Rio Educa
A A A C
email

Sexta-feira, 24/06/2016

CIEP Pontes de Miranda no Combate ao AEDES: Um Por Todos, Todos Por Um!

Tags: 9ªcre, projeto, aedes, zika, dengue.

 

 

 

 

O CIEP Francisco Cavalcante Pontes de Miranda se mobiliza para evitar a proliferação do mosquito Aedes Aegypti. 

 

Desde o início do ano letivo, a Coordenação Pedagógica, junto à Sala de Leitura e à comunidade escolar, vinham pensando em questões que implicam tanto no individual quanto no coletivo. Dessa forma, foi importante pensar em ações que mobilizassem não apenas os alunos, mas toda a unidade escolar, bem como a comunidade do entorno. Assim, as turmas, desde a Educação Infantil, foram discutindo a importância de uma grande mobilização. Os educadores lançaram mão de vários recursos, explorando diferentes linguagens (vídeos, livros, panfletos, jornais, histórias em quadrinhos, músicas, jogos etc.), a fim de mostrar o quanto era imprescindível conhecer o problema para pensar em ações coletivas de combate ao mosquito Aedes Aegypti e propiciar uma vida mais saudável.

 

 

Aos poucos as ideias foram se solidificando e favorecendo o protagonismo infanto-juvenil. Com as nossas crianças e adolescentes conscientizados e participativos nessa empreitada, o Projeto foi ganhando força e conquistando nossos aliados, ao passo que novas estratégias foram sendo propostas. Logo no início do 1º bimestre, todos os responsáveis foram convidados a participar da Campanha de Mobilização de Combate ao Aedes Aegypti, através de uma palestra, com vídeo e debate, além do compromisso de realizar pequenas ações em sua residência e no entorno.

 

 

No dia da grande Mobilização contamos com parcerias externas e com atividades pedagógicas e recreativas, envolvendo uma abordagem bilíngue (Línguas Portuguesa e Inglesa). Os alunos tiveram a oportunidade de abordar o assunto de forma interdisciplinar, através de: produção de cartazes, tirinhas, charges, tabelas de sintomas, paródias, móbiles, reaproveitamento de materiais, jogos (“Let’s kill Zika!”, jogo da memória, etc.) e dramatização (“Uma visita indesejada”). Na ocasião, tivemos a visita de agentes de saúde da Clínica da Família, que atende a comunidade local, auxiliando na panfletagem e na conscientização acerca das doenças causadas pelo Aedes. 

 

 

Os alunos tiveram a oportunidade de visitar a Estação de Tratamento de Água (ETA Guandu/CEDAE). A discussão não se limitou ao tratamento da água, pelo contrário, os técnicos articularam questões para a conscientização ambiental dos alunos, a fim de evitar a poluição dos rios, o desperdício de água, o desmatamento, etc. Outras ações também foram sendo agregadas, com outros profissionais da saúde (médico, enfermeira, técnicos em Enfermagem), uma vez que o foco principal é a vida saudável: vacinação de meninas, saúde bucal, palestra sobre hanseníase e tuberculose, além da Oficina sobre plantas medicinais, realizada pela SMDS (com técnicos agrícolas da Fazenda Modelo). A saúde mental também foi enfatizada, em parceria com os “Doutores da Alegria”, através do espetáculo “Festa no Céu”, incentivando os alunos a viajarem pelo mundo da leitura e da imaginação, a fim de compreender melhor o mundo em que vivemos.

 

 

Oportunamente, no Dia do Brincar sem Muros, enfatizamos mais uma vez a necessidade do envolvimento de todos nessa mobilização, integrando atividades lúdicas e artísticas, quando os responsáveis interagiram com as crianças através de jogos como: cabra-cega e “Estação de tratamento de combate ao mosquito”, que teve as seguintes etapas: colocar terra nos vaso de planta; retirar a água parada das garrafas pet; colocar água nas vasilhas e tampar; recolher o lixo (bolinhas) e ensacar; tampar as garrafas abertas; bater/matar os mosquitos sobreviventes (produzidos com pet). Em seguida, os responsáveis produziram esculturas com frutas e legumes, junto às crianças, e a sobra (cascas) foi reaproveitada para o processo de compostagem do solo; o que favoreceu discutir alimentação saudável, reaproveitamento de alimento e alimentação alternativa.

 

 

Contato com o CIEP pelos telefones 3394-0622 e 3364-1620, ou pelo e-mail ciepfmiranda@rioeduca.net.

 

 

 


                               

 

 

 

 


  

Quinta-feira, 23/06/2016

SME homenageia alunos nota 10

Tags: eventos, sme, homenagem.

 

 

 

                                                                                                                                                 Créditos: Hélio Melo

 

SME homenageia alunos nota 10


Os 23 melhores alunos do 9º Ano do Ensino Fundamental que só tiraram nota 9 e 10 durante todo o ano de 2015 ganharam um Tablet da Secretária Helena Bomeny. Os premiados celebraram a vitória com professores, diretores e responsáveis.

 

                                                                                                                                               Créditos: Hélio Melo


Para a secretária Helena Bomeny, os vencedores demonstraram o compromisso que tem com os estudos, "Essa garotada é muito competente e a gente tem muito orgulho, parabéns!", afirmou a secretária.

 

                                                                                                                                                        Créditos: Hélio Melo

 

Abaixo vídeo com os melhores momentos da homenagem

 

 

 

 

Márcia Prado
Coordenadora de Eventos da SME
Prefeitura do Rio de Janeiro
 

 

 

                               

 

 

 


  

Quinta-feira, 23/06/2016

“Rio 2016, a vez do Brasil”

Tags: 3ªcre, olimpíada, folclore.

 

   

 

 

O PPA do EDI 03.12.804 Professora Tania Martins Novo Lenz, neste ano, tem como tema as OLIMPÍADAS 2016, e, no projeto do 1º bimestre “Rio 2016, a vez do Brasil”, foram vivenciadas as diferentes regiões do Brasil. Vamos conhecer esse trabalho?

 

 

Celebrando a diversidade do nosso país, cada segmento ficou responsável por uma região. A divisão ficou da seguinte forma após um sorteio: Berçário (Região Norte), Maternal I (Região Nordeste), Maternal II (Região Centro-Oeste), Pré I (Região Sul) e Pré II (Região Sudeste). As cores do Brasil foram bem exploradas decorando as salas e EDI, o Hino Nacional e a Bandeira. Os mapas do país e regiões foram apresentados de forma lúdica, de acordo com a criatividade de cada educador.

Para conhecer melhor o Brasil, seus estados, costumes e cultura, iniciamos uma grande jornada de pesquisa para conhecer as danças, hábitos alimentares, vestimentas, lendas, etc. Durante a realização do projeto, houve a participação de toda a comunidade escolar. 

A mãe de uma aluna gaúcha da Pré Escola, que estava responsável pela Região Sul, veio contar a história do chimarrão e as crianças aprenderam como preparar e depois saborearam esta iguaria. Também brincaram de pisar em bolas com tintas, dentro da bacia, imitando a festa da uva e logo após beberam o suco de uva preparado pela professora. Na festa, a turma EI-22 apresentou a dança do Pezinho e o Xote Carreirinho  e a Turma EI-21 além de estudar as lendas e costumes, apresentaram a Dança do Pau de Fita.

 

 

A Turma do EI-11 (Pré II), responsável pela Região Sudeste, experimentou o pão de queijo de Minas Gerais, sentiu o cheirinho do café das fazendas do Espírito Santo e conheceram um pouco da arquitetura da metrópole da maior cidade urbana - São Paulo. 
Conheceram também um pouco mais da nossa cidade - o Rio de Janeiro - com seus pontos turísticos.

A Turma do EI-11 (Pré II), responsável pela Região Sudeste, experimentou o pão de queijo de Minas Gerais, sentiu o cheirinho do café das fazendas do Espírito Santo e conheceram um pouco da arquitetura da metrópole da maior cidade urbana - São Paulo.
Conheceram também um pouco mais da nossa cidade - o Rio de Janeiro - com seus pontos turísticos.
Nesse momento, estudaram e demonstraram a face do Rio de Janeiro como cidade olímpica, apresentaram os mascotes olímpicos , e desfilaram no “Calçadão de Copacabana” representando a beleza das cariocas e dos meninos do Rio. Escolheram o samba para representar a região estudada.

As turmas do Maternal II exploraram o Pantanal Mato-Grossense e se divertiram aprendendo sobre a flora e a fauna, montando um cenário lindo com sucatas e atividades artísticas. Assistiram vídeos relacionados à região e os índios que vivem no local . Apresentaram a música do Grupo Palavra Cantada “Ciranda dos Bichos” para representar a região.

 

 

O Berçário apreendeu sobre a cultura indígena e suas pinturas corporais, sobre os animais e a vegetação da região Norte e as lendas. Degustaram um pouquinho do guaraná natural com açaí, experimentaram o aipim/mandioca da cultura amazonense, dançaram o Carimbó e as músicas de festa de Parintins e brincaram com o Boi confeccionado de caixa de papelão.

O Maternal I adorou trabalhar a Região Nordeste, brincaram de pipa e o Bonecão de Olinda adaptado, provaram a tapioca, confeccionaram o chapéu e sanfonas para dançar a música do Rei do Baião, Luiz Gonzaga.

E neste mesmo ritmo, o dia 27 de abril , da nossa Avaliação, foi palco de uma  homenagem para  a Região Nordeste, com decoração, artesanato, músicas de Luiz Gonzaga, tapioca e Literatura de Cordel; que emolduraram as discussões dos  textos propostos pela SME/CRE.


 

 

Um pouco sobre o  EDI 03.12.804 Profª Tania Martins Novo Lenz e sua patronesse:

Inaugurado no dia 17 de abril de 2012, o EDI 03.12.804 Profª Tania Martins Novo Lenz recebeu esse nome para homenagear a professora que tanto se destacou no cenário da educação da cidade do Rio de janeiro.

A carreira profissional da professora Tania Martins Novo Lenz teve início nos anos 80. Foi a primeira diretora do complexo escolar foi CIEP Pres. João Goulart (E/2ª CRE). Nos anos 90, como diretora, abriu o espaço do complexo escolar, então conhecido como Brizolão de Ipanema, para diversas parcerias. Por suas mãos chegaram aos alunos e também à comunidade do morro de Cantagalo projetos importantes, tais como: Afro Regae, Ballet –Dançando para não dançar, Boxe, capoeira, oficinas de Prancha de Surf, Teatro e o primeiro embrião do Projeto Criança Esperança na comunidade, dentre outros.

Em pouco tempo sua liderança foi reconhecida e respeitada por todos na comunidade. E a professora do asfalto da Zona Sul, que subiu o morro para trabalhar, passou a ser reconhecida como Tania do Brizolão do Cantagalo; nome e sobrenome do qual se orgulhava.

Agora a professora se faz reconhecer como Tania Lenz; nome e sobrenome que jamais esqueceremos. Professora Tania Novo, Tania do Brizolão do Cantagalo, Tania Lenz, não importa como a conheceram, hoje sentiremos muitas saudades.

 

 

Parabéns para o EDI ProfªTania Martins Novo Lenz pelo trabalho de excelência que vem sendo desenvolvido com seus alunos e motivo de orgulho para a sua  comunidade escolar.

 

 

 

 

 

                               

 

 

 


  

Quarta-feira, 22/06/2016

Todos Contra o Aedes aegypti

Tags: 2ªcre, dengue.

 

 

 

As ações que combatem ao mosquito Aedes Aegypti precisam ser praticadas por todos os cidadãos. E nossas escolas estão trabalhando para formar cidadãos conscientes e responsáveis pelo ambiente coletivo.

 

A Creche Municipal Winnie Mandela e a Escola Municipal Matta Machado, desenvolveram projetos cujos objetivos eram fazer com que os educandos compreendessem a importância da participação de todos no combate ao mosquito Aedes Aegypti. Assim, os alunos também poderão multiplicar as informações recebidas na escola, auxiliando na melhora da vida em sociedade.

 

 


A Creche Municipal Winnie Mandela desenvolveu o projeto na Semana de Mobilização da Família e da Comunidade Escolar, visando informar ações que combatam do Aedes Aegypti e ao Zica. Houve a participação das famílias e os estudantes foram os protagonistas desse momento.


Através de conversa informal as crianças foram conscientizadas sobre a importância de combater esse mosquito. A equipe pedagógica realizou atividades para que as crianças internalizassem esse conhecimento por meio de uma aprendizagem cheia de significados. Dentre as atividades realizadas estão: a construção do mosquito vilão com materiais reciclados e uma passeata dentro da creche.

 

Atividades sobre o projeto.

 

Além disso, a equipe pedagógica levou os alunos para observar o Rio Joana, que fica ao lado da creche. Após a visita, foram confeccionados cartazes, maquetes do rio poluído e latas de lixo.

Para enriquecer as atividades do projeto, os alunos, junto com os professores, dramatizaram tudo que esse mosquito é capaz de fazer e brincaram de pique mosquito.

E para encerrar esta semana as famílias foram convidadas para participar de uma passeata dentro da comunidade.

 

Aprendendo lições de cidadania.

 

A Escola Municipal Matta Machado desenvolveu o projeto “Xô Aedes”, propondo ações compatíveis com as diferentes faixas etárias as quais atende. E também a dinamização de estratégias capazes de despertar a consciência da comunidade escolar em seus diferentes segmentos.


As turmas de primeiro e segundo anos desenvolveram atividades sobre os sintomas causados pelo Zika Vírus e pesquisas sobre a forma de combater o mosquito e apresentaram a paródia “Era uma Casa”. Já as turmas do terceiro e quarto anos pesquisaram e desenvolveram atividades abordando o tema prevenção.

 

Murais com atividades sobre o projeto.

 

Alunos participando das atividades do projeto.

 

Os alunos do quarto, quinto e sexto anos pesquisaram e desenvolveram atividades sobre as causas da dengue, contágio, ciclo de transmissão do vírus, diagnóstico das doenças, tratamento, prevenção e a relação Zika Vírus com a microcefalia.

 

Apresentação de trabalhos realizados ao longo do projeto.

 

No encerramento do projeto, a escola recebeu os responsáveis para conhecerem os trabalhos realizados pelos alunos.

Parabéns às unidades escolares por desenvolverem ações que promovam a cidadania e o cuidado com o ambiente coletivo. Agradecemos as equipes pedagógicas que compartilharam conosco esta rica experiência.

 

Contatos das unidades escolares:

Creche Municipal Winnie Mandela cmwinnie@rioeduca.net

E. M. Matta Machado ccmatta@rioeduca.net

 

 

 

Divulgue também o trabalho de sua escola no portal Rioeduca.

Entre em contato com o representante de sua CRE.

 

 

Renata Carvalho - Professora da Rede e representante do portal Rioeduca na 2ª CRE

renata.carvalho@rioeduca.net