A A A C
email
Retornando 117 resultados para a tag '11ªcre'

Terça-feira, 10/10/2017

Horta escolar e alimentação Saudável: Diminuindo a Evasão

Tags: 11ªcre, horta, sustentável.

 

Desde a inauguração no ano passado, a Horta da E.M. Rodrigo Otávio tem gerado frutos positivos para a comunidade escolar. Diminuição da evasão e alimentação saudável com alimentos orgânicos são alguns deles. CONFIRA!

 

A E.M. Rodrigo Otávio faz parte do projeto "Escolas Sustentáveis", desenvolvido pelas secretarias municipais de Meio Ambiente e de Educação. Nela se cultiva horta e compostagem, além de coleta seletiva de óleo vegetal e de resíduos eletrônicos, como pilhas e baterias, além de filtros de energia e poste eólico.

 

Destaque na foto para o tamanho de uma alface orgânica, na mão do Hortelão

 

O responsável pela horta é o hortelão Davi, esse conta com a ajuda dos alunos da turma do Acelera oito, juntamente com a professora regente Aline Amorim. Todos os produtos colhidos da Horta são orgânicos e conseguem complementar a salada servida aos alunos durante dois dias durante a semana, além de ser entregue parte aos alunos envolvidos e suas famílias, assim como a comunidade escolar em geral.

 

Após colheita, higienização na cozinha da escola

 

A professora Aline Amorim incentiva seus alunos a cooperarem na manutenção, levando-os no mínimo 2 vezes por semana para cuidarem da horta. Aline acredita que, para a turma de Acelera, fazer parte do projeto Horta na Escola faz com que eles se sintam responsáveis por tudo o que a horta pode produzir, motivando-os a comparecerem à escola todos os dias, para que o projeto dê certo - diminuindo a evasão.

 

Manutenção da horta com a turma de Acelera 8 da professora Aline Amorim

 

Relata também que é importante para os alunos porque os insere em um mundo de preocupação com o meio ambiente e também sobre a alimentação saudável, práticas alimentares saudáveis não só na escola como também em casa. Eles se tornam multiplicadores dessas práticas saudáveis!

 

Alimentação Saudável: Foco nos orgânicos

 

A frequência escolar dos alunos envolvidos na manutenção e cuidado da horta tem aumentado consideravelmente após o envolvimento no projeto Horta Escolar. 

 

Destaque para a Professora Aline Amorim tirando Selfie com a turma

 

 

Quer saber mais sobre?

Unidade Escolar: E.M. Rodrigo Otávio

Telefone: (021) 3367-7528 e 3383-8867

 

 

 

Contato para publicações:

 

 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 26/09/2017

Desfile Cívico: 450 anos da Ilha do Governador

Tags: 11ªcre, desfile, cívico.

 

No dia 05 de Setembro a Ilha do Governador completou 450 anos e os alunos da rede pública municipal não poderiam ficar de fora da comemoração! As escolas da 11ª CRE exibiram seus trabalhos e atividades no Desfile Cívico. CONFIRA!

 

A 11ª Coordenadoria Regional de Educação (11ª CRE) realizou o concurso de Logo dos 450 anos da Ilha do Governador. A aluna Jéssica Cristina da E.M. Dunshee de Abranches teve seu desenho selecionado, servindo de inspiração não só para os meios de comunicação da festa, como também para o bolo que foi cortado após o desfile cívico.

 

Da esquerda para a direita: Professora Dalva Lisboa, aluna Jéssica Cristina, Buchecha e a diretora Gisella Fernandez

 

O concurso consistia em promover, entre os alunos das escolas municipais da Ilha, uma imagem criativa utilizando o número “450”.

 

Folder de divulgação

 

Além do Desfile Cívico, foram realizados diversos serviços gratuitos para a população, tais como: emissão de carteira de trabalho e aferição de pressão. A banda da Guarda Municipal e o cantor Buchecha também de apresentaram, assim como apresentações de DJ.

 

GEC Anísio Teixeira

 

Veja fotos de mais algumas escolas participantes:

 

CIEP Olga Benário Prestes

 

E.M. Padre José de Anchieta

 

Creche Municipal Stella Maris

 

E.M. Cândido Portinari

 

E.M. Professora Lavínia de Oliveira Escragnolle Dória

 

 

Quer saber mais sobre?

Unidade Escolar: Gerência de Educação da 11ªCRE

Telefone: (021) 3383-8144 

 

 

 

Contato para publicações:

 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 12/09/2017

Cantinho Jornalístico da Leitura e RJ 56: No EDI Tenente Pedro de Lima Mendes

Tags: 11ªcre, jornal, notícias, ei.

 

A professora Alexandra Paixão, do EDI Tenente Pedro de Lima Mendes, tem ampliado de forma simples e prazerosa, não só o conhecimento dos alunos, como também o vocabulário, através das notícias de jornal e telejornal. CONFIRA!

 

A partir do projeto "Histórias que vem, histórias que vão... Cada uma ensina uma lição. Siga esta trilha" a professora Alexandra Paixão da turma EI - 56, tem se utilizado das notícias de jornal e telejornal para não só ampliar o vocabulário dos alunos, mas também explorar os múltiplos usos e funções da língua oral e escrita, desenvolver o gosto e o prazer pela leitura e escrita, além de oportunizar o amplo debate acerca das notícias.

 

Professora Alexandra Paixão junto com alunos da turma EI - 56

 

O projeto se torna oportuno, visto que, conforme relato da professora, "em tempos de interatividade via telefone celular e internet, cada vez mais próximos da realidade de nossas crianças, fazer com que elas se interessem pela leitura de jornais não é tarefa das mais fáceis, mas, certamente, é fundamental para formar leitores habituais e cidadãos bem informados. Para uma criança tomar gosto pelo jornal, o primeiro passo é acabar com a ideia de que o jornal é coisa de “gente grande” e proporcionar, por meio da ludicidade, uma gama de propostas que façam com que o trabalho com o mesmo possa ser desenvolvido de forma leve e prazerosa".

 

Cantinho Jornalístico da Leitura, antiga Locomotiva da Leitura

 

Cantinho Jornalístico da Leitura

Uma vez por dia, a professora convida um grupo de 3 a 5 crianças para sentar no “Cantinho”. A seguir, pede para que cada um pegue um jornal, escolha uma palavra, recorte e cole num pedaço de papel. Como usam a letra caixa alta, depois que a criança cola a palavra, Alexandra escreve a mesma com o tipo de letra que trabalham e convida a fazer uma leitura.

 

Desenhando e levantando hipóteses com relação a escrita

 

Neste momento, todos que estão por ali com ela realizam suas tentativas. Com relação às possíveis dificuldades, a professora vai mediando de modo que eles se ajudem. Finalizada as tentativas, toda turma é convidada a fazer uma grande roda e as palavras são expostas. As crianças que estavam no “Cantinho” apresentam suas palavras e seus respectivos significados e, logo a seguir, a professora retoma a palavra dentro da notícia onde estava para ampla discussão e para verem se dentro da notícia o significado continua o mesmo.

 

RJ 56

O nome escolhido faz referência ao telejornal que as crianças conhecem e ao número que identifica nossa turma. É composto por uma TV gigante encapada com jornal e um microfone decorado com desenhos feitos pelas crianças. A TV é utilizada pelas crianças a fim de que elas possam se posicionar em relação a quaisquer questões que possam surgir no decorrer do trabalho com notícias. A princípio, elas a estão utilizando para darem suas opiniões, mas, a seguir, abordaremos a crítica, o entretenimento, a culinária. Vale ressaltar que, nesta última semana, a professora adaptou a TV e o microfone à Semana da Educação Infantil a fim de colher depoimento dos responsáveis e crianças acerca da proposta.

 

Funcionárias da escola participando do Plantão SEI (Semana da Educação Infantil)

 

 

Parabéns professora Alexandra! Com certeza a paixão não está só em seu sobrenome, mas também na paixão de realizar um trabalho de excelência que repercute positivamente a todos em sua volta!

 

 

Quer saber mais sobre?

Unidade Escolar: EDI Tenente Pedro de Lima Mendes

Telefone: 2463-8957 ou 3393-0052

 

 

Contato para publicações:

 

 


   
           



Yammer Share

Terça-feira, 29/08/2017

Entrou Água no Cordel: 5º e 6º ano Experimental

Tags: 11ªcre, cordel, português.

 

Alunos do 5º e 6ª ano experimental, da E.M. Holanda na Ilha do Governador, tiveram uma experiência maravilhosa: um passeio ao Parque das Ruínas para participar do Projeto "Entrou Água no Cordel" realizado pelo Grupo Ecoarte. CONFIRA!

 

 

Os alunos foram recebidos por Morena Buzar, integrante do Grupo Ecoarte, que acomodou as crianças para a apresentação de um espetáculo teatral seguido de dinâmicas que abordaram temas como: reciclagem, cuidados com a água, prevenção de doenças causadas pelo mosquito Aedes Aegypti e consumo consciente.

 

Visita ao Parque das Ruínas para assistir a peça. Destaque na foto aos membros do Ecoarte

 

O tema em cena é ecológico: na peça, a água ganha vida, torna-se um personagem e apresenta ao público as consequências dos maus-tratos sofridos ao longo da história. O objetivo do projeto é desenvolver a consciência socioambiental em crianças e jovens através da ArteEducação, estimulando-os ao exercício da cidadania.

Os alunos foram divididos em grupos e cada grupo foi supervisionado por um integrante do Grupo Ecoarte que apresentaram atividades sobre prevenção de doenças causadas pelo Aedes Aegypti. Ao final das atividades eles ganharam uma mochila e caneta feitas com material reciclado, além de um lanche saboroso.

 

Alunos animados participando das atividades

 

 

Os alunos e professores adoraram a manhã prazerosa que eles tiveram com esse evento. Educação de forma lúdica e prazerosa!


 

Quer saber mais sobre?

Unidade Escolar: E.M. Holanda

Telefone: 3353-9933 

 

Contato para publicações:

 


   
           



Yammer Share