação dos trabalhos, a professora, juntamente com alguns de seus alunos, montou um lindo mural para exibição de alguns trabalhos, já que o mural não comportaria todos. O objetivo da montagem do mural foi divulgar o trabalho de seus alunos e compartilhar com outros estudantes da escola informações sobre algumas das mulheres que se destacaram na Ciência.

Mural elaborado com os trabalhos das turmas envolvidas.

 

Alunos das turmas 1701 e 1703 com o Mural finalizado.


Os alunos puderam observar que a mulher, além de desempenhar papéis importantíssimos em todos os segmentos da sociedade, também se destacaram  no campo da Ciência e, muitos dos conhecimentos que temos atualmente, assim como as aplicações deles, são resultados de trabalhos dessas ilustríssimas mulheres.

 

* https://www.infoescola.com/datas-comemorativas/dia-internacional-da-mulher/

 

PARA SABER MAIS:

Escola Municipal Juan Antônio Samaranch

Direção : Ana Christina do Nascimento Quintella

Direção-Adjunta: Vera Regina Campos Pacheco

Coordenação Pedagógica: Mariane Fernandes de Caranzano

Telefone: 3972-0916

E-mail: geo@rioeduca.net

 


 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 05/03/2018

Inovando na aula de Matemática com Xadrez

Tags: xadrez, inovação, matemática.

 

 

A Gerência de Inovação e Tecnologia Educacional acredita na Educação Pública de Qualidade!

 

 

#Inovação

#EuacreditonaEducaçãoPública

#EducaçãoPúblicadeQualidade

 

 

 

 

 

A professora de matemática Lucineia Alves convidou o professor de educação física Antonio Holanda do Ginásio Experimental Olímpico Juan Antonio Samaranch para ensinar Xadrez em suas aulas do 9º ano. Com o tema Xadrez e Potenciação, o professor utilizou inclusive música! Para dinamizar ainda mais a aula.

 

 

PARABÉNS AOS PROFESSORES!

 

 

 

Aula de Matemática???
- Sim!!! Aula do 9º Ano.
Assunto: o xadrez e a potenciação.

 


   
           



Yammer Share