A A A C
email
Retornando 60 resultados para a tag 'capacitação'

Quarta-feira, 26/10/2016

Jornada Administrativa: Atualizando informações 11ªCRE

Tags: 11ªcre, funcional, setor, capacitação.

 

 

No dia 28 de Setembro aconteceu a capacitação de setor, realizada pela gerência de recursos humanos da 11ªCRE intitulada de Jornada Administrativa – Atualizando Informações 2016. CONFIRA!

 

O encontro foi realizado no Auditório da 11ª Coordenadoria de Educação. Durante 4 horas a equipe de Controladoras apresentaram as principais questões relacionadas ao trabalho de Setor que interferem diretamente na vida funcional dos servidores e esclareceram dúvidas sobre esse mesmo tema, tais como: tipos de licenças, faltas, aposentadoria, impontualidades, cartão de ponto, readaptação, etc.

 

 

A abertura do evento foi realizada pela Gerente de Recursos Humanos Nilma Corrêa de Oliveira. Em seguida foram realizados a dinâmica de despertar e o estudo dirigido apresentado pelas controladoras Jussara Souza, Nilza Marçal e Aline Alves.

 

 

Ao final do encontro foi aberto o espaço para esclarecimento de dúvidas onde a Assistente II, Deise Coelho e a Assistente I, Ruth Rejala, responderam as perguntas do grupo de inscritos na Jornada.

 

 

"Foi um momento especial para todos os responsáveis pelo trabalho de Setor das Unidades da 11ª CRE que possibilitou reflexão sobre esse trabalho que é fundamental para garantir o registro correto da vida funcional do servidor" relatou a assistente Ruth Rejala.

 

Equipe da Gerência de Recursos Humanos da 11ª CRE

 

 

Quer saber mais sobre?

Unidade: GRH 11ªCRE

Telefone: 3975-2477

E-mail: grhcre11@rioeduca.net

 

 

Contato para publicações:

Laura Fantti Davilla Serpa - Representante Rioeduca da 11ª CRE
Facebook: https://www.facebook.com/groups/1607751852842237
E-mail: lauradavilla@rioeduca.net

 

 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 13/01/2014

Excelência Acadêmica e Protagonismo Juvenil

Tags: 1ªcre, capacitação, protagonismo juvenil, gecs.

 

 

É possível existirem escolas públicas inovadoras, com tecnologia de ponta, e professores exclusivos para estas unidades? É verdade que nelas o aluno é o personagem principal? Pode um jovem contar seus sonhos, expectativas de vida e ter ao seu lado professores que o apoiem em busca dessas realizações? Sim! Leia o texto na íntegra e se encante com a Educação de Qualidade realizada nos Ginásios Cariocas da cidade do Rio de Janeiro. São os GECs!

 

 

Ginásio Experimental Carioca - Sonho Possível

 

 

Implantado na rede desde 2011, os GECs atendem a jovens do segundo segmento (6º ao 9º anos). O programa é sustentando em três eixos – excelência acadêmica, apoio ao projeto de vida do aluno e educação para valores. Os alunos estudam em horário integral, têm mais tempos de aulas de Português, Matemática, Ciências e Inglês, contam com salas temáticas e com professores em dedicação exclusiva.

 

 

 

 

Os GECs possuem uma estrutura física diferenciada, aulas digitais, tecnologia ao alcance dos adolescentes e material didático construído pelos próprios professores da rede. Além disso, a Educopedia é constante aliada nos estudos dos alunos.

 

 

Os Ginásios Cariocas são o exemplo de que a soma de inovação, tecnologia, protagonismo juvenil, determinação e garra da equipe envolvida, transformam, não só a realidade do aluno, mas de sua família e da comunidade no qual está inserido.

 

 

Protagonismo Juvenil - Salto de Qualidade na Educação

 

 

Experimente perguntar a um jovem o que sonha, sente, ou deseja para sua vida. Ouça com atenção aos seus anseios, ideias inovadoras, desejo de mudanças e transformação da realidade. É possível que o adulto se surpreenda com a gigantesca capacidade de sonhos que os adolescentes possuem. E é com esse olhar que os educadores dos GECs começam a alinhar a excelência acadêmica dos estudos ao protagonismo juvenil. Deste modo, cada aluno inicia o processo de se perceber como protagonista de sua vida, autor de sua própria história.

 

 

Alunos do GEC Rivadávia Corrêa em um estudo multidisciplinar sobre a Biodiversidade Fluminense.

 

 

Semana de capacitação nos GECs da 1ª CRE:
Formação e atualização em prol de uma escola inovadora

 

 

No dia 5 de fevereiro, o GEC Nilo Peçanha, localizado no bairro de São Cristovão, recebeu cerca de 70 professores de outros ginásios para formação e troca de experiências sobre Estudo Dirigido e Eletivas. São eles: GEC Mario Paulo de Brito, Orsina da Fonseca e Rivadávia Corrêa. Também estavam presentes professores do 1º GEA (Ginasio Experimental de Artes) Vicente Licinio Cardoso.

 

 

O acolhimento foi realizado de modo especial pelo GEC Nilo Peçanha, que preparou carinhosamente a recepção para os colegas. Todos os participantes estavam conscientes da grande responsabilidade que é ser um professor mediador, parceiro e integralmente dedicado. A união e o espírito de equipe era sentido em todos os momentos: no dar as mãos, no olhar, no sorriso e na emoção estampada no rosto ao ouvir as experiências relatadas pelos colegas.

 

 

Professores participam da dinâmica "Teia" na Capacitação realizada no GEC Nilo Peçanha.

 

 

Os professores descreveram os desafios vividos e as vitórias obtidas. Trocaram experiências sobre como deve ser o Estudo Dirigido e sobre a importância das Eletivas (disciplinas da parte diversificada do Ginásio, já que os alunos optam por uma a partir de seus sonhos e expectativas para o futuro). Os professores do GEC acolhedor disseram que as mais procuradas são: Karatê, Tênis de mesa, Xadrez, Jornal, Matemática para concursos, HQ e Multimídia e Teatro das Letras.

 

 

Professores em Capacitação trocando experiência sobre Estudo Dirigido e Eletivas.

 

 

Educar é e sempre será um exercício contínuo, desafiador e belo. O protagonismo juvenil gera mudanças decisivas na realidade dos alunos.  Ser um professor mediador e parceiro do jovem na descoberta de novos conhecimentos é um trabalho que dá resultados significativos que acompanham o aluno por toda vida.

 

 

Alunos do GEC Rivadávia Corrêa comemoram IDEB alcançado!

 

Para saber mais sobre nossos GECs, clique nos links abaixo,

e não esqueça de comentar a postagem!

 

Blog do GEC Nilo Peçanha

Blog do GEC Rivadávia Corrêa

Ginásio Experimental Carioca

Ginásio Experimental de Artes Visuais

Educopédia

 

 

* Professor, queremos conhecer e divulgar o blog e os projetos desenvolvidos por sua escola. Aproveite este espaço que é feito para nós! Entre em contato com o representante do Rioeduca em sua Coordenadoria e participe. *


Professora Rute Albanita
   Representante Rioeduca.net da 1ª Coordenadoria Regional de Educação
ruteferreira@rioeduca.net
Twitter: @Rute_Albanita

 

 

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Segunda-feira, 25/11/2013

Oficina Stop Motion

Tags: 6ªcre, capacitação, educopédia, mídias.

 

 

A professora Maristela Porto ministrou a oficina de animação Stop Motion em 12 de novembro, às 9 horas, na Escola Municipal Rose Klabin. Teve como público-alvo os professores Embaixadores e Articuladores da Educopédia. O objetivo principal é oferecer aos educadores novas possibilidades de trabalhar conteúdos em sala de aula.

 

Stop Motion é uma técnica de animação quadro a quadro usando uma máquina de filmar, com uma câmera fotográfica e um computador. Utilizam-se modelos reais em diversos materiais, sendo o mais comum a massinha de modelar.

 

Os modelos são movimentados e fotografados. Essas imagens são montadas em uma película cinematográfica, criando a impressão de movimento. Nessa fase, podem ser acrescentados efeitos sonoros, como fala e música.

 

A técnica Stop Motion é utilizada como instrumento pedagógico pela professora Maristela Porto, da Escola Municipal Paraíba. Através da técnica, a educadora trabalha vários conteúdos com os alunos de forma dinâmica e criativa.

 

Uma de suas animações é o curta Os Vermes Perigosos, criado em 2011 pelos alunos da turma 1.201 da Escola Municipal Paraíba. A animação foi toda feita em massinha de modelar e conta a história de um verme que resolveu constituir família dentro da barriga de uma menina. O final é surpreendente! Vamos assistir?

 

 

Animação produzida sob a orientação e direção da professora Maristela Porto.

 

A Articuladora da Educopédia Thaís Duarte convidou a professora Maristela Porto para realizar uma oficina de animação para os Embaixadores da Educopédia da 6ª Coordenadoria Regional de Educação e para os Articuladores da Educopédia das outras CRE's. O convite foi aceito de imediato e com muita alegria!

 

A oficina Stop Motion foi realizada no dia 12 de novembro, na Escola Municipal Rose Klabin, às 9 horas, em parceria com a Subte - Subsecretaria de Novas Tecnologias -, representada pela professora Susan Rocha - Coordenadora dos Articuladores -, e com a Gerência de Educação da 6ª CRE através da professora Patrícia Fernandes.

 

Para criar o Stop Motion, a professora Maristela utilizou um computador, um programa para edição de vídeos - o Muan -, uma máquina fotográfica e massinha de modelar de várias cores para a criação das personagens.

 

 

A história do Stop Motion remonta aos primórdios do cinema. O mágico e ilusionista francês George Méliès viu nessa arte uma ótima possibilidade para dar sequência aos seus truques misteriosos que encantavam a todos.

 

 

Planeje sua filmagem! Procure elaborar um roteiro, espaço de movimentação dos personagens e cenário para não ter nenhuma surpresa durante a filmagem e acabar perdendo tempo e trabalho.

 

Os professores produziram dois vídeos com a técnica Stop Motion. O primeiro vídeo teve duração de onze segundos e mostra um pássaro indo em busca de comida. O segundo durou dois segundos e fez uma homenagem à Proclamação da República através da bandeira do Brasil. Confira os vídeos clicando AQUI.

 

Os professores ficaram encantados com a técnica de animação e com as diversas possibilidades de uso desse instrumento como recurso pedagógico: desenvolvimento do trabalho em grupo, aprimoramento da escrita e da leitura, construção de habilidades manuais e de manuseio de instrumentos tecnológicos; além do desenvolvimento da habilidade de contar histórias.

 

Todos saíram da capacitação com ideias interessantes para colocar em prática e, principalmente, pensando em novas formas de fazer educação através de uma proposta que incentive, cative e surpreenda os alunos. Isso é fazer educação de qualidade!

 

 

Suavidade de movimentação: para tornar mais real sua animação, suavidade nos movimentos é essencial.

 

 

Usada tanto em desenhos animadas quanto em filmes com atores reais, essa técnica é bastante difundida no meio cinematográfico e há algumas décadas faz parte da rotina criativa de diversas pessoas ao redor do mundo.

 

Parabéns a todos os envolvidos no processo de organização da oficina Stop Motion e, principalmente, à professora Maristela Porto, que transmitiu de forma simples e criativa o seu fazer pedagógico, contribuindo para a melhoria da educação carioca. É um prazer ter o seu trabalho no Portal Rioeduca!

 

Quer ter o seu trabalho publicado no Portal Rioeduca? Entre em contato com a representante do Rioeduca da sua Coordenadoria! Este espaço é meu, é seu, é nosso! Até a próxima semana!

 

Professora Patrícia Fernandes - Representante do Rioeduca na 6ª Cre

E-mail: pferreira@rioeduca.net

Twitter: @Paty_PFF

 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share

Quarta-feira, 24/04/2013

IHA - Curso Básico para Utilização do Programa Boardmaker

Tags: iha, capacitação.

 

Ação: “Curso Básico para Utilização do Programa Boardmaker”.

Período: Maio a setembro de 2013.

Realização: E/SUBE/CED/INSTITUTO MUNICIPAL HELENA ANTIPOFF.


 

Objetivos do curso:

 

  • Apresentar, discutir e planejar estratégias para utilização do programa Boardmaker como ferramenta de acesso ao computador;
     
  • Apresentar os dispositivos de acionamento disponíveis e estratégias de uso junto aos alunos com deficiência e transtorno global do desenvolvimento;
     
  • Utilizar as ferramentas disponíveis no programa para construção de pranchas de comunicação social e pedagógicas (pranchas para impressão e pranchas dinâmicas);
     
  • Produzir atividades pedagógicas a partir do uso do programa.

 

Público-alvo: Professores do Atendimento Educacional Especializado que possuem o programa Boardmaker.


Carga Horária: 24 horas distribuídas em seis aulas com quatro horas de duração.


Vagas: 25 vagas no período da manhã (8h às 12h).


Local: Instituto Municipal Helena Antipoff – Rua Mata Machado, nº 15 - Maracanã.

 

Período de Realização: maio a setembro de 2013.

 

 

 

 

1. As inscrições serão on-line no formulário abaixo.


2. A inscrição não garante a matrícula no curso. O professor fará a inscrição e deverá aguardar a confirmação. Será respeitada a ordem de inscrição.


3. O professor do AEE deverá realizar o curso como “5º dia”, no seu horário de trabalho.


4. Serão certificados os professores que obtiverem 75% de frequência.


5. Só aceitaremos inscrições de professores que atuam em Salas de Recursos Multifuncionais e que já possuem o programa Boardmaker.

 


 

E-mail responsável: smeiha@rioeduca.net.
Telefones: 2234-8709/ 2234-7962.

E-mail e telefone da Oficina Vivencial, que estará na rotina do curso:
ofvivencialiha@rioeduca.net, 2204-2150
.
 

                               

 

 

 


   
           



Yammer Share