A A A C
email
Retornando 14 resultados para a tag '6.ª cre'

Segunda-feira, 15/10/2018

Alimentação Saudável na Escola: promovendo a saúde e a segurança alimentar

Tags: 6.ª cre, alimentação saudável.

 

A professora Luci Carvalho, da Escola Municipal Comandante Arnaldo Varella, utiliza o laboratório de ciências da unidade escolar para conscientizar e estimular  uma alimentação saudável. Várias atividades foram desenvolvidas buscando a formação de hábitos benéficos para a saúde.

Vamos conhecer o trabalho desenvolvido pela professora Luci Carvalho?

 

Professora Luci Carvalho e os aunos do 8.º ano

 

A Escola Municipal Comandante Arnaldo Varella fica localizada em Pavuna e atende alunos do 6.º ao 9.º ano. Observando os hábitos alimentares dos estudantes, a professora Luci Carvalho percebeu a necessidade de trabalhar com os estudantes, durante as aulas de Ciências, a criação de hábitos alimentares benéficos para a nossa saúde. As aulas experimentais aconteceram no laboratório de ciências e trataram dos seguintes temas: quantidade de açúcar presente nos alimentos industrializados; qualidade de vida; reaproveitamento e higiene dos alimentos.


Um dos alertas feito pela professora aos seus alunos foi com relação à quantidade de açúcar nos alimentos. A partir de uma conversa, colocou que o açúcar excessivo aumenta o risco do aparecimento de vários problemas de saúde: obesidade, diabetes e problemas dentais. Neste momento, os alunos aproveitaram para contar suas vivências e de seus familiares com relação a seus hábitos alimentares. A docente aproveitou para mostrar a importância de se conhecer a quantidade de açúcar nos alimentos consumidos.

 

Nutricionista da Clínica da Família 

 

 

Realizando experimentos no laboratório de ciências

 

 

O laboratório de ciências foi utilizado para os alunos realizarem experimentos e descobrirem, dentre os principais alimentos que eles consomem, a quantidade de açúcar presente em cada um. O espanto foi geral! Eles demonstraram não ter a menor noção do perigo que estavam correndo ingerindo determinados alimentos. A mudança de comportamento com relação ao que é consumido começou a acontecer neste momento, pois eles estavam prestando mais atenção nas informações nutricionais que estão nos rótulos.


Outro ponto sinalizado pela professora foi o desperdício de alimentos, um ato que acontece, com frequência, na hora da merenda. A professora Luci trabalhou com os alunos várias formas de se reaproveitar os alimentos que são feitos tanto na escola, como em casa e as consequências desse hábito para a nossa vida. Os cuidados com a higiene na manipulação e consumo destes alimentos também foram temas muito trabalhados com os alunos devido a importância no controle de doenças. A docente aproveitou os relatos dos estudantes para contextualizar o tema e conscientizá-los sobre a importância da higiene dos alimentos consumidos.

Todo este trabalho foi realizado em parceria com a nutricionista Patrícia Dias Martins, da Clínica da Família que atende a região.

Além de reforçar o aprendizado teórico estudado em sala de aula, permitiu que os alunos desenvolvessem atividades investigativas e de solução de problemas.

 

 

“Nosso objetivo com esse projeto é potencializar a percepção de nossos alunos para uma vida mais saudável e para que sejam multiplicadores dessas ações em seu ambiente familiar e sua comunidade, visando assim, mais cuidados para se ter uma boa saúde.” relatou a professora Luci Carvalho

 

 

Descobrindo a quantidade de açúcar dos alimentos

 

 

Parabéns à professora Luci Carvalho pelo trabalho de excelência que realiza com nossos adolescentes. Você é uma das várias pérolas que a rede municipal de ensino possui.

É um orgulho tê-la na 6.ª CRE. 


Quer conhecer um pouco mais do trabalho desenvolvido na Escola Municipal Comandante Arnaldo Varella pela professora Luci? Entre em contato com ela!

 

Escola Municipal Comandante Arnaldo Varella 

E-mail: emvarella@rioeduca.net ou lucicarvalho37@hotmail.com

Telefone: (21) 3358-1092

 

Não esqueça de deixar o seu comentário! Ele é muito importante para nós!

Até a próxima semana!


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 01/10/2018

Projeto Alimentação Saudável

Tags: 6.ª cre, alimentação saudável.

 

Durante o mês de agosto, a Escola Municipal Paraíba, localizada em Anchieta, realizou com os alunos do 1.º ao 6.º ano do Ensino fundamental, o projeto Alimentação Saudável. Os professores trabalharam várias questões envolvendo os hábitos alimentares dos estudantes.


Vamos acompanhar o trabalho desenvolvido com os alunos?

 

Professor Arnon Duarte, diretor da E.M. Paraíba

 

O projeto Alimentação Saudável foi uma proposta da equipe gestora que, em parceria com professores e funcionários, sentiu a necessidade de retomar o tema, tendo como princípio a observação dos alimentos inadequados consumidos por uma parcela dos alunos nos horários de intervalo bem como grande desperdício de alimentos. 

 

O Coordenador Pedagógico, professor Francisco Barros, ressaltou a importância das atividades desenvolvidas, devido a necessidade de uma alimentação rica e balanceada ser hoje uma preocupação mundial, em decorrência ao aumento dos casos de obesidade. Sendo a escola um importante agente formador de hábitos, a equipe gestora, idealizadora do projeto, achou importante trabalhar o tema alimentação saudável com todos os alunos, professores e funcionários da unidade escolar.

 

Comunidade escolar reunida para a culminância do projeto 

 

 

Alguns momentos das atividades desenvolvidas durante o mês de agosto

 

Durante todo mês de agosto foram desenvolvidas atividades diferenciadas organizadas por ano de escolaridade. Os objetivos foram: criar condições dos alunos entenderem a importância da boa alimentação, sendo essa balanceada e diversificada; criar a possibilidade dos estudantes perceberem a necessidade de diversos nutrientes para o bom desenvolvimento do organismo; incentivar o consumo de frutas, verduras e legumes; conscientizar sobre o consumo abusivo de refrigerantes, balas e frituras; compreender a pirâmide alimentar e como ela é composta; evidenciar a boa nutrição e a prática de exercícios físicos como aspectos essenciais para ter uma boa saúde.


A culminância do projeto foi realizada no dia 31 de agosto, data em que é comemorado também o dia do nutricionista. Foram realizadas oficinas com alunos e responsáveis, apresentação de jogral, poesias, músicas, gritos de guerra, quiz (jogo de perguntas e respostas) e mostra dos trabalhos desenvolvidos pelas turmas. A escola também recebeu alunos do curso de nutrição da Universidade Estácio de Sá Campus R9 – Taquara, local onde o diretor da unidade escolar, Professor Arnon Duarte, cursa nutrição. 

 

Alunos, professores e funcionários desenvolvendo as atividades do projeto Alimentação Saudável

 

 

A alimentação saudável foi estimulada em todas as atividades desenvolvidas

 

 

Alunos realizando degustação de alimentos diversos

 

Cada ano de escolaridade ficou responsável em trabalhar um subtema:

 

1° Ano – Importância do consumo de frutas;


2° Ano – Alimentos que devem ser consumidos com moderação (Guloseimas) e diferenciar os alimentos em: Frutas, legumes e verduras.

 

3° Ano – Produção de Horta e elaboração de pirâmide alimentar;

 

4° Ano – Propriedades das vitaminas e composição dos alimentos (proteínas, carboidratos e lipídios);

 

5° Ano – Informação nutricional contida nos rótulos de embalagens de diversos produtos e higiene com os alimentos;

 

6° Ano – Construção de gráficos com informações do índice de massa corporal (IMC) e questões relacionadas ao desperdício de alimentos.

 

Exposição de cartazes produzidos pelos alunos e professores

 

 

A alimentação saudável continuará sendo estimulada

 

 

Como vimos, o projeto mobilizou toda a escola, mostrou a importância de uma alimentação saudável para uma melhor qualidade de vida e reafirmou o cuidado com os alimentos para evitar o desperdício. Professores, alunos e responsáveis dera um retorno muito positivo sobre todo o trabalho desenvolvido, durante o mês de agosto. Fica claro que tudo aprendido ultrapassou os muros da escola.

 

 

Parabéns à toda equipe da Escola Municipal Paraíba pelo trabalho de excelência que realizam com nossas crianças. Vocês são algumas das várias pérolas que a Rede Municipal de ensino possui. É um orgulho tê-los na 6.ª CRE. 


Que conhecer um pouco mais do trabalho desenvolvido na Escola Municipal Paraíba?

Entre em contato com a equipe!

Escola Municipal Paraíba

E-mail: emparaiba@rioeduca.net

Telefone: (21) 3358-0877

 

Não esqueça de deixar o seu comentário! Ele é muito importante para nós!

Até a próxima semana!


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 17/09/2018

Projeto: Somos Todos Amigos do Lobo

Tags: 6.ª cre, leitura, 6ªcre.

 

O projeto “Somos Todos Amigos do Lobo” foi desenvolvido no EDI Wesley Guilber Rodrigues de Andrade, pelos alunos do maternal II, turma EI-31, no primeiro semestre do ano de 2018. A professora Mariana Ferreira desenvolveu as atividades com a ajuda das Agentes de Educação Infantil, Dionice Brito e Cláudia Oliveira.

 

Vamos acompanhar o trabalho desenvolvido com os pequenos?

 

Turma EI-31 a festa de encerramento do projeto

 

No início do ano letivo, logo na segunda semana de acolhimento da turma EI-31, durante a roda de leitura, as educadoras disponibilizaram diversos livros na rodinha. A aluna Ana Clara escolheu um livro “Chapeuzinho Vermelho” para a professora ler. Após a realização da leitura, elas perceberam que algumas crianças demonstraram bastante medo e, em alguns casos, até choro, quando falavam do lobo da história.

 

Em todos os momentos o personagem “lobo” era citado pelas crianças, envolvendo diversos sentimentos como medo, curiosidade e encanto. Como o assunto se tornou recorrente, as professoras desenvolveram o projeto “Somos Todos Amigos do Lobo” com o objetivo de desmistificar o papel de vilão que o lobo tem na maioria das histórias. Fizeram pesquisas e, através delas, puderam perceber que o lobo aparece em diversas histórias e com funções diferentes em cada uma delas. Ao longo do projeto, propuseram várias atividades envolvendo o personagem para as crianças e as famílias, possibilitando que pudessem conhecer e explorar as maneiras que o lobo é retratado nos contos.

 

 

Caça ao lobo

 

 

Corrida de circuito e construção da salada de frutas

 

 

Inicialmente foi feita uma dramatização da história Chapeuzinho Vermelho. Em seguida, as educadoras promoveram uma brincadeira de caça ao lobo no espaço externo do EDI. A corrida de circuito foi usada para conscientizar as crianças sobre a importância de uma boa alimentação. Nela, cada criança teve que levar uma fruta até a cesta da vovó que estava doente. Os alunos construíram também um livro de receitas, de onde tiraram e fizeram a salada de frutas da vovó. Na roda de conversa usando o livro “Lobo-guará”, as professoras e os alunos conversaram sobre o habitat do lobo, sua alimentação e seus hábitos.

 

 

“Em uma manhã, após o horário do desjejum, fomos para o parquinho, que é de costume em nossa rotina. Quando chegamos à sala, percebemos que ela estava toda desorganizada. O lobo havia passado pelo EDI e, como não nos encontrou, deixou uma carta para a nossa turma. Após a leitura da carta, construímos um texto coletivo, sobre a visita do lobo.” relatou, entusiasmada, a professora Mariana

 

 

Atividade a partir do livro O Lobo-guará

 

 

Carta deixada pelo lobo e construção de texto coletiva

 

 

Escrita de cartas para o lobo

 

A professora e as agentes de educação infantil contaram que, em determinado momento, perceberam que as crianças estavam ansiosas para falar com o lobo e saber coisas da sua vida na floresta. Então elas propuseram que as crianças, junto com seus familiares, construíssem cartas, para enviar para a casa do seu lobo. Dessa forma, além de possibilitar a comunicação de interesse das crianças, puderam explorar mais de um gênero textual, envolvendo assim o PPA da nossa unidade. As cartas foram colocadas em uma caixa de correio que as educadoras construíram. O carteiro do bairro abraçou esta tarefa, recolheu as cartas na creche e firmou o compromisso de entregá-las na casa do lobo. Neste momento, foi lido o livro “O carteiro chegou”.

 

“Então, resolvemos falar sobre as cartas, meio de comunicação pouco usado pela nossa sociedade atualmente. A professora Alana em uma roda de conversa releu o livro: “O carteiro chegou”. As crianças, no desenrolar da conversa, sugeriram que fizéssemos uma festa para o lobo, assim ele poderia nos conhecer e virar nosso amigo. Foi construído um bilhete, para as turmas os convidando, para o aniversário. Iniciamos a confecção e convites e dos preparativos da grande festa.” contou a professora Mariana

 

 

Visita do carteiro para reecolher as cartas escritas pelas crianças para o lobo

 

Para realizar o encerramento do projeto foi realizada a grande festa do lobo com a participação das famílias, de alguns profissionais da escola e do personagem principal deste projeto, o lobo, que foi conhecer a criançada. A cantiga de roda “Enquanto seu lobo não vem” se tornou o hino da turma EI-31. Em diversos momentos, as crianças se reuniram para brincar e cantar a cantiga.

 

Construção coletiva do convite da festa de encerramento do projeto

 

Parabéns à professora Mariana e às agentes de educação Infantil Dionice Brito e Cláudia Oliveira pelo trabalho de excelência que realizam com nossas crianças. Vocês são algumas das várias pérolas que a Rede Municipal de Ensino possui.

É um orgulho tê-las na 6.ª CRE. 

 

Que conhecer um pouco mais do trabalho desenvolvido no EDI Wesley Guilber?

Entre em contato com a equipe!

 

EDI Wesley Guilber Rodrigues de Andrade

E-mail: emguilber@rioeduca.net

Telefone: (21) 2407-0354

 

Não esqueça de deixar o seu comentário! Ele é muito importante para nós!

Até a próxima semana!


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 20/08/2018

Copa Eugenial: promova a paz entre a gente

Tags: 6.ª cre, copa do mundo.

 

O projeto Copa Eugenial: promova a paz entre a gente foi realizado entre os meses de maio e julho na Escola Municipal Eugênia Dutra Hamann.

Ele contou com a participação de todas as turmas da escola e teve como objetivo aprimorar a cultura da paz entre os alunos, através do estímulo ao espírito “Fair Play”, à compreensão da necessidade do respeito e da tolerância com o próximo, do aprendizado da vitória e da derrota e, principalmente, do espírito de equipe.

 

Vamos acompanhar como tudo aconteceu?

 

A E.M. Eugênia Dutra Hamann fica localizada em Pavuna e atende alunos do 1.º segmento

 

O projeto Copa Eugenial Consciente: promova a paz entre a gente foi dividido em três etapas. No dia 18 de maio, foi realizada a preparação e a abertura da Copa Eugenial. Entre os dias 20 de junho e 05 de julho, aconteceram os jogos eliminatórios e finais. O encerramento, última etapa do projeto, foi realizado no dia 12 de julho.

 

A primeira etapa envolveu toda a preparação para o evento, tendo como ponto de partida principal a abertura. Durante todo o bimestre, o conteúdo sobre a copa do Mundo foi trabalhado e as informações eram trazidas também pelos alunos, buscando discussões sobre de que forma o Brasil poderia ser de verdade um campeão. Além de vídeos e reportagens, confecção de cartazes do tema também fizeram parte do projeto e da ornamentação da escola.

 

A abertura do evento aconteceu no dia 18 de Maio, dando início ao projeto com o desfile das seis turmas, vestidas com as cores sorteadas anteriormente, bandeiras, enfeites e acessórios da mesma cor, além da entrada do pelotão das bandeiras do Brasil, Estado, Município e a da escola. 

 

Exposição dos trabalhos realizados

 

 

Após o desfile, as turmas se posicionaram para cantar o Hino Nacional, ouvir a palavra da direção e a explicação do evento. Nesse dia, as turmas apresentaram o grito de torcida, coreografado ou não, e um cartaz com uma mensagem de paz, contextualizando o projeto ao evento internacional, a Copa do Mundo. 

 

 

Prof.ª  Juliana - Turma 1301

 

 

A segunda etapa aconteceu entre os dias 20/06 e 05/07, período em que foram realizados  torneios: futsal masculino e queimado feminino para as turmas de 3.º ao 5.º ano e futsal para as turmas de 1.º e 2.º anos. As eliminatórias aconteceram até o dia 4/07, dentro do horário das aulas de Educação Física. As finais, no dia 5/07, em horário especial, com as turmas envolvidas e a participação de suas professoras, além da professora de Educação Física.

As regras foram adaptadas à faixa etária e ao espaço disponível.

 

Professora Cláudia - Turma 1102

 

 

As turmas foram divididas em times e o torneio foi adaptado dentro das competências e habilidades de cada turma. As turmas dos 2º e 3º anos realizaram o torneio com times da própria sala, não competindo uma com a outra devido à diferença de tamanho e maturidade dos alunos. Nas turmas de 4º e 5º anos, o time vencedor de cada uma disputou com a outra, de acordo com a sua faixa etária.

 

Durante o evento, foram escolhidos destaques (1 feminino e 1 masculino por turma), considerando o significado de Fair Play, expressão que significa “jogo limpo”, ou seja, modo leal de agir. “O conceito de fair play está vinculado à ética no meio esportivo, onde os praticantes devem procurar jogar de maneira que não prejudiquem o adversário de forma proposital”.

 

 

 

Prof.ª Edite Fagundes - Turma 1201

 

 

O encerramento foi a terceira e última parte do projeto e aconteceu no dia 12/07. As turmas realizaram o desfile idêntico ao da abertura. Cantaram o Hino, ouviram a palavra da direção e da Professora de Educação Física, os resultados dos jogos, os destaques foram homenageados recebendo um certificado e alguns brindes conseguidos através de doações. Outros brindes arrecadados foram sorteados entre todos os alunos e dois brindes foram sorteados entre as professoras. 

 

 

Jogos realizados na E.M Eugênia Dutra Hamann

 

Todos os alunos receberam uma medalha de papel com o desenho da Mascote da Copa “Zabiwaca”, confeccionadas pela professora de Educação Física, que se preocupou em distribuir balas a fim de contemplar os alunos que não foram sorteados. Os alunos destaques entregaram uma medalha para a professora da turma e também para todos os funcionários da escola, pois constituímos a Família Campeã Eugenial.

 

Após o cerimonial de encerramento, os alunos foram para a confraternização com lanche compartilhado, combinado anteriormente, através de bilhete enviado aos responsáveis, onde cada aluno contribuiu com um item (doce, salgado, refrigerantes e descartáveis). Ao som de músicas atuais, os alunos foram organizados no pátio em cadeiras e servidos pelos funcionários da escola, promovendo o espírito de união, celebração e cidadania.

 

 

Prof.ª Cristiane - Turma 1501

 

Prof.ª Amanda - Turma 1401 / Turmas 1101 e 1102 ao final da partida / Prof.ª Paola - Turma 1201

 

Parabéns à professora Edite Fagundes e à toda equipe da E.M. Eugênia Dutra Hamann pelo trabalho de excelência que realizam com nossas crianças. É um orgulho tê-los na 6.ª CRE!

 


Quer conhecer um pouco mais do trabalho desenvolvido pela equipe da E.M. Eugênia Dutra Hamann? Entre em contato com a Unidade Escolar!

 

E.M. Eugênia Dutra Hamann

E-mail:emeugenia@rioeduca.net

Telefone: 2407-4042

 

Não esqueça de deixar o seu comentário! Ele é muito importante para nós!

Até a próxima semana!


 


   
           



Yammer Share