A A A C
email
Retornando 97 resultados para a tag 'edi'

Terça-feira, 17/07/2018

Era Uma Vez ... No Ensino Especial do EDI Eu Sou

Tags: 7ªcre, edi, inclusão.

 

O EDI Eu Sou recebeu a equipe do Projeto Agentes da Inclusão estreando a Ação “Era uma vez” para alunos da Educação Infantil

 

 

O Instituto Municipal Helena Antipoff – Centro de Referência em Educação Especial, apresenta o Projeto Agentes da Inclusão que faz parte da Sala de Leitura Professora Sônia Maria Maltez Fernandez, sob a responsabilidade da Professora Tatiane Cunha.

 

Este projeto justifica-se por compreender que a riqueza existente na diversidade humana é reconhecer a escola como espaço propício para diálogo, a reflexão e o debate sobre a equidade de oportunidade, enfrentamento, à discriminação e o respeito à pessoa com deficiência.

 

A equipe estreou no dia 4 de julho no Espaço de Educação Infantil Eu Sou a Ação “Era Uma Vez”, para alunos da Educação Infantil. O grupo é formado por jovens com deficiência, que superaram a diversidade e com muita criatividade e protagonismo no Projeto Agente de Inclusão, nas ações:

 

  • O relato sobre o tema da Diversidade no Contexto Escolar com casos bem sucedidos de inclusão;
  • Oficina Pedagógica para a Diversidade;
  • A ação Era Uma Vez, para os alunos da Educação Infantil.

 

 

A história contada, cantada e encenada foi “O anel, o pescador e o rei”. Que deixaram adultos e crianças encantadas e hipnotizadas com a destreza desses jovens que são muito mais do que especiais no sentindo amplo da palavra. Raphael, Larissa e Priscilla são os jovens que atuam no projeto com grande destaque.

 

Nosso EDI teve o privilégio de ter sido o primeiro a presenciar o evento. Foi emocionante ver aqueles jovens atuando e interagindo com as nossas crianças. Nós professores da educação Infantil não temos a dimensão do futuro dos nossos alunos de um modo geral, que por serem tão pequenos ainda não nos dão muitas respostas.

No entanto, o que vivenciamos nos deu a perspectiva do sucesso da inclusão. Gostaríamos que todas as escolas e todas as famílias tivessem essa experiência. Momentos como esses são motivadores, nos dão a certeza de que estamos no caminho certo e que a inclusão no ambiente escolar é muito mais do que repasse de conteúdos formaisDestaca Vanessa, diretora do EDI EU SOU.

 

 

Sendo assim, muito emocionados e com o coração transbordando de alegria, encerramos nosso texto, registrando nossa gratidão ao Instituto e a Professora Tatiana por esse lindo Projeto.

Parabéns!

 

Quer saber mais sobre?

EDI Eu Sou (07.16.810)

Endereço: Rua Cândido Benício, 2399 - Praça seca

Diretora: Vanessa Simões

Adjunta: Estela Squiaque Vieira Humbelino

Tel.: 2435-4276

 

Contato para publicações:


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 13/06/2018

Orquestra Maré do Amanhã Visita o EDI Maria Cecília Ferreira

Tags: 8ªcre, educação infantil, edi, música.

 

A Orquestra Maré do Amanhã visita o EDI Professora Maria Cecília Ferreira

 

Possibilitar interação com os outros e ampliar o conhecimento do mundo por meio da música é um dos objetivos propostos nas Orientações Curriculares da Educação Infantil da Prefeitura do Rio de Janeiro.

 

 

Para cumprir essa importante etapa na construção do conhecimento dos pequenos alunos do Espaço de Educação Infantil Professora Maria Cecília Ferreira, o projeto Orquestra Maré do Amanhã transformou um dia letivo em um dia inesquecível para alunos, professores e funcionários!

 

No dia 16 de maio, a Orquestra Maré do Amanhã visitou o EDI Professora Maria Cecília, trazendo muitas novidades ao apresentar os seus instrumentos e a forma como funcionam.

 

 

 

Além do projeto anual desenvolvido por toda a escola, cada turma do EDI Maria Cecília desenvolve um projeto personalizado, de acordo com o interesse e perfil dos alunos.

A professora Érica Costa é a responsável pelo projeto onde a música é o foco principal. Ela é a regente da turma EI-31, carinhosamente conhecida como a Turma do Cavaquinho. Ao observar que o seu grupo tem como centro de interesse a Linguagem Musical, a professora Érica planejou uma experiência totalmente inovadora para as crianças.

Receber a Orquestra Maré do Amanhã na escola entusiasmou a todos os presentes, não só os alunos!

Antes da apresentação os pequenos puderam ver os instrumentos de perto, fazer perguntas e conhecer os músicos.

 

 

 

O acesso à essa manifestação cultural clássica, que não é comum no cotidiano das crianças, é muito enriquecedora. Essa experiência contribui para a construção de seu conhecimento e percepção da amplitude da arte e da cultura.

O repertório da apresentação foi bem variado e a orquestra se deparou com uma plateia formada por alunos curiosos e atentos a tudo, mas quando a música  Billie Jean, de Michael Jackson, foi tocada, as crianças dançaram bastante!

A visita da Orquestra Maré do Amanhã na escola foi inesquecível para a Turma do Cavaquinho, que está agora ainda mais musical e feliz!

O evento foi marcante na verdade para todos que estiveram presentes, pois a música alegra, inspira... e só faz bem!

 

 

 

O Rioeduca parabeniza à professora Érica Costa e a Turma do Cavaquinho (EI-31) pela realização do projeto!

Um agradecimento especial ao professor Bruno Rossato, Diretor do EDI Professora Maria Cecília Ferreira, pela colaboração com essa publicação.

 

 

 

Para saber mais sobre o Projeto Maré do Amanhã:

http://www.maredoamanha.com.br/

 

Para entrar em contato com o EDI Maria Cecília:

Email.: edimferreira@rioeduca.net

 

 


   
           



Yammer Share

Quinta-feira, 31/05/2018

Maratona de Histórias no EDI Alyrio Cavalieri

Tags: 9ª cre, edi, maratona literária.

 

O Projeto Maratona de Histórias “Quem conta um conto aumenta um ponto” envolveu toda a Comunidade Escolar: professores, auxiliares de turma, equipes de limpeza, cozinha, direção, responsáveis, CEC e demais parceiros do EDI Alyrio Cavalieri, no período de 16 a 20/04/2018

 

 

Tudo começou no início do ano letivo, quando foram escolhidos os autores da Ciranda de Leitura anual e percebeu-se a necessidade de envolver toda a Comunidade Escolar no movimento de contação de histórias, familiarizando as crianças com os diferentes textos literários. Dessa forma, Monteiro Lobato foi o escolhido como autor homenageado do 1º Bimestre. 

Foram sorteadas histórias e dias em que as histórias iriam ser contadas, dessa maneira, criou-se um calendário de leitura e todas as turmas foram contempladas.

 

 

 

No dia da atividade a equipe responsável pela contação se deslocava até seu público. Essa transição de espaços foi uma linda movimentação de fantasias, perucas, livros, instrumentos e objetos, com dinâmicas bem interessantes. Turminhas do berçário, contaram histórias para as turminhas da Pré-Escola e receberam do Maternal II, a professora de Educação Física contou história para o maternal II, equipe de limpeza fez contação para turminha do Maternal I, Pré-Escola contou história para a equipe da cozinha, direção recebeu história do Maternal I e contou para a Pré-Escola. Enfim, dinâmica e uma interação que seriam inimagináveis no cotidiano.

 

 

A culminância do projeto aconteceu no Dia Nacional do Livro Infantil que também é marcada pelo nascimento de Monteiro Lobato, 18 de abril. Nela estavam presentes autora Nancilia Pereira divulgando seu mais novo lançamento: “Sou autista, e daí?” e o neto do “Profeta Gentileza”, Vagner Datrino, que abraçou o Projeto Político Anual do EDI “Colhendo valores através da gentileza” e a professora da Sala de Leitura Pólo da Escola Municipal Gastão Penalva, Joana Mury. 

 

 A autora Nancilia emocionou a todos com a história de vida de sua neta que é autista e a inspirou a escrever o livro.

 

A escritora de “Sou autista, e daí?” foi recepcionada pelas turminhas da Pré-Escola com a música “normal é ser diferente” que por sua vez retribuiu fazendo uma linda palestra para os responsáveis e toda equipe na Sala de Leitura da U.E., foi um dia maravilhoso.

 

 

As mães dos alunos incluídos participaram ativamente da palestra com perguntas e interações com a autora, foi um momento bem emocionante devido as histórias de luta pela inclusão na sociedade dos seus pequeninos filhos. Nesse momento, algumas mães também expressaram sua gratidão ao  EDI Alyrio Cavallieri, um Espaço de Desenvolvimento Infantil que se preocupa em incluir efetivamente as crianças e acolher suas famílias.

 

 

 

Crianças, profissionais e responsáveis do EDI Alyrio Cavallieri.

 

No dia 19 de abril, foi a vez dos alunos do Projeto “Voando Alto nas Asas da Leitura” do CIEP Armindo Marcílio Doutel de Andrade, também em Campo Grande, contarem histórias para os pequenos, sob o comando da Coordenadora Pedagógica Audrei Alonso e da professora Solange Andrade, uma linda interação do Ensino Fundamental com a Educação Infantil.

 

Alunos e as professoras Audrei e Solange do CIEP Doutel de Andrade levando o projeto "Voando nas asas da leitura" aos alunos do EDI Alyrio Cavalieri.

 

Fechando a semana, com chave de ouro, o EDI recebeu a autora e patronesse da Sala de Leitura, Denise Almeida, que encantou a todos com seu carisma, desprendimento e amor. A autora contou diversas histórias para as turminhas da Pré-Escola e doou vários livros para a Sala de Leitura. Além disso, assistiu a equipe da direção contar e dramatizar a história “Uma arara e sete papagaios” de Ana Maria Machado.

 

  

 

Fortalecendo esse ideal de inclusão, o EDI realizou seu Centro de Estudos Integral (CE) no Instituto Helena Antipoff (IHA), visando nstrumentalizar a Equipe Pedagógica para a questão da inclusão, uma vez que o instituto é um estabelecimento público de ensino especializado em Educação Especial, pertencente à Secretaria Municipal de Educação da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, sendo centro de referência em Educação Especial no Brasil.

 

  

 

Tal ação foi socializada e ressaltada pela diretora do EDI, Evanilda de Jesus Oliveira, aos responsáveis durante a reunião destinada aos mesmos de final de bimestre. 

 

A equipe do EDI Alyrio no centro de estudos realizado no Instituto Helena Antipoff (IHA) em 11/04/2018

 

Os depoimentos sobre a Maratona de histórias: 

“Eu agradeço tanto, mas tanto a essa escola pela divulgação do autismo, pela inclusão mesmo! Claro que me emocionei, que amei. Obrigada por tudo!”– Depoimento da mãe Emilie Berreel, mamãe do aluno Miguel Berreel que é autista.

 A Equipe de Pedagógica avalia que esta primeira edição da Maratona de Histórias “foi um sucesso, uma atividade prazerosa, dinâmica e que vai deixar saudade”.

 

 

SAIBA MAIS SOBRE O PROJETO, ENTRE EM CONTATO:

EDI ALYRIO CAVALIERI (09.18.8)

DIREÇÃO GERAL: Evanilda de Jesus Oliveira

ENDEREÇO: R. José Janoni, 33 - Campo Grande, Rio de Janeiro - RJ, 23073-050

TELEFONE: 3096-0965

 

Contato para Publicações:


 


   
           



Yammer Share

Quinta-feira, 17/05/2018

EDI Joari na 1º Jornada de Educação Alimentar e Nutricional

Tags: 9cre, edi, merenda escolar, educação alimentar.

 

Participação do EDI Joari na Jornada de Educação Alimentar e Nutricional com o projeto "Delícias do Brasil"

 

 

O Espaço de Desenvolvimento Infantil, Joari, participou, durante o ano letivo de 2017, da Jornada de Educação Alimentar e Nutricional - FNDE e Programa Nacional de Alimentação Escolar. 

 

A diretora geral do EDI Joari, Isabela Costa (segunda à direita), recebendo, em março de 2018, a certificação pela experiiência "Delícias do Brasil" realizada na unidade.

 

A partir da participação, a escola foi selecionada pelo relato: “Delícias do Brasil” para participar em Março de 2018 do 1º Encontro da Jornada de Educação Alimentar e Nutricional, em Recife!

 

O projeto teve como objetivo principal o resgate de uma parte do patrimônio culinário que integra a memória afetiva e cultural brasileira, por meio de alimentos que foram esquecidos ao longo do tempo ou ainda desconhecidos por nossas crianças e familiares. 

 

Além disso, o projeto buscou promover a valorização de uma alimentação saudável, cuidados contra obesidade infantil e a promoção do conhecimento das mais variadas espécies de frutas, hortaliças, legumes existentes em nosso país.

 

Inicialmente, o corpo docente tomou conhecimento do livro Alimentos Regionais Brasileiros, sugerido na plataforma e disponível aos participantes. A literatura infantil também foi utilizada como importante ferramenta para despertar o interesse em conhecer os mais diferentes pratos do nosso Brasil. Dessa maneira, elegeu-se o livro infantil “Delícias do Brasil”, da autora Ieda de Oliveira, para a realização de uma leitura coletiva, com alunos e responsáveis, em homenagem à cultura e ao povo brasileiro.


“Ah, o Brasil e a sua diversidade... Cada cantinho com uma cultura,
um sotaque, um hábito culinário. Cada lugar com seu charme,
seu povo carismático, sua alegria de viver e sua história!" 

 

Após a leitura do livro com as crianças e suas famílias, se propôs a confecção de receitas de pratos típicos de nossa região como: Paçoca de Amendoim e Cuscuz de Coco.

 

Leitura do livro "Delícias do Brasil" para crianças  e famílias.

 

Oficinas culinárias também foram realizadas, com o objetivo de envolver a comunidade escolar e disseminar informações de alimentos regionais brasileiros. Logo, foram exploradas diferentes áreas do conhecimento: Linguagem oral e escrita (registro das receitas), Linguagem matemática (contagem e medidas dos ingredientes), Ciências naturais (misturas e transformações), Ciências Sociais (histórias culturais dos pais e responsáveis, a partir de algumas receitas, aspectos geográficos e regionais), dentre outras.

 

Atividade sobre as regiões do Brasil com as crianças

 

 

Confecção da receita de cuscuz e paçoca - delícias do Brasil.

 

 

Distribuição dos alimentos produzido pelas crianças.

 

Dentre as riquezas observadas, foi pesquisada, principalmente, a da culinária brasileira. Surgindo assim, novas pesquisas sobre os alimentos das diferentes regiões do Brasil, desdobrando-se  em outras variadas atividades, entre junho e julho de 2017.

O trabalho foi muito enriquecedor, segundo a avaliação da equipe. No aspecto nutricional despertou a curiosidade para a experimentação das frutas e verduras das regiões. Já no aspecto cultural, foi enriquecedor, pois houve uma gama de conhecimentos relacionados as diferentes regiões do Brasil.

 

A diretora da unidade no Encontro da Jornada de Educação Alimentar e Nutricional, em março de 2018, em Recife

 

Parabenizamos a equipe de professores, crianças e familiares pela valorização da alimentação saudável e ampliação do conhecimento das mais variadas espécies de cardápios e alimentos do Brasil.

 

Para saber mais, entre em contato:
E/CRE (09.18.819) EDI Joari
Situado à Rua Berizal, s/nº Campo Grande Rio de Janeiro - RJ
Diretor: Isabela Carvalho Costa
Diretor-Adjunto: Isamara Carvalho Sardinha
Professor Articulador: Márcia Christina Von A. Menezes
edijoari@rioeduca.net

 

  


   
           



Yammer Share