A A A C
email
A Revolução Acontece: o blog da SME

Sexta-feira, 21/09/2018

Construindo Valores por uma Escola de Excelência

Tags: cre10, 10ªcre.

 

A escola Nelson Romero promoveu ações com o intuito de proporcionar aos alunos o contato com eventos que tem como objetivo resgatar os valores fundamentais para que haja a mudança em nossa sociedade.

 

A E/CRE (10.19.026) Escola Municipal Nelson Romero está localizada à Rua José Baldino s/n°- Sepetiba, Zona Oeste do Rio de Janeiro. A unidade atende 806 alunos, distribuídos em 26 turmas da Educação Infantil, modalidade Pré-Escola, ao 6º Experimental. Formando a equipe gestora temos a professora Carla Paiva de Mesquita, como diretora, a professora Margareth Matos de Queirós, como diretora adjunta e a professora Danielle Berrondo Cardoso Gomes, como coordenadora pedagógica.

 

De acordo com as vivências e acontecimentos, quanto às rotinas e convivência entre as crianças e professores, observados pela direção da Unidade Escolar, foi decidido, em conjunto, a realização de um projeto onde as regras de boa convivência, combinados e organização ganhassem um maior significado no cotidiano escolar. Sendo assim, foi necessário criar algumas estratégias, com o intuito de proporcionar sempre um ambiente atrativo e acolhedor, para que os alunos pudessem repensar atitudes, desenvolvendo afetividade, ética, cidadania, minando, aos poucos, as dificuldades encontradas quanto ao respeito com o próximo e consigo mesmo.

 

 

Mural sobre a Valorização Étnica

 

 

Durante o 1° semestre, os estudantes puderam constatar que valores familiares e cidadania precisam estar nas pequenas ações e nas escolhas diárias que fazem e que amizade e o brincar juntos requer cuidados, compreensão, amor e respeito.

 

A ideia da direção era proporcionar aos alunos condições para que, juntamente com os professores, refletissem sobre a necessidade de respeito entre todos através da aplicação dos direitos e deveres de cada um, formando valores éticos e morais para o exercício da cidadania. Dessa forma, favorecendo uma aprendizagem realmente significativa na formação de seres humanos mais conscientemente participativos e responsáveis no convívio social.

 

 

Alunos apresentando trabalho sobre a importância da família

 

 

— Construímos rotinas nas turmas para que as falas fossem diárias e que a reflexão dos temas de valorização ético e racial, respeito, igualdade permeassem os conteúdos didáticos. Junto nesse processo a oficina Caminhando com os Ciganos. — afirma a diretora Carla

 

A família e a escola são espaços socioculturais do cotidiano e tem históricos no processo de socialização, tornando-se berço de atitudes, bem como de mudanças, ou estagnação, da realidade na qual a sociedade a insere, pois delas partem os sujeitos sociais que irão manter, ou mudar, a si próprios e, consequentemente, a realidade onde estão inseridos.

 

— Um dos objetivos do trabalho era salientar a importância dos pais no processo educativo dos filhos, onde se pressupõe que trabalhando adequadamente com a educação e os valores familiares, conseguiremos nos transformar em uma sociedade mais justa e ética. Neste trabalho, relatamos que a contextualização do tema objeto e as questões abordadas são muito importantes, pois a mudança é necessária. É preciso que todo responsável saiba que o apoio da família é crucial no desempenho escolar. — declara a coordenadora Danielle

 

 

Projeto Receita da Felicidade

 

 

A honestidade é um dos valores mais importantes na formação da personalidade e do caráter das crianças. É base das suas relações com os demais. As crianças podem interiorizar exemplos de honestidade através da conversa e observação. Durante o projeto, houve uma palestra do Delegado Federal Victor Hugo Touvel, que falou sobre “Ser honesto é respeitar aos demais, é não se apropriar do alheio, é ser sincero na relação com o outro, é não mentir e sempre dizer a verdade por mais difícil que seja”.

 

Compreende-se que, o papel a ser exercido pela escola, ultrapassa o ensino pedagógico presencial da sala de aula, vai muito além de o simples passar conteúdos, é preciso construir valores.

 

 

Feira Cultural na quadra da Unidade Escolar

 

 

Quer saber mais sobre o projeto?
Entre em contato com a Unidade Escolar.

E/CRE (10.19.026) Escola Municipal Nelson Romero
E-mail: emnromero@rioeduca.net
Telefones: 3158-0848

 

Contato para publicações:


   
           



Yammer Share

Sexta-feira, 21/09/2018

Utilização do Ensino Híbrido na Matemática

Tags: 5ªcre, ensino híbrido, matemática.

 

No segundo bimestre de 2018, o professor de Matemática Rafael Costa, da Escola Municipal Irmã Zélia, trabalhou operações com números inteiros utilizando o Ensino Híbrido para tornar sua aula muito mais dinâmica e interessante. Confira!

 

 

 

O professor Rafael Costa desenvolveu uma atividade diferenciada e inovadora com a turma 1702 da Escola Municipal Irmã Zélia no segundo bimestre de 2018 através do Ensino Híbrido, trabalhando operações com números inteiros e utilizando o período de 3 tempos de 50 minutos de aula para a execução dessa atividade. Essa atividade foi idealizada pelos professores Rafael Costa e Leandro Nascimento. Os materiais utilizados foram o celular com acesso a internet e/ou computadores.

 

O principal objetivo dessa atividade foi fazer aulas diferenciadas onde a construção do conhecimento fosse feita em equipes (Team Based Learning – TBL), utilizando a tecnologia que os alunos estão habituados a usar, criando uma competição sadia entre eles, aumentando seu interesse e motivação para a participação nas atividades e resolução de tarefas.

 

 

Tarefas divididas nas 6 estações

 

 

O trabalho buscou não só a aprendizagem matemática, mas sim o bom relacionamento entre os alunos, a aceitação de opiniões divergentes, e a busca por um resultado comum entre eles.

 

A ideia foi a criação de uma atividade em que alguns tipos de aulas que são categorias do Ensino Híbrido fossem utilizadas, como a aula invertida através de vídeo aulas, a aprendizagem em equipes (TBL) e a utilização da rotação por estações.

 

 

Alunos e equipe de reportagem

 

 

Essa atividade gerou interesse do programa Rede Escola do canal TV escola que fez a gravação da mesma para uma programação em comemoração ao mês da Matemática (maio). As atividades podem ser elaboradas separadamente aplicando um tipo de modalidade de ensino hibrído de cada vez.

 

A aula invertida foi utilizada através do canal no Youtube do Prof Rafael Costa, uma vez que foram gravadas duas vídeo-aulas para que os alunos assistissem préviamente as aulas presenciais, saindo do modelo expositivo de aula, implementando um modelo de troca de pontos de vista sobre o assunto e construção do conhecimento de forma colaborativa.

 

 

 

 

Para a utilização do modelo de rotação por estações foram criadas seis estações fixas, três na sala de informática da escola e três no auditório junto, com seis grupos de seis alunos em média. Assim cada grupo começaria resolvendo as atividades em uma das estações, rodando ao término do tempo de 10 minutos para a estação seguinte. Na sala de informática o professor colocou 2 estações utilizando os computadores da escola e uma utilizando o smartphone ( poderiamos utilizar tudo através do celular ou tudo através dos computadores). 

 

 

 

Tela de acompanhamento de resultados  e tela do Socrative com um dos desafios

 

 

Os desafios da sala de informática foram criados no programa free Socrative teacher (https://b.socrative.com/login/teacher/), que fornece a plataforma para colocar as questões no modelo que você quiser. O professor escolheu a opção de questões de múltipla escolha. O programa oferece gerenciamento automático das respostas do aluno em tempo real. Em cada estação tinha o login e senha de acesso a sala de desafios no site socrative student (https://b.socrative.com/login/student/). 

 

 

 

 

 

As estações pares ficaram para o laboratório de informática e as ímpares para os desafios em 3 QR codes espalhados nos 3 andares da escola, um QR code por andar (link com a atividade do QR code). 

As equipes, após terminarem o desafio da estação, aguardavam o comando de troca das estações indo para a subsequente. Como intercalamos as estações, ora a equipe estaria resolvendo desafios no Socrative e na próxima seria a procura pelo QR code (http://www.rioeduca.net/blogViews.php?bid=14&id=6428) e o desafio atrás dele. 

Após rodarem por todas as estações as equipes anotaram todos os resultados encontrados. Foram 3 desafios em cada estação no laboratório e 1 desafio por QR Code, fazendo um total de 12 desafios para cada equipe. 

Depois de resolver todos os desafios, os alunos somaram os resultados encontrados. Um número de três algarismos que deveria ser testado em uma caixa com um cadeado de senha.  Caso acertassem, levavam o prêmio dentro da caixa. Se não acertassem, o professor mostrava onde estava o possível erro abrindo precedente para outro grupo tentar ganhar o desafio. 

 

 

Participantes da atividade

 

 

Vídeo com a gravação da atividade:
 


 

 

Os alunos mostraram muito interesse em participar da atividade por envolver o uso da tecnologia que eles gostam de utilizar, além de terem possibilidade de jogar e competir em equipes. Os grupos mostraram muita união e comprometimento na resolução dos exercícios, tentando auxiliar na aprendizagem dos componentes dos grupos, promovendo a monitoria da turma e o trabalho colaborativo. 

 

 

Parabéns a todos os envolvidos nesse trabalho de excelência, que visa otimizar o processo ensino e aprendizagem, investindo na qualidade do trabalho pedagógico!

 

 

Sobre a escola:

Escola Municipal Irmã Zélia
Diretor: Margarete Alves dos Reis de Sousa

Endereço: Av. Ministro Edgard Romero, 895, Madureira
Telefone: 3457-1006 | 3457-1050
E-mail: emzelia@rioeduca.net  


 


   
           



Yammer Share

Quinta-feira, 20/09/2018

E.M. Chile apresenta: Sarau Musical e Literário

Tags: 4ªcre, música, língua portuguesa.

 

Sarau Musical e Literário “Tempos de inovação: Recriando o Recriado no Tropicalismo”

 

Os professores Adonias Ribeiro, Amanda Aragão, Danielle Barbosa, Diogo Brandão, Eliete Vasconcelos, Elisabeth Gomes, Lucio Carvalho, Quelani Maia, Rafael Monteiro, Raquel Vasconcelos e Sara Resende relatam como desenvolveram o projeto com o tema “Tropicália” . Confira!

 

 

 

O projeto “Tropicália” foi desenvolvido por todo o primeiro semestre de 2018 e a culminância nos dias 28 e 29 de junho. Todos os alunos participaram do projeto de alguma forma, seja produzindo poesias, confeccionando a decoração do evento ou na apresentação musical e teatral. 

 

 

 


No sarau teve grupos de Coral, Percussão, Cordas e Teclado interpretando “Ando meio desligado” de Mutantes. O objetivo dessa apresentação era trazer o movimento tropicalista brasileiro aos alunos do 7º ao 9º ano do Ensino Fundamental, aplicando os conhecimentos adquiridos nas aulas de Música e Língua Portuguesa. 

 

 

 

 

O tema “Tropicália” foi escolhido para homenagear os 50 anos do lançamento do CD de mesmo nome, que foi um marco na música brasileira. Durante o primeiro semestre deste ano, as músicas foram trabalhadas com as turmas quanto ao tema, letra e melodia.

 

 

As alunos João Victor Procópio Lima (piano) e Stephany Sousa da Costa (voz) interpretando a canção “Baby” de Gal Costa .

 

 

Os alunos também produziram poemas sobre a mesma temática. Tais poemas foram declamados no Sarau ou expostos nos painéis da escola. 

Depoimentos (publicados espontaneamente na página da escola) :

 


“Muito orgulho da minha escola do coração. Acolhendo sonhos e proporcionando formas das crianças (nem tão pequenas) realizarem.” Rosa Magalhães (ex-aluna da escola)


“ Ah, como eu amo isso! Meus amores, minha família de música. Amo vocês. Obrigada! Amei tudo.” Thaysa Miranda (aluna do 8º ano)

 

 


Parabéns, E.M Chile, pelo excelente trabalho realizado!

 

 

Sobre a escola:
Unidade Escolar: E/CRE(04.10.016) - Escola Municipal Chile - 11278
Diretor: SANDRA LEITE DE MAGALHAES RODRIGUES
Bairro: Olaria
Telefone: 3885-2181 / 3885-2352
E-mail: emchile@rioeduca.net

 

Contato para publicações:

 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 19/09/2018

Diversidade, o melhor do CIEP Coronel Sarmento

Tags: 3ªcre, diversidade, tolerância.

 

Na primeira quinzena de agosto, a equipe do CIEP 03.12.503 Coronel Sarmento realizou uma exposição de trabalhos artísticos e pedagógicos obtidos como resultado dos debates realizados nas salas de aula com o tema DIVERSIDADE.

Vamos conhecer um pouco dessa exposição que foi um sucesso!

 

   

 

 

Partindo do Projeto Político Pedagógico da unidade e tomando por referência a versão consolidada e construída pela equipe das reflexões e vivências, a exposição de trabalhos intitulada “Diversidade, o melhor do CIEP” apresenta trabalhos realizados nas turmas, durante o primeiro semestre
 

 

 

 

Como ponto de partida do trabalho, sobre diversidade, foi feito um PPP ressaltando as bases que norteiam o trabalho do CIEP que, por sua vez, buscam um desenvolvimento pedagógico e cidadão. 

Para favorecer a execução do projeto, se fez necessário a colaboração de todos. A consolidação deste documento foi desenvolvida gradativamente, sistematizando os saberes, traduzindo as necessidades e indicando as formas possíveis de interlocução com toda a comunidade escolar. 

 


 

 

 

Objetivos dos trabalhos desenvolvidos no projeto:

 

  • Valorizar as diferenças e a diversidade no contexto escolar;
     
  • Oportunizar novos olhares e atitudes, transformando a escola num espaço para inclusão e de tolerância;
     
  • Fomentar  novas aprendizagens;
     
  • Garantir a frequência e a permanência escolar.

 

 

 

As atividades que foram desenvolvidas, foram divididas em questões sobre a Diversidade à saber:

 

  • Diversidade Humana ( inclusão),Diversidade de Costumes, Diversidade Cultural, Religiosa, Linguagem, Expressão, Manifestação, Musical.
     
  • Além de exposição, contamos com o protagonismo dos alunos, auxiliando ou apresentando as atividades para a comunidade escolar.
     
  • A diversidade das apresentações tambem foi um ponto positivo para a aprendizagem,para a valorização do fazer pedagógico inovador ,para a participação da comunidade escolar, criando, assim, um ambiente favorável a troca de conhecimentos

 

 

 

Trabalhar a diversidade e a cidadania, discutindo questões sociais relevantes já se tornou tradição para a comunidade escolar do CIEP Coronel Sarmento. Sempre de forma lúdica e responsável, os temas são abordados por professores e alunos que apresentam seus resultados em exposições artistícas criativas e bem elaboradas. 

 

Parabéns, mais uma vez para a equipe do CIEP Coronel Sarmento, pelo importante trabalho que demonstra a qualidade do ensino praticado.  

E se quiser saber mais sobre esse projeto basta enviar um e-mail para ciepasarmento@rioeduca.net

 

Contato para publicações:


   
           



Yammer Share